ALEPE

ALEPE
ALEPE

sábado, 25 de outubro de 2014

AÉCIO E DILMA FAZEM BOM DEBATE NA GLOBO

Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PT) fizeram um debate bastante equilibrado, na TV Globo, ontem à noite e a petista mais uma vez surpreendeu pela postura firme, rebatendo com argumentos todos os ataques e questionamentos do adversário.

Aécio, em desvantagem nas pesquisas do Datafolha e Ibope, procurou ser mais light do que nos debates anteriores. Não usou nenhuma vez as palavras leviana e mentirosa.  Aproveitou a primeira pergunta, porém, para questionar Dilma sobre a reportagem da Revista Veja que envolve a petista e o ex-presidente Lula nos desvios de recursos da Petrobrás.

“A revista faz uma acusação sem provas e o senhor endossa”, respondeu a presidente. Ela lembrou que a Veja tem um histórico de oposição e fez e reportagens do mesmo teor – contra o governo – nas campanhas de 2002, 2006 e 2010, repetindo a prática agora em 2014.”Nós vamos à Justiça contra esse procedimento de tentar manipular o eleitor, isso não vai ficar assim”, pontuou, registrando que nunca perseguiu jornalistas, ao contrário do que fez Aécio quando governou Minas Gerais.

Na vez da presidente perguntar ela destacou a criação de empregos no seu governo e o aumento real do salário. Quis saber se o tucano concorda com uma afirmação do economista Armínio Fraga de que o salário mínimo está alto demais.

Aécio iniciou a resposta fazendo a defesa de Armínio, apontado como futuro Ministro da Fazenda, se o PSDB vencer a eleição. O candidato de oposição criticou o baixo crescimento econômico  do Brasil na gestão atual. “A situação do país é ruim, o governo fracassou e a inflação está fora de controle”, lamentou, reclamando ainda das obras inacabadas e com sobre preço sob a responsabilidade do Governo Federal. “Esse é o retrato do Brasil real, que está mal na saúde, na educação e na segurança”, frisou.

Dilma retrucou que o Governo FHC deixou o Brasil com a inflação maior. Enfatizou que nas gestões do PT foram criados milhões de empregos no Brasil e o salário mínimo aumentou 71% em termos reais.

CUBA - Aécio então voltou a uma questão já levantada num debate anterior. Falou sobre o gasto de dinheiro do Governo Federal num porto em Cuba e perguntou por que se esconde o financiamento secreto do referido empreendimento. "O que o seu governo tem a esconder com relação ao financiamento do porto de Cuba?", questionou.

“Quem tem a esconder é o senhor com relação aos gastos feitos em publicidade quando era governador, inclusive beneficiando rádios da família. Nós financiamos uma empresa brasileira que gerou empregos no Brasil”, disse Dilma. Segundo ela,  nos 800 milhões contratados foram gerados 156 mil empregos. “Quero lembrar que FHC também financiou empresas para colocar produtos tanto na Venezuela quanto em Cuba. Vocês deixaram o Brasil com mais de 11 milhões de desempregados. A taxa só era menor do que a da Índia. Vocês bateram recordes de desemprego e de baixos salários”, atacou a petista.

Aécio Neves devolveu o ataque: “Volto a esse assunto de  Cuba e revelo porque esse empréstimo é secreto.  É que o prazo para pagamento  é de 25 anos, diferente do que é para outros países”, revelou.

Como o oposicionista falou em Ministério do Desenvolvimento Econômico, neste momento da discussão, a presidente corrigiu:  “Não existe o Ministério do Desenvolvimento Econômico e sim o Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio. Sempre que se financia uma empresa, as cláusulas se referem à empresa. As cláusulas contratuais não foram feitas com Cuba e sim com a Empresa”, esclareceu.

MINHA CASA – Quando o jornalista William Bonner passou a palavra novamente a Dilma para que esta fizesse uma nova pergunta, ela falou sobre o programa Minha Casa, Minha Vida garantindo que foram quebrados todos os recordes de construção de moradia nas gestões do PT.

