quinta-feira, 22 de março de 2012

CDL TENTA DIMINUIR NÚMERO DE FERIADOS EM GARANHUNS

Os dirigentes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns, CDL, defendem uma redução do número de feriados em Garanhuns, a seu ver prejudicial ao desenvolvimento da cidade. Por conta desse posicionamento, os dirigentes classistas se reuniram esta semana com vereadores do município para discutir a questão.

Do encontro participaram os vereadores Marcelo Marçal (PDT), Sivaldo Albino (PPS), Ary Junior (PTB) e Geraldo Lucena (PV).  Empresários locais argumentaram sobre as dificuldades enfrentadas pelo comércio na livre concorrência com outros centros comerciais da Região. Segundo alguns dos diretores da CDL, o grande número de feriados municipais, aliado as onerosas taxas sindicais e direitos trabalhistas, inviabilizam o comércio a abrir as suas portas em datas religiosas ou comemorativas ao longo do ano.

Após ouvirem as explanações dos dirigentes, os vereadores garanhuenses, sensíveis ao pleito dos empresários, colocaram-se à disposição da Classe Lojista e prometeram levar as discussões para o plenário da Casa Raimundo de Moraes, sede do Poder Legislativo local. Antes, porém, deverá haver uma conversa com o representante da Diocese de Garanhuns, Bispo Dom Fernando Guimarães, chefe maior da entidade católica, para que possam chegar ao consenso em torno de uma data que deverá atender as expectativas de todos os seguimentos e não tragam prejuízos à comunidade.

Para o vereador Sivaldo Albino esta interação do Poder Legislativo com a CDL irá gerar vários frutos positivos para a população. “É muito bom ver que outras instituições buscam o Legislativo para propor ações e melhorias na qualidade de vida da população do Município. Fico feliz em ver que a Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns está, através de seus diretores, em especial o seu presidente Fernando Couto, preocupada com o bem estar de toda uma classe e consequentemente preocupado com a geração de uma economia forte e pujante”, afirmou.

Já o presidente da CDL Garanhuns, Fernando Couto, ressaltou a importância da parceria tanto com os Vereadores quanto com a Diocese de Garanhuns. “Sempre encontramos em nossos parceiros o entendimento de que as nossas ações têm como objetivo maior gerar um crescimento significativo para a Cidade e desta vez não foi diferente, tivemos o apoio da Câmara de Vereadores e com certeza teremos por parte da Diocese a aceitação do nosso pleito que será levado ao conhecimento do nosso bispo Dom Fernando Guimarães”, concluiu Fernando Couto.

6 comentários:

  1. Caro Roberto,

    Eu já havia lido esta notícia sobre a redução de feriados em Garanhuns noutro blog. E fiquei encafifada com o que é que significa muitos feriados, pois, há uma lei que restringe o número de feriados municipais a 4, no máximo. (Lei nº 9.093/95). (Veja no link do meu nome, para alguns detalhes).

    Eu não sei quantos feriados municipais tem em Garanhuns e (que vergonha meu Deus, mas, vou saber em breve) nem em Bom Conselho. A ideia de ir conversar com o bispo é boa pois, se quiserem fazer como na minha terra onde querem criar um feriado no Dia da Mulher, vai ter que cair algum feriado de santo. E eu preferia uma homenagem a um santo do que a minhas colegas de gênero.

    Neste período eleitoral vai ser um problema para os vereadores mexerem com os santos ou com algum segmento da sociedade que seja homenageado com feriados. E os vereadores de Garanhuns estão de parabéns pela tentativa de trabalhar mais e homenagear menos. Até os santos entendem, menos um vereador de Bom Conselho.

    Lucinha Peixoto (Blog da Lucinha Peixoto)

    ResponderExcluir
  2. È MELHOR NÃO MEXE NOS FERIADOS SANTO, LEMBRE-SE DA BOMBA, SE FOR PARA TIRAR QUE SEJA O ANIVERSÁRIO DA CIDADE, POIS É UM DIA PARA COMEMORAR TRABALHANDO E DANDO GRAÇAS POR ESTAR EMPREGADO

    ResponderExcluir
  3. Se os empresarios pagasse as funcionario que trabalha nos feriados era bom ou desse folga , isso acontece em poucas lojas , e feriados e feriados e pronto final .

    ResponderExcluir
  4. vereador e presidente de CDL não trabalha, e quer tirar o dia de descanso extra do empregado, o cara ja ganha pouco e trabalha que só a peste , esse bando de nõ faz nada querem tirar isso, isso sim é uma vergonha ainda bem que tem os nomes destes vereadores outubro ta chegando ai pra começa o sorrisinho no rosto pra pedir voto, a desculpa é porque atrapalha o comercio pois fechando aqui o cara vai comprar em outra cidade , que dizer que se eu ia compra uma roupa por exemplo na quarta feira ai sou informado que este dia sera feriado qual é a logica eu nunca mais compro a roupa porque foi feriado ou eu vou gatar R$50,00 pra ir comprar em caruaru ou eu espero pra compra na quinta ou antecipo pra terça, não mais logico comprta na terça ou na quinta?
    mais quem trabalha no omercio de garanhuns ta ferrado que com certeza eles vão reduzir sim os feriados ou ate domingo essa terra não tem léi mesmo, pergunta se algum veriador trabalha no feriado ou derigente lojista , quem for pobre ta fudido.

    ResponderExcluir
  5. ESSE FERNANDO COUTO,NÃO TOMA NE CONTA DA LOJA DELE, QUER MANDA NOS FERIADOS DA CIDADE AH VAI DORMI CARA,PERGUNTA PARA OS TRABALHADORES DO COMERCIO QUE ELES ACHAM DISSO,VCS ABREM O COMERCIO ATE NO DOMINGO E AGORA QUEREM TIRA OS FERIADOS AH VAI DORMI CARA.

    PAULO SERGIO. GARANHUNS PE TRABALHADOR COMERCIARIO.

    ResponderExcluir
  6. Para quem não sabe quis são os feriados, aqui estão os feriados municipais de Garanhuns-PE.

    ResponderExcluir