ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

domingo, 30 de junho de 2019

FALECEU EM CAPOEIRAS UBIRACIR MELO


Por Junior Almeida

Faleceu na manhã deste domingo (30) José Ubiracir de Melo Sobrinho, de 41 anos. Bira jogava futebol no Clube 1080, em Capoeiras, quando passou mal. Inicialmente socorrido pelos amigos, chegou a se recuperar, inclusive falando que poderia caminhar até um carro que o levaria ao hospital local. Tentou, porém, voltou a se sentir mal, dizendo que “o mundo estava escurecendo”, e caiu. Foi levado às pressas ao hospital e, em seguida foi removido ao Dom Moura, aqui em Garanhuns, onde deu entrada já sem vida.


Bira em sua juventude, em Capoeiras, estudou no Colégio Municipal e, foi por muito tempo ajudante de Padre Geraldo. Aqui em Garanhuns, trabalhou, dentre outros comércios, na casa lotérica vizinha do Banco do Brasil e há alguns anos era funcionário da casa de material de construção Eletropiso. Trabalhava também como motorista na  Prefeitura de São João.


Ubiracir é um bom fruto filho de boas árvores. Seus pais, Noêmia Bezerra e Neilton Cavalcante, são de famílias honradas de Capoeiras. Seu sogro Zé do Ouro, é comerciante no centro de Garanhuns e seu tio, o beneditino Dom Hugo Cavalcante, é um dos religiosos mais cultos do país, sendo responsável pela tradução para o português de quase duzentos livros religiosos.


Ubiracir deixa a viúva Eliana Barros e dois filhos: Aninha e Netinho, além dos irmãos Ubiratan, Uiara e os irmãos paternos Luciana e Junior.


O velório está sendo realizado no salão da Funerária São José, por trás dos Correios em Capoeiras e o enterro será às  10 horas da manhã desta segunda  feira 1º de julho,  saindo o féretro  do local  para o cemitério de Capoeiras.


Nós do Blog, bem como de toda Família Almeida, nos solidarizamos com a família de Ubiracir, todos nossos amigos, neste momento de enorme tristeza e dor.

JORNALISTA GLENN GREENWALD JOGA PARTIDA DE XADREZ, TENDO MORO E PROCURADORES COMO ADVERSÁRIOS

Reportagens publicadas pelo site The Intercept, pelo jornalista Reinaldo Azevedo, pela Revista Veja e o jornal Folha de São Paulo, mostram, até agora, uma prática ilegal, vedada pela Lei, da parte do ex-juiz Sérgio Moro e procuradores que fazem parte da Operação Lava Jato.


 

Neste domingo a Folha trouxe mais uma matéria baseada no acervo que recebeu do americano Glenn Greenwald. A revelação da vez é que os procuradores do Ministério Público a princípio não queriam saber da delação do empresário Léo Pinheiro, pois o que ele tinha a dizer não levava a nada, não comprometia o ex-presidente Lula.

 

Somente depois de várias versões contadas por Pinheiro, em mais de um ano de investigação, os procuradores acataram as informações do delator, que, enfim, comprometeu o líder petista e o levou posteriormente à prisão.

 

Juntando tudo que já foi revelado, Moro investigou, indicou testemunhas, vetou uma promotora no depoimento de Lula por julgá-la “fraca”, orientou Deltan Dallagnol, vazou informações para a imprensa, “pintou e bordou” para atender seus interesses políticos.

 

Tudo leva a crer que o principal objetivo político da Lava Jato era não combater a corrução e sim colaborar com a derrocada da presidente Dilma e depois prender Lula.

 

Pessoalmente, Moro jogou (e ganhou) para ser Ministro da Justiça de Bolsonaro e depois ser indicado para o Supremo Tribunal Federal.

 

Nunca imaginou que suas práticas ilegais fossem descobertas e agora chama de criminosos quem descobriu suas traquinagens.