O tucano aproveitou para denunciar terrorismo eleitoral por partes dos petistas, revelando que em determinadas regiões do Brasil os governistas procuram espalhar que no caso de vitória da oposição os que estão inscritos no programa habitacional vão sair do cadastro. “Quero tranquilizar os brasileiros. Nós vamos manter o programa e aprimorar”, anunciou Aécio, prometendo avanços e trabalhar em parceria com governos estaduais e municípios.

Segura, a candidata afirmou que seu opositor não conhece o programa. E esclareceu que o “Minha Casa, Minha Vida” beneficia principalmente quem ganha até R$ 1.600. “A prestação é de apenas R$ 80 reais”, completou acusando os tucanos de terem sido contra o subsídios para as moradias populares.

Como em muitos momentos Dilma Rousseff fez críticas aos governos do PSDB e a gestão de Fernando Henrique Cardoso, o tucano fez questão de demarcar diferenças com seu companheiro de partido. “Em me orgulho muito de Fernando Henrique, mas faço questão de frisar que me chamo Aécio Neves”, alfinetou, garantindo que no seu eventual governo vai acabar com o aparelhamento do Estado e fortalecer os bancos públicos. Acusou ainda os petistas de permitirem o estouro da inflação e reclamou mais uma vez do baixo crescimento econômico.

Dilma  reagiu dizendo que os tucanos deixaram o Banco do Brasil com uma grave dívida, ao contrário do PT, que profissionalizou a instituição e deu lucro a mesma.  “Vocês quebraram a Caixa Econômica e o BNDES,  reduziram tudo ao tamanho que achavam que deviam ter – sem política industrial e sem política social”, completou.

Meu compromisso é com o controle da inflação. Mantemos dentro da meta. Quem não mantinha era FHC e vocês querem colocar na conta do Lula. Aumentaram imposto e deixaram um dívida pública muito maior.

“A história não se reescreve”, ponderou Aécio Neves, assumindo o compromisso de controle da inflação e lembrando que foi Fernando Henrique, com o Plano Real, que acabou com a espiral inflacionária no Brasil. “O seu governo descontrolou a economia do país”, disparou.

EDUCAÇÃO – Quando o assunto passou a ser a educação, Aécio disse que gostaria de ser lembrado como o presidente que revolucionou a educação no Brasil. E lembrou que em Minas Gerais, como governador, permitiu no setor um salto de qualidade.

Para exemplificar o descompromisso dos tucanos com a educação, Dilma citou que no governo FHC foram construídas apenas 11 escolas técnicas, enquanto os petistas fizeram 422, um aumento de 1600%. “No Pronatec oferecemos ensino gratuito, transporte e material didático e vocês tiveram somente programas pilotos”, salientou.

"O que esse governo fez para que a qualidade da educação avançasse? Quero ser lembrado como o presidente que revolucionou a educação no Brasil. Minas tem a melhor educação do país", argumentou Aécio.

Além das perguntas entre os candidatos, o debate teve um bloco aberto a eleitores indecisos, que puderam fazer perguntas aos dois candidatos à presidência. Questões relacionadas com moradia, educação, corrupção e segurança foram feitas por pessoas do povo, de diferentes lugares do Brasil, como São Paulo, Belém do Pará e Vespasiano, em Minas Gerais.

Uma boa pergunta foi feita por Carla, de Curitiba, que quis saber quais os projetos dos candidatos relacionados com os idosos, já que as pessoas estão vivendo cada vez mais e o número de aposentados tende a aumentar.

Tanto Aécio quanto Dilma demonstraram preocupação com a questão levantada e cada um apresentou seus projetos voltados para atender as pessoas de mais idade. O tucano aproveitou para atacar o chamado “fator previdenciário” e Dilma lembrou que este foi criado na gestão de Fernando Henrique Cardoso, quando o ex-governador de Minas era deputado e líder do Governo.

