Garanhuns

Garanhuns
Fique em dia com Garanhuns

GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

sexta-feira, 29 de abril de 2016

FILHA DE ALUÍZIO ALVES CONDUZIRÁ TOCHA OLÍMPICA

Lucirley Alves de Oliveira, 29, jornalista e professora será uma das garanhuenses que vai conduzir a Tocha Olímpica pelas ruas da capital pernambucana, representando seu Estado e a terra natal.

Luci é filha do radialista Aluízio Alves, o maior fenômeno de comunicação do rádio de Garanhuns, desde que aqui se instalou a primeira emissora, a Difusora, hoje Jornal do Comércio. A mãe da jornalista, Tânia de Oliveira Alves, certamente está orgulhosa pelo fato da filha estar no seleto grupo de brasileiros que irão conduzir o símbolo dos jogos olímpicos.

A garanhuense foi escolhida como condutora pela Nissan, que também indicou a Juju, retratada numa reportagem publicada anteriormente no blog.

Ela se inscreveu contando em poucas palavras a sua história, o envolvimento com os esportes, através da campanha #QuemSeAtreve, promovida pela empresa multinacional.

No dia 24 de fevereiro deste ano Lucirley recebeu a confirmação da Nissan que estaria entre os 12 mil condutores da Tocha Olímpica, espalhados por 300 cidades diferentes do Brasil.

“Desde criança tive contato com diversos esportes... Sempre que podia acompanhava o meu pai e meu irmão, Aluízio Segundo, aos estádios de futebol e fui tomando gosto pela coisa e logo comecei a praticar esportes”, revelou a filha de Aluízio Alves.

Acrescentou que durante o ensino fundamental e médio, nos colégios XV e Santa Sofia, praticou vôlei, futsal e handebol. “Quando tinha 10 anos conheci a natação e até hoje, entre idas e vindas, continuo praticando o esporte. Desde 2014 faço parte da equipe de Natação Masters do Sesc Garanhuns”, completou. 

Ela revela que com os esportes aprendeu valores que carrega consigo nas relações pessoais e também no trabalho e por isso sente-se muito honrada em ser condutora da chama Olímpica, que simboliza a paz e a união entre os povos. O revezamento é também uma forma de anunciar e festejar a chegada dos Jogos Olímpicos, que pela primeira vez é realizado na América do Sul. 

“Eu vou conduzir a Tocha Olímpica no Recife, cidade que me acolheu, no dia 31 de maio. Lá o percurso terá início no Arruda, percorrendo diversos outros bairros até chegar no Recife Antigo, onde teremos uma grande festa da cultura popular e o acendimento de uma pira olímpica, já que nossa capital foi escolhida como uma cidade-celebração”, informou a jornalista natural de Garanhuns. 

Ela lembra que na Suíça Pernambucano o revezamento será realizado um dia antes, dia 30 de maio. “Eu espero poder acompanhar a sua passagem por aqui também pra já entrar no clima e prestigiar esse evento tão significativo, que além de promover os valores olímpicos vai mostrar para o mundo as belezas das nossas cidades”, destacou. 

Um comentário:

  1. Francineide Silva30 de abril de 2016 07:09

    Quando seu Aluízio era vivo o programa Ronda Policial tinha 80% de audiência em Garanhuns e no Agreste hoje não chega a 50% que falta que ele faz, ainda bem que tem um jornalista da capacidade do senhor Roberto Almeida para se lembar dele e ainda bem que ficaram os filhos como essa menina que virou jornalista

    ResponderExcluir