 

Ex-juiz e procuradores dizem que foram hackeados, mas se recusaram a entregar seus celulares para que fosse feita uma perícia.

 

Moro é o Ministro da Justiça, manda na Polícia Federal, porém não consegue descobrir os supostos criminosos.

 

Enquanto isso, Greenwald vai ditando os rumos do jornalismo no Brasil, a cada revelação desmoraliza mais o Judiciário e o Ministério Público, instituições que deviam estar a serviço da sociedade, contudo, se vê claramente, servem somente à classe dominante e aos seus próprios interesses.

 

Tanto a Folha quanto a Veja, veículos da imprensa conservadora, investigaram a documentação que lhes foi repassada pelo jornalista americano. Comprovada sua autenticidade, deram início a publicação das reportagens.

 

Até o momento, todavia, não saiu na imprensa nenhum áudio ou vídeo e os que fazem o The Intercept dizem que são centenas deles.

 

Jornalista Glenn Greenwald controla os cordões de forma inteligente, desafia suas vítimas, parece jogar uma partida de xadrez tendo como adversários juízes e procuradores.

 

Tudo indica, ele sabe a hora do xeque-mate. Deve ter alguma carta na manga, algum vídeo ou áudio arrasador. Caso isso não venha pela frente todo esse jogo poderá ser frustrante, embora, de uma maneira ou de outra, o povo brasileiro continue bestializado, principalmente depois que a democracia entrou em vertigem. (Leia o artigo logo abaixo).

AS LIÇÕES DE "DEMOCRACIA EM VERTIGEM"


Roberto Almeida


Documentário “Democracia em Vertigem”, da cineasta brasileira Petra Costa,  é um mergulho na história do país de 2013 até os dias atuais, fazendo uma verdadeira radiografia do golpe que fragilizou as instituições nacionais.


 

De maneira objetiva, sem ser panfletária ou sectária, a diretora registrou os fatos que ocorreram no Brasil antes do golpe, ouviu personagens políticos da direita e da esquerda, deixando a quem assiste ao filme que tire suas próprias conclusões.

 

Petra, a meu ver, é simpática ao governo popular do PT e denuncia no documentário, que está sendo aclamado pelo mundo, as manobras que foram feitas para desestabilizar o segundo governo de Dilma, a farsa montada para que a presidente eleita fosse afastada e os objetivos da Operação Lava Jato, com juízes e procuradores colaborando com o processo golpista que levou à prisão do presidente Lula.

 

Cineasta entrevistou Lula, Dilma, José Eduardo Cardoso, mas também Aécio Neves, Michel Temer e o ex-deputado Eduardo Cunha.

 

Todos que foram protagonistas desse processo que solapou a democracia lentamente aparecem, inclusive o emblemático Romero Jucá, com sua frase que ficou conhecida: “É preciso botar o Temer, se não eles vêm atrás da gente”.

 

Romero Jucá, ao comentar o golpe então em curso, disse que tudo seria feito “com Supremo e tudo”, comprometendo assim a mais alta corte do país, que através dos seus integrantes tem comprovado que o ex-senador estava coberto de razão ao envolver o STF no complô contra os governos populares.

 

O filme de Petra Costa é realmente muito bom e deve colecionar prêmios pelo exterior.

 

Aqui no Brasil, será visto como um documento importante da política do país por parte da população e será criticado pelos simpatizantes de Aécio, Temer, Bolsonaro, Eduardo Cunha e Jucá, que representam mais os mesmos ideais, cada um com suas particularidades, é claro.

 

Quem se preocupa com a história e a política no bom sentido, obrigatoriamente terá de assistir “Democracia em Vertigem”.

 

É uma aula de duas horas sobre a política brasileira nos últimos sete anos, derrubando o mito dos falsos heróis, mostrando do que é capaz a elite política nacional e provocando um sentimento de tristeza com os que se preocupam com o futuro.

 

Filme foi realizado antes do jornalista americano Gleen Greenwald começar a divulgar reportagens comprovando a parcialidade de Moro e dos procuradores, mas é como se estivesse conectado com os novos fatos.