Aécio ainda acusou o Governo Federal de estar atrasando os repasses financeiros da área de Assistência Social referentes às APAES, que cuidam das pessoas deficientes. A presidente negou os atrasos e disse que o que FHC gastou com o setor em quatro anos o PT investiu em apenas dois meses.

"MEU BANHO, MINHA VIDA" - Um dos melhores momentos do debate foi quando Dilma fez uma pergunta sobre planejamento e criticou o Governo de São Paulo pela maior crise hídrica do Estado nos últimos 80 anos. Aécio jogou o problema para a esfera federal e assegurou que Geraldo Alckmin fez o que estava ao seu alcance. “O eleitorado reconheceu e o reelegeu logo no primeiro turno”, registrou.

“O fato é que a água é responsabilidade do Estado, e nós do Governo Federal somos parceiros. Nós demos o projeto e estamos financiando um bilhão e 800 milhões de reais. Não planejar no Estado mais rico do país é uma vergonha. Nenhum estado do Nordeste está enfrentando um quadro igual ao de São Paulo”, argumentou a presidente.  “Vocês vão me desculpar mais eu vou concordar com o humorista José Simão, vocês estão levando o Estado para ter o programa “Meu banho, minha vida”, ironizou, arrancando risadas do público presente.

Imediatamente o assunto bombou no Twitter e milhões de internautas começaram a ironizar com a falta de água em São Paulo e comentando a ideia do programa “Meu Banho Minha Vida”.

William Bonner teve de por diversas vezes pedir a plateia que não se manifestasse, principalmente aos partidários de Aécio Neves, que sempre aplaudiam com entusiasmo as suas intervenções. A avaliação que se faz é que houve empate no debate da Globo, com uma ligeira vantagem da presidente Dilma, embora o tucano também tenha tido bons momentos.

Abaixo as considerações finais de cada candidato na TV Globo, reproduzidas do Portal G1:

4 comentários:

  1. TENTARAM CENSURAR A REVISTA VEJA. NÃO CONSEGUIRAM. AINDA HÁ JUÍZES EM BERLIM... O IMPEACHMENT DE DILMA É INEVITÁVEL...

    P.S1.: - O futuro Presidente da República será o mordomo de vampiro: Michel Temer!!!

    P.S2.: - Frase muito bem cunhada por Aecinho do Pó no debate da GLOBO: “Existe uma medida para acabar com a corrupção: TIRAR O PT DO GOVERNO”;

    P.S3.: - Houve um momento vexatório ou uma saia justa para a cérebro de “pixilinga” quando Aécio perguntou se ela continuava a achar ZÉ DIRCEU um herói ou se considerava justa a punição que lhe foi aplicada?!?!?!

    P.S4.: - O menino do Rio desmanchou a desmiolada da Anta... Foi de dá dó!!!
    P.S5.: - CORRUPÇÃO: uma nódoa petralha que não haverá produto químico que consiga tirar...

    ResponderExcluir
  2. EU VOU CITA AQUI ALGUMAS COISAS SOBRE ESTE DEBATE DA GLOBO DE ONTEM DIA 24/10/2014

    SOBRE...“fator previdenciário” e Dilma lembrou que este foi criado na gestão de Fernando Henrique Cardoso, quando o ex-governador de Minas era deputado e líder do Governo. SÓ QUE ELA NÃO MENCIONOU QUE ESTE MESMO FATOR FOI APROVADO NA CÂMARA E NO SENADO QUANDO CHEGOU NAS MAO DO PRESIDENTE LULA ELE VETOR DEIXANDO MILHÕES DE APOSENTADO NO PREJUÍZO.

    SOBRE O PROBLEMA DA AGUA AQUI ELA FALOU...Nenhum estado do Nordeste está enfrentando um quadro igual ao de São Paulo”, argumentou a presidente. SINCERAMENTE A PRESIDENTA DILMA NÃO CONHECE OS NORDESTINO ESTE POVO TÃO SOFRIDO AQUELES QUE A 12 ANOS ESPERA PELA AGUA DO VELHO CHICO E VIVE CARREGANDO UMA LATA DE AGUA BARRENTA SEM AS MÍNIMAS CONDIÇÕES DE USO.ISTO QUE ELA FALOU Meu banho, minha vida”, ironizou, arrancando risadas do público presente.SEMPRE ACONTECEU E ACONTECE COM OS NORDESTINO DESTE PAIS.

