SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

GLOBO MANIPULA VIOLÊNCIA NO RIO DE JANEIRO

O Grupo Globo que apoiou o golpe de 1964, que preparou o terreno para a derrubada de Dilma e a chegada de Temer ao poder, é o mesmo que agora apoia a intervenção militar no Rio de Janeiro.

Em editorial no jornal impresso O Globo, a família Marinho defende ardorosamente a ação do Exército nas favelas do Rio e no Jornal Nacional, em janeiro e fevereiro, quase 50 reportagens foram feitas sobre a violência, mais da metade sobre a situação do estado sob intervenção na área de segurança.
Quem assiste William Bonner e Cia, imagina que a situação do RJ é mais grave do que de qualquer outro estado do país. Os relatos são dramáticos, como para justificar a ação autoritária do Governo Temer, que precisava de uma jogada desta para ver se melhora pelo menos um ponto de sua popularidade, de menos de 5%.

Na realidade no atlas da violência, feito pelo IPEA, o Rio está em 10º lugar, com taxas de mortalidade atrás de Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte, Pará, Ceará e Pernambuco.

O Brasil todo parece estar em guerra civil. Mas a Globo manipulou, como fez sempre e o Rio de Janeiro ganhou o título de estado mais violento do país.
E aí veio uma intervençãozinha, para gozo dos que sonham com a volta de uma ditadura militar plena, sólida, se espalhando por todo o Brasil.


Plim.Plim.

*Foto: Pragmatismo Político.

Nenhum comentário:

Postar um comentário