ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

LUÍZA ERUNDINA COORDENA CAMPANHA DE MARINA

Luíza Erundina, deputada federal pelo PSB, será a nova coordenadora da campanha de Marina Silva à presidência da República. Natural da Paraíba, professora universitária, a socialista começou sua carreira política no PT e por esse partido se elegeu prefeita de São Paulo.

Erundina entra no lugar de Carlos Siqueira, que pegou uma briga feia com Marina Silva e largou a campanha.

Segundo a jornalista Denise Rothengurg, do Correio Brasiliense, Siqueira explodiu durante uma reunião com a candidata e saiu “atirando”.

"A senhora não precisa me demitir. Eu já estava de saída.” Diante de uma Marina atônita e tentando se aproximar, ele vociferou: “A senhora não me toque! A senhora não me conhece! A senhora acha que sabe tudo, mas não sabe nada! Essa coligação só não implodiu antes porque eu segurei muita coisa!”, disse Carlos Siqueira à candidata Marina Silva, segundo registrou Denise.

Independente dos desentendimentos internos, Marina consolida cada vez mais seu nome como candidata à presidência da República. Pesquisas internas dos partidos indicam que ela já ultrapassou Aécio Neves (PSDB), com números acima da margem de erro. O próprio PT já admite que a socialista é forte e deve disputar um segundo turno da eleição contra Dilma Roussef.

12 comentários:

  1. No campo da seriedade a paraibana Luiza Erundina é uma fortaleza. Meus sinceros parabens a Marina Silva por ter corage de mudar sua coordenação. Marina estar correta, o correto é se juntar com gente honesta. Quem no Brasil duvida da honestidade de Marina e Erundina. Duvida quem diga tantinho assim..........

    ResponderExcluir
  2. Eles estao assombrado e vem pesadelo por ai, o comando da campanha de Dilma Rousseff avalia que a candidata do PSB à presidência, Marina Silva, será a principal adversária do PT daqui para a frente e já prepara uma ofensiva com "mais Lula" para enfrentá-la. Se antes havia uma preocupação com a presença exagerada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na campanha, a cúpula do PT diz agora que a associação da imagem dele com Dilma será fundamental, principalmente no Nordeste. Pelo o que se ver, Marina tem tudo pa ganhar no primeiro turno.

    ResponderExcluir
  3. Tem gente que nem inflói nem comtribói. Foi bom a Marina ter espulsado esses dois puxa saco de Eduardo, Carlos Siqueira e Milto Coelho. A renovaçãop já começou. É assim que o Brasil quewr sair desse marasmo.

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho um motivo para não votar em Marina: Cada vez mais petistas se juntam na tropa de Marina. Erundina ex-prefeita petista em SP, ela mesmo que foi ministra de meio ambiente no governo Lula. A Dilma que se cuide por que ate o Lula pode virar assessor de Marina. PT nunca mais. Marina tambem. Nulo neles!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr. Gonzaga é que o PT já não é nem de longe o mesmo partido de quando elas era de lá.

      Excluir
    2. Não vote nulo ou branco. Seja útil votando útil. Vote no Aécio porque sem ele se correr Marina e se ficar a Dilma come!

      Excluir
    3. Eu quis dizer: ... se correr Marina pega e se ficar a Dilma come!

      Excluir
  5. PAULO CAMELO, CONSIDERA:

    1 - O ex-prefeito da Cidade de Recife, o Milton Coelho, renunciou a sua participação na Coordenação da Campanha de Marina, mas não fez falta e não tem voto. Metido a conquistador, é o mesmo que embriagado armou um "barraco" numa festa familiar dos descendentes de Ariano Suassuna e Eduardo Campos. É o mesmo que detonou o povo de Garanhuns, na Rádio Marano, em 2012, afirmando que Garanhuns não tinha político, esquecendo ou desconhecendo, por ser da Legião Estrangeira, de políticos do porte de Souto Filho, do Coronel Figueira (tio avô do ex-Secretário de Saúde, Antônio Figueira), de Elpídio Branco, de Cristina Tavares, de Randolph Rodrigues (o melhor Parlamentar do Brasil), de Luiz Souto Dourado, de Aluízio Souto Pinto, de Celso Galvão, e do seu padrinho, na época, o ex-presidente Lula;
    2 - Não voto na Marina, mas está correto a substituição do Carlos Siqueira, sem voto e sem ibope nacional, por Luíza Erundina. Agora, Coordenadora de prestígio nacional, uma vez que além de ter sido Prefeita de SP, é Deputada Federal, tem voto, equilíbrio e saber se expressar, além de ser honesta. Melhorou e não piorou;
    3 - Não sou simpático ao agronegócio da forma como está inserido no contexto nacional, além de provocar agressão ambiental, mas o agronegócio está representado através do vice, o Beto Albuquerque, o qual era o principal escudeiro de Eduardo Campos. Os adversários tentam desacreditar, mas o PSB com Marina está mais forte;
    4 - Voto em minha candidata Luciana Genro, pessoa altamente preparada e ex-Deputada Federal, pelo RS. Agora não saber como os adversários caminham, significa trilhar pelo caminho da perdição. Mas, a imprensa faz tudo de propósito para atrapalhar o processo eleitoral. Por exemplo: é preciso que a imprensa comece a distinguir os candidatos e suas posições políticas para contribuir com a politização do povo brasileiro. É incrível como a imprensa não diz quem são os candidatos de Direita, de Esquerda, de Centro, etc;
    5 - Aqui em PE, Armando Monteiro é igual a Paulo Câmara. Pois ambos são de Direita. A esquerda está representada pelos candidatos do PCB, PSOL e PSTU. Politizar a eleição seria muito bom para a Democracia.
    TENHO DITO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Senhor Paulo,