    SOBRE AUMENTO SALARIAL...salário mínimo aumentou 71% em termos reais.TUDO BEM NÃO SOU CONTRA MAIS NO GOVERNO O PT DEFASOU EM MAIS DE 80% DOS QUE GANHAVA ACIMA DO SALÁRIO MÍNIMO NO GOVERNO FHC ELE DAVA AUMENTO SALARIAL IGUAL PARA TODOS NO GOVERNO DO PT ISTO NÃO ACONTECE.

    SOBRE OS BANCOS... Dilma reagiu dizendo que os tucanos deixaram o Banco do Brasil com uma grave dívida, ao contrário do PT, que profissionalizou a instituição e deu lucro NESTE PONTO DOS LUCROS A DILMA TEM TODA RAZÃO PORQUE NO GOVERNO DO PT ONDE OS BANCOS GANHARAM MUITO DINHEIRO PRINCIPALMENTE DOS APOSENTADOS ESCRAVIZADOS PELO PT EMPRESTANDO CINCO MIL E LE TIRANDO ONZE MIL MAIS DUQUE O DOBRO EM CINCO ANOS.

    QUERO SALIENTAR AQUI QUE A DILMA NÃO DEU UMA RESPOSTA ACEITÁVEL PARA OS ELEITORES INDECISOS QUE SE ENCONTRAVA NA PRATEIA AO CONTRARIO DO AÉCIO EU PERCEBI ESTE FATO.

    J.A CAETÉS ...ESPERO QUE O SR ROBERTO ALMEIDA PUBLIQUE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EU PUDE PERCEBER QUE O JORNALISTA ROBERTO ALMEIDA TEM SIDO BASTANTE GENEROSO PARA COM TODOS NÓS PUBLICANDO AS NOSSAS OPINIÕES A FAVOR OU CONTRA,CONCORDANDO OU DISCORDANDO.

      LAMENTAVELMENTE QUE AINDA TEMOS UMA GRANDE E IMENSA PARCELA DA NOSSA SOCIEDADE QUE NEM AS MÍNIMAS CONDIÇÕES FINANCEIRAS DE INTERAGIR COM O MUNDO VIRTUAL.

      EXISTEM AINDA MUITAS CIDADES QUE A GRANDE MAIORIA DOS SEUS MORADORES NÃO DESFRUTAM DESSA HEGEMONIA DE TROCAR INFORMAÇÕES SOBRE OS DIVERSOS ASSUNTOS.

      O CONHECIMENTO ACUMULADO É MUITO IMPORTANTE. E QUANTO A GENTE PROCURA DESCREVER AQUILO QUE PENSA SEM ÓDIO E MÁGOA DE NINGUÉM FAZ BEM AO NOSSO EGO E AO NOSSO ESPÍRITO HUMANO.

      NESTES QUASE 60 DIAS EM QUE O BRASIL ESTEVE ENVOLVIDO DIRETAMENTE COM MAIS UMA ELEIÇÃO PARA OS CARGOS DE GOVERNADOR,SENADOR,DEPUTADOS ESTADUAIS E FEDERAIS E PRESIDENTE DA REPÚBLICA PODEMOS SENTIR NA PELE DE QUE A POLÍTICA NO PRIMEIRO TURNO FOI UMA COISA E NO SEGUNDO OUTRA TOTALMENTE DIFERENTE.

