SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

terça-feira, 25 de maio de 2010

PREFEITO RESOLVE MANTER O PROCURADOR


O prefeito Luiz Carlos de Oliveira não pretende obedecer à recomendação do Ministério Público para afastar o procurador geral do município, advogado Roberto Falcão. O pedido de afastamento foi noticiado por esse blog, em primeira mão, por volta das 9h. O chefe do Executivo Muncipal, no entanto, considera que o seu auxiliar tem tido uma postura digna e não se justifica a sua demissão. Eis, na íntegra, a nota do Prefeito:



PREFEITURA MUNICIPAL DE GARANHUNS
Gabinete do Prefeito


NOTA OFICIAL

Em referência a recomendação emitida pelo Ministério Público de Pernambuco, Gabinete da Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania de Garanhuns, através do Dr. Alexandre Augusto Bezerra, a Prefeitura Municipal de Garanhuns, por seu Prefeito Constitucional, o Sr. Luiz Carlos de Oliveira, informa que o Dr. João Roberto Falcão Araújo, Procurador Geral do Município de Garanhuns, é um profissional digno, que têm agido com honestidade, competência e probidade no desenvolvimento de suas funções em defesa da Municipalidade, não havendo até o presente momento, nenhum motivo justo e legal que desabone a sua conduta, motivos pelos quais, o mesmo continuará a frente da Procuradoria Geral do Município, exercendo o cargo de Procurador Geral de Garanhuns.


Garanhuns-PE, 25 de maio de 2010.
Luiz Carlos de Oliveira
Prefeito

Um comentário:

  1. O ministério público deve investigar mais profundo, principalmente o Ex-diretor de finanças, uma vez que ele se tinha direito, devia ter cobrado na època uma vez que também é advogado,e pode ter armado isso com o propósito de fazer uma poupança, o mesmo acontecendo com o outro que era Secretário de finanças.
    É bom o Ministério Público investigar isso.

    ResponderExcluir