 

A Democracia continua em vertigem, mas o que tem vindo à tona, nos últimos dias, desmascarando de vez representantes do Ministério Público e o atual Ministro da Justiça nos dão um fio de esperança, nos fazem pensar na tal da Lei do Retorno, que faz com que as pessoas paguem aqui mesmo pelos seus crimes ou maldades.

 

Moro já está pagando um preço muito alto pelas suas ilegalidades. Na Universidade de Colúmbia, nos Estados Unidos, foi coberto de vaias e teve de ouvir um coro de grupos de estudantes gritando “Fora!”.

 

Vai ser assim de agora por diante. O ex-juiz não poderá ir a um restaurante, se expor num aeroporto ou qualquer outro local público. Apesar de ter ainda um número expressivo de admiradores, está marcado e ouvirá em qualquer local os apupos que lhe foram dirigidos outro dia, quando de uma visita ao senado: “Juiz Corrupto! ”.

 

Para quem era o Batman na luta contra a corrupção...

 

Se a democracia entrou em vertigem Moro e outros que colaboraram com isso também já estão dentro do redemoinho e ainda é impossível prever como tudo acabará.

LERO-LERO GOVERNAMENTAL - Por Homero Fonseca


É conhecida a tática do pessoal do atual governo de afirmar uma coisa, desdizer-se totalmente pouco depois e seguir em frente com a cara limpa. Também é lançada mão de uma mentira que, repetida vezes seguidas, ganha foros de verdade. A narrativa oficial tenta fazer crer que a presença de Bolsonaro na reunião do G20 no Japão foi um sucesso. Na realidade foi um fracasso. Nem coloco em cena o constrangedor episódio do sargento-traficante no avião oficial preso pela polícia espanhola (aliás, grotescamente capitalizado como “prova do combate às drogas pelo governo”, num acinte à inteligência do público).

Um exemplo gritante foi a questão ambiental, cuja política predatória do governo é sobejamente conhecida. Bolsonaro se reuniu “informalmente” (fora da agenda oficial) com Macron e depois com Merkel, que haviam publicamente feito sérias ressalvas à posição brasileira. Embora tenha falado suas costumeiras bazófias de público, no encontro com os governantes francês e alemã baixou a crista, lembrando que o Brasil continua participando do Acordo de Paris (que prevê metas mundiais de preservação da natureza e combate à poluição). O mesmo na reunião formal do BRICS, quando assinou a nota final conjunta enfatizando a importância do Acordo. Durante a campanha eleitoral, Bolsonaro afirmou várias vezes ser contra o Acordo de Paris e que seguiria seu mentor Trump, que retirou os EUA do tratado.

O mesmo se observa na reunião realizada paralelamente na Bélgica, onde estava o inacreditável chanceler Ernesto Araújo, quando foi assinado o acordo de cooperação entre União Europeia e Mercosul. As negociações duraram 20 anos, foram iniciadas ainda no governo FHC, mas o governo também procura capitalizar. “Bolsonaro comemora acordo”, registra o UOL, hoje: https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/06/apos-chegada-tensa-ao-japao-bolsonaro-deixa-g20-comemorando-acordo-com-a-ue.shtml

Que tal lembrar a célebre entrevista de Paulo Guedes, publicada em 30/10/2018, pela BBC Brasil e o G1 (portal da Rede Globo)? Nela, o superministro afirmou que “a Argentina e o Mercosul não são prioridades do Brasil”, alegando motivação ideológica. Segundo o G1, as declarações de Guedes “geraram surpresa e desconcerto nos membros do Mercosul.” Leiam aqui: https://www.google.com.br/webhp?hl=pt-BR&sa=X&ved=0ahUKEwi3itzUiq7cAhWVZt4KHVlWAxIQPAgD

Essa tática de mentiras sistemáticas, inspirada em Goebbels, se não denunciada, pode ser muito perigosa, como sabemos.