      NO PRIMEIRO TURNO PREVALECEU OS ATAQUES MUNICIPAIS, AS DISPUTAS PAROQUIAIS, AS SUJEIRAS DOS PREFEITOS E EX-PREFEITOS, EX-CANDIDATOS A PREFEITO RETORNARAM COM MUITO VAPOR NUMA VERDADEIRA DESCONSTRUÇÃO DE VALORES E COM MÉTODOS USADOS COMO SE ESTIVÉSSEMOS AINDA NOS TEMPOS DOS CORONÉIS.

      A PRAGA DO VOTO COMPRADO SE ALASTROU EM PRATICAMENTE TODOS OS MUNICÍPIOS DO BRASIL TOTALIZANDO 5.570 DELES.

      NO SEGUNDO TURNO AS DISPUTAS ELEITORAIS TAMBÉM SE DERAM NO CAMPO DOS ATAQUES DESDE O INÍCIO. O PT FAZENDO TUDO PARA TIRAR DO PÁREO A MARINA SILVA FAZENDO A MESMA CHORAR DIZENDO QUE PASSOU FOME E QUE NÃO IRIA ACABAR COM O BOLSA FAMÍLIA CONFORME INSINUOU TODOS OS SIMPATIZANTES DO PT PELO NORDESTE E PELO BRASIL.

      O PT PREFERIU ESCOLHER O PSDB PARA ATACAR NO SEGUNDO TURNO. VEIO MAIS UMA VEZ À TONA OS GRANDES ESCÂNDALOS DA ÉPOCA DE FHC E PSDB E OS MAIS RECENTES DO PT, MENSALÃO E PETROBRAS.

      LAMENTAVELMENTE QUE O PT TENHA AO LADO DE SEUS ALIADOS PMDB E PP PRATICADO UMA POLÍTICA IGUALZINHA AOS QUE LHE FIZERAM OPOSIÇÃO TRATANDO A COISA PÚBLICA COMO SE FOSSE SUA PROPRIEDADE PRIVADA.

      NÃO APRENDERAM EM NADA COM OS ERROS DOS OUTROS. SEJA QUEM FOR O PRESIDENTE DO BRASIL AMANHÃ, 26 DE OUTUBRO DOE 2014, O BRASIL MOSTRARÁ AO MUNDO QUE OS NOSSOS POLÍTICOS EM SUA MAIORIA ABSOLUTA FAZEM POLÍTICA TIRANDO COM AS DUAS OS RECURSOS FEDERAIS QUE DEVERIAM IR PARA A SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA PÚBLICA, REFORMA AGRÁRIA, HABITAÇÃO, CONSTRUÇÃO DE HOSPITAIS, COMPRA DE EQUIPAMENTOS, ARRENDAMENTO DE TERRAS PARA OS PRODUTORES TRABALHAREM E PARA MATAR A FOME DE MUITA GENTE E GASTAM NAS MILIONÁRIAS E BILIONÁRIAS CAMPANHAS POLÍTICAS COMPRANDO ESSE MESMO POVO COM AS NOTAS DE R$ 50,00 E R$ 100,0O CONFORME RELATO FEITO POR MIM A PERGUNTAR A VÁRIOS ELEITORES QUE RECEBERAM DEZENAS DE CABOS ELEITORAIS EM SUAS RESIDÊNCIAS E PELOS SÍTIOS E RUAS.

      O BRASIL PARA SAIR DA GRANDE CRISE ECONÔMICA PRECISA URGENTEMENTE DE UMA REFORMA POLÍTICA URGENTE COM A IMPLANTAÇÃO DO VOTO DISTRITAL PURO CONFORME TRATOU NO DEBATE DA GLOBO AÉCIO NEVES E JOSÉ SERRA PARA QUE FATOS COMO ESTE DA PETROBRAS NÃO VOLTE MAIS ACONTECER DAQUI PRA FRENTE.

      Excluir
  3. Tirar o PT do Governo e colocar o PSDB das privatarias, da compra da reeleição,dos juros extorsivos, chegaram 45 % aa, excelente para os banqueiros e 29 % de desempredados, além dos péssimos exemplos desse candidato do PSDB hoje. Parece piada, e de mau gosto.

    ResponderExcluir