Colégio Diocesano de Garanhuns

Colégio Diocesano de Garanhuns
Colégio Diocesano de Garanhuns

Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

EM ENTREVISTA SIVALDO ALBINO DEFENDE VOTO EM LULA PARA PRESIDENTE


Na entrevista que deu na Rádio de Capoeiras, neste sábado (25), o prefeito Sivaldo Albino (PSB), pregou o voto em Lula (PT) para presidente da República, no próximo ano.  Agora, o garanhuense quer saber se o ex-prefeito Izaías Régis (PTB) vai fazer campanha pra Bolsonaro novamente, como fez em 2018.

Na eleição de três anos atrás, o então prefeito do município anunciou seu apoio a Bolsonaro já perto da eleição. Em Garanhuns Fernando Haddad, do PT, ficou à frente, com quase 70% dos votos apurados no segundo turno.

Sivaldo, que naquele ano disputou o mandato para deputado estadual, tendo tido boa votação e assumido uma vaga na Assembleia Legislativa, pediu para o povo votar no candidato apoiado pelo ex-presidente Lula, que estava preso em Curitiba.

3 comentários:

  1. PAULO CAMELO: Alguns políticos pensam que o povo é bobo. Em 2016 o prefeito Sivaldo Albino participou de passeata reivindicando a cassação da ex-presidente Dilma e detonando Lula. Agora aparece com essa conversa para o "boi dormir". O que é pior é que nas Eleições de 2020 o PT se aliou com o PSB de Sivaldo, dando a ele o "verniz de esquerda" que ele não possui. Agora durmam com essa bronca.

    ResponderExcluir
  2. ESPERA-SE QUE O DNA OU O ESPÍRITO DO PREFEITO DE GARANHUNS NÃO SEJA O MESMO DO QUADRILEIRO LULA. QUE SE LAMBUZE COM SEU VOTO DADO A UM LADRÃO, PORÉM, PRESERVE OU TRATE BEM AS FINANÇAS DA PREFEITURA.

    ResponderExcluir
  3. 0 artista OSMAR PRADO saiu as RUAS E PRAÇAS DO BRASIL de 2016 a 2020 e perguntou a algumas pessoas."Lula roubou o quê"? Foi o triplex do Guarujá? 0 sitio de Atibaia? 20 processos contra o Lula e já foi absolvido em 19 e inocentado em 19.

    Quando eu aqui neste BLOG DO JORNALISTA ROBERTO ALMEIDA dizia que a Dilma foi golpeada por 367 deputados federais e 67 senadores em 17 de abril de 2016 eu disse e repeti inúmeras vezes que foi UM GOLPE PARLAMENTAR dado nela por Michel Temer Silvério dos Reis e Eduardo Cunha do PMDB,dois políticos diretamente envolvido com todas as falcatruas políticas do Brasil há mais de 40 anos.

    Quando eu vi e ouvi o Ciro Gomes dizer que o Lula nunca foi inocente e nem era preso politico em 2018 quando recusou um convite do Lula no cárcere para que ele fosse o vice dele e caso fosse impedido de disputar a eleição mesmo preso o Ciro Gomes seria o candidato e Fernando Haddad seria o vice e Ciro recusou e ficou atacando o Lula nos debates.

    E depois que Fernando Haddad foi escolhido o cara ficou dizendo que ele era o poste e o pau mandado do Lula. Somente perdeu a eleição devido a fakeada do metido a louco do Adélio Bispo de Oliveira que mentiu antes e depois de atentando contra a vida do candidato Bolsonaro e que graças a Deus a faca não entrou e nem furou a camisa e muito menos a barriga do Bolsonaro conforme vários documentários gravados e publicado nas redes sociais.

    Garanhuns e Caetés hoje podem se orgulhar do filho que pariram que,mesmo preso,conseguiu desmentir as mentias que hoje chamam de FAKES NEWS do ex-juiz Sérgio Fernando Moro e do procurador Deltan Dallagnol,os quais,vazaram ilegalmente as conversas entre o Lula e Dilma em 2016 ilegalmente bem como prendeu o Lula coercitivamente ilegal e violando a constituição federal artigo 5º inciso LVII da constituição federal .

    A prisão do Lula foi porque ele descobriu o PRÉ-SAL e hoje Michel Temer e Bolsonaro DALARIZARAM OS COMBUSTÍVEIS para foder com a economia do Brasil e sobe todos os dias. Foi assim que os americanos fizeram com MONTEIRO LOBATO quando descobriu que o Brasil tinha muito petróleo e que passou 9 meses preso em 1939 no recôncavo baiano.

    Dr Luiz Fux e Luis Roberto Barroso foram os 2 juízes no TSE quem negaram o direito do Lula ser candidato mesmo preso conforme lhe dava todo o direito der conforme consta no artigo 16º da lei eleitoral 9.504/97 e o artigo da ficha limpa artigo 26-C que fala da "PLAUSIBILIDADE", havendo plausibilidade deixe o candidato concorrer ao pleito mesmo preso.A eleição de 2018 foi roubada pelos 6 juízes do Supremo Tribunal Federal juntamente com o Moro e os juízes e desembargadores do TRF-4 do Rio Grande do Sul.

    Eleitores de Garanhuns, quem anulou todos os processos no âmbito da 13ª vara da operação lava jato em CURITIVA foi exatamente DR. EDSON FACHIN relator da operação e que nunca tinha votado a favor do Lula desde 2017.

    ResponderExcluir