*Homero Fonseca é jornalista, escritor e coach literário. Foi editor da revista Continente. Autor do romance "Roliúde", entre outros livros.

O LEGADO DO MAESTRO ENNIO MORRICONE



Por Altamir Pinheiro

Foi na “BOTA” da Europa que alguns dos melhores artistas de todos os tempos emergiram, tais como os renascentistas Leonardo da Vinci, Michelangelo ou Rafael. Séculos  decorridos, a tendência para a produção artística de grande valor prevaleceu e a Itália orgulha-se de um filho pródigo voltado para a música. Com um currículo repleto de bandas sonoras dos mais diversos filmes, Ennio Morricone é um colosso no que toca à associação do mundo da música com o do universo do cinema. Com o “TOQUE DE MIDAS” da composição, o europeu tem o condão de conceder o complemento necessário para que nenhum detalhe impregnado num filme passe despercebido. Como afirma o ótimo cinéfilo de Caruaru-PE, Joaílton, Ennio Morricone esgotou todos os adjetivos para qualificá-lo...

O escritor  Lucas Brandão que escreve para a revista eletrônica Comunidade Cultura e Arte  é taxativo em afirmar  quando nos relata que  o legado do maestro, hoje com 90 anos,  se estende por mais de 6 décadas e de 500 composições para filmes.  Ennio Morricone é um SATÉLITE QUE ORBITA TANTO NO PLANETA DA MÚSICA COMO NO DO CINEMA, fazendo a conexão fantasiosa entre os mesmos. Com um legado quase impossível de ser descrito num finito número de parágrafos, importa reforçar o caráter fascinante e unificador das composições musicais que reforçam já a aura única que cada filme transporta. Se já não bastasse que, pelo seu enredo e personagens, nos maravilhasse, a varinha mágica de  Morricone dá uma fragrância de musicalidade etérea à história transmitida.

Um fato curioso e diferenciado na vida do maestro ou uma interessante peculiaridade da sua carreira é a de que nunca abandonou a cidade que o viu nascer (Roma) para fazer as suas composições e nunca aprendeu a falar inglês, passando esta evidência despercebida com a sua versatilidade tanto como compositor para diversos tipos de trabalhos artísticos como nas funções de maestro e nas de diretor dos mesmos. Abdicando de viajar o máximo possível, o italiano é também conhecido pela originalidade das suas composições musicais, elaborando-as sempre do zero e abdicando de usar elementos predefinidos e já existentes. Atualmente, no mundo do cinema, destaca-se a reciclagem do norte-americano Quentin Tarantino de vários êxitos do compositor em filmes dirigidos pelo  cineasta,  como por exemplo, em 2013, Django Livre. 

Em janeiro de 2018, na cidade  São Paulo, aconteceu uma mostra  no Centro Cultural Banco do Brasil, dedicada ao trabalho do maestro e compositor Ennio Morricone, provavelmente o maior de todos os compositores de trilhas sonoras para o cinema, que  em novembro de 2019 completa 91 anos. “SONORA: ENNIO MORRICONE“ exibiu 22 filmes de gêneros e diretores diferentes, mas com algo em comum: a trilha marcante do maestro. Para todo o fã de cinema, é impossível medir a importância do SIGNORE MORRICONE para  a história. Desde os spaghetti Westerns de Sergio Leone, até Os Oito Odiados, pelo qual finalmente recebeu um Oscar de trilha sonora, Morricone escreveu trilhas fantásticas. As  preferidas, recentemente,  são as de Os Intocáveis  e a simplesmente perfeita de Cinema Paradiso – impossível não se emocionar com todas essas  cenas….