      Meu conterrâneo ilustre. Gostaria que o senhor me explicasse o que é ser de esquerda, direita ou centro na política brasileira. Aqui eu só sei o que é o etc. que o senhor também não explica o que é. O senhor é de esquerda, senhor Paulo? Se ser de esquerda é agir como o seus partido age (defendendo assassinos, arruaceiros, ladrões do dinheiro público, incendiários e outras espécies dizendo que é para fazer justiça social) o senhor pertence ao Nacional Socialismo, que foi o maior representante do socialismo na história.
      Eu só sinto é que um homem de bem como o senhor, ao invés de entrar num partido civilizado, viva tentando incutir na cabeça dos outros que o PSOL pode ser útil ao Brasil em alguma coisa.
      Hoje, o blogueiro patriota me chama de ultrareacionário, e eu até aceito a pecha desde que se interprete por isto, quem reagem as tentativas da esquerda de levar este país ao caos, onde só existirão os pobres e os cavaleiros feudais mandando neles lá de Brasília. Tome tento meu senhor.

      Excluir
  6. José Fernandes Costa22 de agosto de 2014 19:17

    Paulo Camelo continua sonhando acordado. - Ainda está vivendo no século XVIII, quando reinava Luís XVI, na França. - Foi naquela época que surgiu o conceito de direita e esquerda, pra denominar ideologias políticas. - O mundo hoje não sabe mais o que é direita, nem esquerda. - Mas, o Camelo ainda alimenta essas ilusões da época de Maria Antonieta. - 2. E diz Paulo Camelo que Carlos Siqueira devia sair mesmo do comando de campanha da Marina, porque não tem voto, nem Ibope. - Quem tem Ibope são os donos do Ibope. - Assim, não poderia ser Carlos Siqueira. - E Paulo Camelo esquece que os que não têm voto são necessários à política. Porque atuam nos bastidores, organizando as agendas dos que têm voto. – E engolindo cobras e lagartos, pra evitar uma explosão no meio do caminho. E foi isso que fez Carlos Siqueira, em face do radicalismo desse pessoal que quis armar uma rede e não conseguiu. – Foi por isso que Eduardo Campos deu uma legenda pra Marina sair com vice. – Por fim, Eduardo morreu, pra Marina vir armar briga com o pessoal que tem história no PSB, herança honrosa do doutor Miguel Arraes de Alencar. – Quem em Pernambuco, e mesmo no Brasil, tem mais história do que Miguel Arraes de Alencar? – Quem? – Responda, por favor, Camelo! – 4. E por falar em quem não tem votos, lembrei-me de Luciana Genro, que nem aparece em pesquisas de opinião. - Isto é, a candidata do Psol de Paulo Camelo não tem, nem sequer, 1% das intenções de voto. - Cadê a força do Psol que sonha com esquerda e direita? - Por isso mesmo, esses lunáticos / visionários nunca vão chegar a administrar a nação brasileira. - Razão por que sou forçado a votar em DILMA Rousseff, que já deu provas de que pode administrar o Brasil. - É ISSO. /.

    ResponderExcluir
  7. PAULO CAMELO, CORRIGINDO O TEXTO ANTERIOR.

    Onde se lê "ex-prefeito", leia-se: ex-vice-prefeito.

    ResponderExcluir
  8. Engraçado o senhor Fernandes Costa. Depois de quase uma aula de história colocando o Paulo Camelo no etc. diz que vai votar em Dilma, porque ela já deu provas que sabe administrar o Brasil. Ao contrário de Getúlio o Fernandes Costa saiu da história para cair na vida. Como alguém de bom senso pode dizer uma asnice destas? O Brasil escangalhado com uma inflação de 7% ao ano (sem contar os preços congelados) e crescimento zero pode ter sido bem administrado? E não me venha com a história da crise internacional que é uma grande fraude. Se há, um candidato que ainda pode nos trazer uma governança mínima é o Aécio Neves, este sim, que administrou Minas de forma melhor do que o Eduardo governou Pernambuco (este teve a ajuda de Lula o tempo todo) e tem traquejo na política (E não me venha com história de Aeroporto porque eu comparo com o mensalão tanto mineiro quanto petista e com o escândalo da Petrobrás). A Marina seria um desastre completo. Sem estes só nos resta Eymael e Levy Fidelis e o Branco. Se só der mulher no segundo turno eu fico com o Branco.

    ResponderExcluir