ALEPE

ALEPE
ALEPE

quarta-feira, 27 de março de 2019

VEREADORA FAZ SOLICITAÇÃO PELOS DEFICIENTES


Vereadora Betânia da Ação Social solicitou ao governador de Pernambuco, Paulo Câmara e ao Diretor do DETRAN/PE, que seja determinado aos Centros de Formação de Condutores instalados em Garanhuns a obrigatoriedade de disponibilizar em tempo integral um veículo (automóvel) adaptado para a realização de aulas práticas para deficientes físicos.

Segundo a parlamentar, portadores de deficiência física que tentam tirar carteira de motorista não encontram carros adaptados nos centros de formação de condutores aqui no município.

“Os deficientes físicos que pretendem tirar carteira de motorista, têm de buscar outros centros para fazer as aulas práticas e a prova de direção em outros municípios do Estado”, lamentou a vereadora. 

Betânia completou: “Precisamos dar melhores condições aos portadores de deficiência, dando a eles a mínima condição de poder se inserir na sociedade”.

3 comentários:

  1. neste dia 27, na sessão da Câmara de Vereadores de Garanhuns, foi aprovado um Projeto de Resolução apresentado pelo atuante vereador Alcindo de São Pedro, concedendo a Medalha Deputada Aurora Cristina à agradabilíssima jornalista SELMA DE MELLO. Em tradução simultânea, o excelente e oportuno projeto do vereador foi aprovado por unanimidade entre seus pares por se tratar de uma profissional reconhecida pela comunidade Garanhuense, donde, Selma Mello tem uma amabilidade cativante com todos que é simplesmente invejável. MEDALHA MAIS DO QUE MERECIDA!!!

    P.S.: - Na oportunidade, uma atitude de aplauso fica por conta do vereador GIL PM, em quem pese o entrevero que o parlamentar teve com a jornalista (questiúnculas meramente politiqueiras). Civilizadamente, GIL PM fez questão de votar favoravelmente, repito, no projeto que concede medalha mais do que merecida a uma jornalista que tem uma história de vida de prestação de bons serviços, principalmente no campo social a toda comunidade garanhuense.

    P.S.: - Que nome isso tem?!?!?! Claro que é convivência com a civilidade...

    ResponderExcluir
  2. Há, sim, muitos modos de fazer política, como também muitos modos de administrar sem mágoas nem ressentimentos, mas com muita responsabilidade uma Casa Parlamentar. Mas só uma postura é digna: com a planta dos pés do chão e a coluna ereta. É o que acaba de acontecer com o altaneiro presidente da Câmara de Vereadores de Garanhuns, Daniel da Silva.

    A Casa Raimundo de Moraes comandada sob a batuta do vereador Daniel, marca um tento histórico neste dia 27 de março de 2019. Pela primeira vez, há uma transmissão televisiva, AO VIVO, de uma sessão da Câmara entrando nos lares de todos os garanhuenses através da internet comandada pela empresa PAU POMBO WEB TV que se repetirá todas as quartas-feiras a partir das dez horas da manhã.

    Depois daquele tenebroso e mal sucedido episódio da frota de carros, o presidente Daniel da Silva deu a volta por cima e nos contempla com uma transmissão ao vivo das sessões da casa presidida por ele. O presidente da Câmara acertou em cheio. Até porque, nem tudo o que vem depois é causado por aquilo que vem antes e, uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. DE PARABÉNS A CÂMARA POR ESSA INOVAÇÃO VIA INTERNET!!!

    P.S.: - O Presidente da Câmara deixou de lado os entre tantos e partiu para os finalmentes... PRA FRENTE É QUE SE ANDA!!!

    ResponderExcluir
  3. "É necessário esclarecer que o termo correto ao se referir a alguém com deficiência é pessoa com deficiência e não “pessoa portadora de deficiência”. Essa revisão do termo “portador” para pessoa com deficiência já havia ganhado muita força em 2006, com a promulgação da Declaração dos Direitos Humanos Fundamentais das Pessoas com deficiência da Organização das Nações Unidas ratificada no Brasil em 2008. Por fim, no dia 03 de novembro de 2010 foi publicada a Portaria n. 2.344 da Secretária de Direitos Humanos da Presidência da República que regularizou oficialmente as terminologias legais aplicadas as leis sobre a matéria, instituindo legalmente o termo Pessoas com Deficiência abolindo de vez o termo portador de deficiência."

    ResponderExcluir