SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

domingo, 26 de julho de 2015

JARBAS DEFENDE AFASTAMENTO DE EDUARDO CUNHA

Apesar de ser um ferrenho adversário e Lula e Dilma (PT), o deputado federal Jarbas Vasconcelos, uma das lideranças mais antigas do PMDB, defendeu em artigo, publicado hoje em alguns dos principais jornais do País, o afastamento do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha, atualmente na oposição ao Governo Federal.
Cunha foi acusado pelo delator Júlio Delgado, da Lava Jato, de ter recebido US$ 5 milhões em propina. Depois que a denúncia veio à tona, o presidente da Câmara anunciou seu rompimento com a presidenta Dilma Rousseff, afirmando que se tratava de decisão "pessoal" e que não afetaria sua atuação como comandante da Casa. Jarbas define a decisão como "demonstração oportunista e aproveitadora", que "não pode" ser dissociada do cargo que hoje ocupa.
Sobre os trabalhos realizados na Câmara, no primeiro semestre, Jarbas Vasconcelos fez fortes críticas: “foram marcados pelo autoritarismo, de forma precipitada e desordenada". A população pôde acompanhar sessões de votações cheias de manobras regimentais”, pontuou.
Segundo o deputado pernambucano esses manejos fizeram com que assuntos altamente relevantes passassem pela Casa sem as discussões necessárias. “É o caso do projeto de terceirização, a redução da maioridade penal e essa falsa reforma política que está sendo discutida no Congresso", exemplificou.
O peemedebista defendeu ainda que na Câmara dos Deputados, "onde estão em jogo projetos e ações que mexem com a vida de toda a população brasileira, não é correto trabalhar de forma medíocre e confusa, como ocorreu no primeiro semestre deste ano". Para o segundo semestre, prevê que dificuldades e embates serão uma constante.
"Não podemos, como representantes eleitos da população, correr o risco de trabalhar pautados por quem não tem condições éticas de exercer sua função", bateu Jarbas Vasconcelos.

4 comentários:

  1. Agente de desinformação esquerdista dentro do PMDB.

    ResponderExcluir
  2. Primeiro quero aqui externar o meu apoio total ao prefeito Izaias Regis, para mim o melhor prefeito que Garanhuns já teve. Por isso mesmo peço SP nosso prefeito que não realize a festa aqui no bar do boiao um tremendo falta de respeito com nós moradores, aqui mora, idosos, crianças e não tivemos sossego neste sábado, por favor prefeito livre nos desse mal.
    Um morador desta rua.

    ResponderExcluir
  3. Dr. Jarbas Vasconcelos tem batido muito forte nesta incongruência e nesse desvio de conduta praticado pelo PMDB. É muito cara de pau um Presidente da Câmara Federal condenar todos os erros e falhas dos outros e no final , encontra-se envolvido no mar de lama podre.Pura hipocrisia ,falsidade e traição.Muito correta esta postura do ex-governador e senador de Pernambuco.

    ResponderExcluir
  4. Atitude corajosa e competente. Um homem sério não pode conviver como um de seus pares e pior Presidente da Câmara, um cretino da laia desse Eduardo Cunha. O lugar para ele ser Presidente é em Bangu I, um safado, um calhorda um sujeito da pior espécie.

    ResponderExcluir