MINISTRO DA SAÚDE ACUSA JOÃO DÓRIA DE AGIR À MARGEM DA LEI


Governador de São Paulo, João Dória (PSDB), ocupou as manchetes da mídia nacional, no domingo, ao possibilitar que a primeira brasileira fosse vacinada contra o coronavírus.

Fotos e vídeos da enfermeira Mônica Calazans sendo vacinada, ao lado do governador, tomaram conta das redes sociais.

Depois do dia de glória, por ter “passado a perna” em Bolsonaro, veio a crítica.

No Facebook, Instagram, Twitter e grupos de WhatsApp muitos dispararam contra Dória, que foi chamado de oportunista e marqueteiro.

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, atacou o governante paulista, dizendo que o tucano agiu à margem da lei.

Governadores de outros estados também criticaram João Dória. Eles argumentam que a vacina é nacional, é do SUS, é de todos os brasileiros e São Paulo não pode se colocar acima das outras unidades da federação.

Um comentário:

  1. Ontem foi um dia triste para o GADO e um dia feliz para o resto da nação. A ciência ganhou e a vida agradece!!!


    P.S1.: – O pançudo prrdeu!!! Refiro-me ao Sinistro da Saúde o bufão Pazuello…

    P.S2: – São Paulo, Brasil e o povo 7X1 Bolsonaro.

    ResponderExcluir