Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

MIGUEL PAES, EX-PREFEITO DE BREJÃO, MORRE DE COVID-19

Faleceu no início da noite desta quarta-feira(18/11), Miguel Carlos Torres Calado conhecido como Miguel Paes. Ele tinha 83 anos e estava internado no Hospital Monte Sinai em Garanhuns. Tendo testado positivo para a COVID-19 ficou sob cuidados médicos durante 11 dias na UTI da referida unidade hospitalar, mas devido a complicações decorrentes da doença, não resistiu e faleceu nesta data.

Natural do município de Angelim, Miguel Paes nasceu em 17 de junho de 1937, era viúvo e pai de 6 filhos. Filho do saudoso Manoel Paes Torres e Dona Maria. Homem honrado e querido por toda população, morou na Fazenda  Brasileira, e chegou a residir durante  alguns anos em Garanhuns. Retornou ao município de Brejão, onde sobrevivia da agropecuária na Fazenda Serra Verde.

Foi eleito vereador em 1972, e  em 1992 apoiado pelo ex-prefeito Josa Cadengue foi eleito prefeito,  governando o município entre os anos de 1993 a 1996. Em sua administração Miguel Paes conseguiu realizar inúmeras obras que até hoje são lembradas pela população.

É com profundo pesar que a prefeita Beta Cadengue, o vice-prefeito Joseraldo Rodrigues e presidente da câmara dos vereadores,  Saulo Maruim,  lamentam a morte do ex-prefeito Miguel Paes, e ao mesmo tempo, se solidarizam com toda família neste momento de dor e consternação.

Devido os protocolos das autoridades sanitárias não haverá velório. De acordo com informações da família o sepultamento ocorrerá nesta quinta-feira (19/11) as 11 horas da manhã no cemitério São Luís em Brejão.

A prefeita Beta Cadengue deverá decretar luto oficial no município por três dias a partir desta quinta.

Um comentário:

  1. Sou suspeito em falar, por ser meu sogro, mas Sr. Miguel,deixa uma grande lacuna, nesse município, pela sua história como um dos maiores administradores, mas sobretudo pelas qualidades como ser humano:dignidade, caráter e honradez.Deixa-nos um grande legado para nós familiares e amigos. Queremos, neste espaço, agradecer ao povo de Brejão, suas orações e solidariedade.

    ResponderExcluir