A propósito do filme Era Uma Vez no Oeste  que é um majestoso faroeste dirigido por Sergio Leone, muito da beleza visual desse filme deve-se ao maestro e compositor Ennio Morricone pois como é sabido, Leone pediu a Morricone que compusesse os temas musicais do filme, o que o compositor fez a partir da leitura do roteiro e de suas conversas com o diretor. Para as sequências e personagens principais, Morricone criou composições específicas e Leone executava essas peças durante as filmagens. Isso não só ajudou os atores, mas despertou nele, diretor, uma transcendente inspiração. Como diz o estudioso de faroeste Darci Fonseca: “Ennio Morricone já havia criado admiráveis e inovadoras trilhas sonoras para westerns spaghetti. Nenhuma delas, porém, atingiu a perfeição das peças musicais composta para “Era Uma Vez no Oeste”, especialmente o tema principal que tem o mesmo título do filme”.

Sob encomenda do cineasta SERGIO LEONE, Ennio Morricone escreveu as trilhas sonoras de quatro dos 10 principais filmes de Western Spaghetti: Por um Punhado de Dólares) (1964),  Por Uns Dólares a Mais)(1965), Três Homens em Conflito (1966) e Era uma Vez no Oeste) (1968). Aliás,  No filme Era Uma Vez no Oeste, a música conjugada com as imagens é uma das coisas mais bonitas que o cinema já proporcionou. Mas como nem só de um estilo vive a obra de um gênio, o maestro também assinou a trilha de obras de comédia, horror e drama. Os filmes  Exterminação 2000 (1977), de Alberto De Martino; Áta-me! (1990), de Pedro Almodóvar e Reviravolta(1997), de Oliver Stone são alguns dos destaques da vida musical de Morricone fora do velho oeste. Pelo conjunto da obra, a indústria cultural assume que um gênio do calibre de Ennio Morricone surge uma vez a cada nunca mais.

A seguir, para os apreciadores da boa música,  clic no endereço abaixo para ouvir por uma hora esta coleção de músicas originais comandada pelo maestro  Ennio Morricone,  todas fazem referência aos filmes Spaghetti Westerns.


sábado, 29 de junho de 2019

DOM PAULO FAZ PALESTRA NO INSTITUTO HISTÓRICO



Neste sábado, às 19h, o bispo Dom Paulo Jackson fará palestra no Instituto Histórico Geográfico e Cultura de Garanhuns.

O principal líder religioso no Agreste Meridional falará sobre “A Igreja em Garanhuns e o Centenário da Diocese”.

Uma palestra que deve interessar não só aos católicos, mas a todos os cristãos e pessoas interessadas no saber.

Dom Paulo é uma pessoa culta, preparada, consciente dos problemas da região e do Brasil e que certamente tem muito a dizer.

Excelente iniciativa dos que fazem o Instituto Histórico Geográfico e Cultural, que tem sede na Praça Dom Moura, número 44.

CAETÉS BATE RECORDE DE PÚBLICO COM MÁRCIA FELIPE



Caetés tem realizado as melhores e maiores festas juninas do Agreste Meridional, desde que Armando Duarte assumiu a prefeitura do município.
A cada ano recordes de público são batidos, com a presença de milhares e milhares de pessoas na Vila do Forró.
Gente de Caetés e também de Capoeiras, São Bento do Una, Garanhuns, Venturosa, Jucati, Paranatama e muitas outras cidades da região.
Se em outros anos e em outras noites de 2019 o público foi de impressionar, nada que se compare ao que aconteceu no último dia 27, quando um “mar de gente” esteve presente em Caetés.
O próprio prefeito Armando Duarte confirmou para o blog que os shows de Márcia e Amazan atraíram o maior público nas festas juninas de Caetés.
De parabéns todos que organizaram a festa, que além de tudo transcorreu em paz, possibilitando muita alegria para os governantes, os que gostam de um bom forró, os comerciantes que fizeram bons negócios e o povo em geral, que sente orgulho de viver na “Terra da Energia Eólica.
Algumas fotos neste post ilustram a noite memorável em que a estrela de Márcia Felipe brilhou em Caetés.


