SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

terça-feira, 11 de junho de 2019

SAIBA QUEM É O JORNALISTA QUE DESMASCAROU O MORO


Gleen Greenwald, 52 anos, é americano e já ganhou diversos prêmios internacionais, na área do jornalismo, inclusive o prestigiado Pullitzer*. Ele já trabalhou em veículos da imprensa de renome mundial, como o The Guardian, da Inglaterra.
Homossexual, Gleen é casado com um brasileiro, David Miranda, deputado federal pelo PSOL do Rio de Janeiro.
Americano começou a atuar no Brasil antes do processo que levou ao impeachment da presidenta Dilma Rousseff e se tornou um expert na política nacional.
Em nosso país criou o site The Intercept, que é veiculado em edição brasileira e internacional.
Foi através deste site que Gleen divulgou as reportagens que desmascararam o juiz Sérgio Moro e o promotor Deltan Dallagnol.
Jornalista dá a entender que o material em suas mãos, comprometendo políticos brasileiros, é altamente explosivo. Até o momento apenas 1% teria sido divulgado e já causou esse barulho todo.
Nos próximos dias deve sair mais coisa e tem muita gente – no Executivo, no Legislativo, no Judiciário e no Ministério Público – com medo, pois muitos podem ser atingidos.
Até mesmo os delatores da Lava Jato estão assustados, porque sobre eles também podem ser feitas revelações comprometedoras.
Apesar das versões de que as informações do jornalista norte americano foram obtidas por meios ilegais, tipo grampos, isso ainda não foi confirmado e Gleen pode surpreender suas “vítimas” provando que ninguém foi hackeado.
É muita ironia que um jornalista estrangeiro, gay, descubra o que nenhum repórter brasileiro conseguiu apurar, abalando a “República de Curitiba”, colocando em polvorosa os políticos, desacreditando a Justiça e o Ministério Público, podendo até levar o STF a decidir por anular o julgamento do ex-presidente Lula, possibilitando a sua liberdade.
Gleen, com o seu talento, faz com que parte da imprensa brasileira fique envergonhada. Repórteres da grande mídia, acomodados ou acovardados, não conseguiram ainda sequer fazer uma entrevista ou reportagem com o Queiroz, o motorista endinheirado do senador Flávio Bolsonaro.

2 comentários:

  1. CADÊ A POLÍCIA FEDERAL que ainda não pegou esse GRINGO que é um vigarista viado, casado com outro viado deputado do PSOL(?), para dar cabo ou pelo menos um arrocho daqueles e depois pendurá-lo pelos QUIBAS e fazê-lo confessar TIM TIM por TIM TIM, depois deportá-lo para se juntar com o outro também viado Jean Wyllys.

    P.S1.: - Lembram-se do jornalista LARRY ROTHERS que foi expulso do país só por que disse que Lula era um cachaceiro inveterado, lembram-se?!?!?!

    P.S.: - Digo isso, mas reconheço que, esse VERME, essa GENTALHA, pelo andar da carruagem, está empurrando Sérgio Moro para à presidência do Brasil, depois da reeleição do maluco Recruta Zero. Terá meu voto, claro!!!

    ResponderExcluir