ANGELIM PASSA POR RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO


Todos os eleitores inscritos no município de Angelim abrangidos pela revisão atual, definidos pelo TRE-PE, inclusive os maiores de 70 anos e menores de 18, que desejarem continuar votando, devem se dirigir ao Fórum local para proceder ao Recadastramento biométrico portando o antigo título de eleitor.
O prefeito de Angelim, Douglas Duarte, disponibilizou todo apoio da Prefeitura para esse processo de recadastramento biométrico no seu município.
Segundo o TRE, a biometria anula qualquer risco de fraude no processo de identificação do eleitor.
Trabalho de recadastramento dos eleitores será feito em 45 cidades do estado.
Dos 184 municípios pernambucanos (mais Fernando de Noronha), 130 já contam com o cadastro biométrico.
Pernambuco tem cerca de 6,5 milhões de eleitores. Destes, 4,7 milhões já se identificam usando as digitais.
A meta do TRE para a atual etapa de recadastramento é coletar as digitais de cerca de 1 milhão de eleitores. Os trabalhos começaram a ser intensificados desde o mês de fevereiro.
Os 45 municípios que passarão pelo recadastramento serão os seguintes:
Abreu e Lima, Afrânio, Água Preta, Alagoinha, Angelim, Belém de Maria, Belo Jardim, Betânia, Bom Conselho, Brejinho, Cabrobó, Carnaubeira da Penha, Chã Grande, Condado, Cumaru, Dormentes, Feira Nova, Gravatá, Itapetim, Itaquitinga, Jaqueira, João Alfredo, Joaquim Nabuco, Lagoa Grande, Lagoa de Itaenga, Lagoa dos Gatos, Maraial, Oricuri, Orobó, Orocó, Panelas, Paudalho, Pedra, Primavera, Quipapá, Salgadinho, Santa Cruz, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, São Benedito do Sul, São João, Terezinha, Tupanatinga, Venturosa, Vertentes.

*Fonte: Samuel Salgado
**Ilustração: TSE

FISCAL DO POVO DENUNCIA QUE ESCOLA DO DISTRITO DE SÃO PEDRO ESTÁ SEM TELHADO HÁ SEIS MESES


Gênio Ventura, o “Fiscal do Povo”, critica os gastos com a festa de São Pedro, no distrito do mesmo nome, quando no povoado existe uma escola com mais de seis meses sem telhado e as crianças, na hora do recreio, ficam totalmente expostas ao sol ou a chuva.

“Se esses políticos tivessem  vergonha  na cara e dessem prioridade ao que deve ser cuidado  no distrito, a escola seria mais importante do que a festa”, comentou Gênio.

Segundo ele, na região de São Pedro e em outros locais de Garanhuns  existem muitas escolas rurais  abandonadas e de portas fechadas há muito tempo.

Essa situação também foi denunciada nas redes sociais, principalmente nos grupos de WhatsApp de Garanhuns.

NASF DE LAJEDO TEM RECONHECIMENTO NACIONAL

A saúde de Lajedo vem sendo transformada dia após dia desde 2013 quando o prefeito Rossine assumiu a gestão e encarou a necessidade da população com prioridade. A Secretaria de Saúde recebeu um serviço inovador que trouxe uma equipe com psicólogas, nutricionistas, fonoaudiólogas e fisioterapeutas para auxiliar nos postos de saúde e demais abrangência da Atenção Básica. 

Recetemente o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) recebeu a avaliação máxima do Ministério da Saúde no PMAQ – Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica.

O Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) possui profissionais capacitados que junto com a equipe dos postos de saúde atendem semanalmente a população. O NASF atende em todos as 11 Unidades de Saúde do território lajedense. Além disso, oferece apoio  na Comunidade de Práticas atingindo demais áreas acompanhando a saúde do lajedense em todos os eixos, seja reforçando a Educação, Assistência Social com palestras, orientações e parcerias, expandindo o espaço de troca de experiências e aproximando a população carente da gratuidade e excelência da saúde atual que Lajedo dispõe.

A nota máxima do PMAQ alcançada pelo NASF Lajedo foi divulgada agora em 2019, mas a avaliação é referente ao ano passado quando os técnicos visitaram as instalações vistoriando cada detalhe do atendimento, logística, materiais e coordenação.  O NASF Lajedo alcançou mais de 90% do desempenho. O PMAQ incentiva equipe e gestores a melhorarem a qualidade dos serviços aos cidadãos. “Com mais incentivo federal vamos caminhar mais perto ainda de atingir o padrão de qualidade no atendimento”, explica Diana Pastor, coordenadora do Núcleo na cidade. 

*Com informações e foto da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Lajedo

sexta-feira, 28 de junho de 2019

NANDO REIS FAZ SHOW NESTE SÁBADO EM GARANHUNS

Neste sábado, dia 29, Nando Reis apresenta em Garanhuns o show de sua nova turnê pelo Brasil, “Amor Sem Preconceito”, com músicas do seu novo álbum e canções conhecidas do seu repertório, como “Relicário”, “O Segundo Sol”, “All Star”, dentre outras.

“Amor Sem Preconceito”, álbum e show, toma como base músicas de Roberto Carlos do final dos anos 60, final dos anos 70 e início da década de 80.

Você em Minha Vida, Vivendo por Viver e Amada Amante (que inspira o nome do disco e show) estão entre os hits interpretados por Nando, que depois de Garanhuns segue para uma apresentação também em Caruaru.

Assista o clip da música “Amada Amante”, carro chefe do show de Nando Reis amanhã em Garanhuns, na Praça Mestre Dominguinhos, numa realização da Bicho Eventos:

ELEITOR BRASILEIRO ESTÁ DIVIDO SOBRE BOLSONARO


Pesquisa realizada pelo Instituto Paraná em 158 municípios brasileiros, de 20 a 25 de junho, mostra que a população brasileira está dividida na avaliação do Governo Bolsonaro. Na pergunta estimulada, se o eleitor simplesmente aprova ou desaprova a administração federal, o resultado foi o seguinte:

51% dos pesquisados desaprovam o governo
43, 7 aprovam a gestão do atual presidente
5,3% Não sabe ou não opinou

Quando o cartão estimulado foi apresentado com as alternativas ótimo, bom, regular, ruim ou péssimo, foram colhidos os seguintes percentuais:

Ótimo – 30,1%
Bom    - 22,7%
Regular  - 26,9%
Ruim      - 40,8%
Péssimo  - 26,8%
Não sabe/Não opinou – 2, 2%

DOMINGO AINDA TEM MUITO FORRÓ EM LAJEDO


O forró continua em Lajedo no próximo domingo, dia 30 de junho. Às 15h apresentação da Drilha da Educação, mais tarde Paulistinha e banda animam a “galera” do bairro do Socorro.

Em Seguida Bicho do Mato sai do Socorro e vai até a Avenida 19 de Maio, no centro da cidade.

À noite ainda tem Mourinha do Forró, com um show de músicas regionais na Praça do Evento.


Um realização do Governo de Lajedo, à frente o prefeito Rossine Blesmany.

PEÇA DE MIGUEL FALABELLA FAZ A ABERTURA DO FIG


O espetáculo “O Som e a Sílaba”, com texto do global Miguel Falabella vai abrir a programação oficial do Festival de Inverno deste ano.
O espetáculo poderá ser visto no dia 18 de julho, às 19h, no Teatro Luís Souto Dourado, no Centro Cultura.
O Som e a Sílaba têm no elenco as atrizes-cantoras Alessandra Maestrini e Mirna Rubim e Falabella escreveu a peça para as duas artistas.
Festival de Inverno será realizado entre os dias 18 e 27 de julho próximo. Programação completa será divulgada na próxima quinta-feira, dia 4.
Além desse espetáculo de teatro, já foi anunciado para o evento o nome do cantor e compositor João Bosco. A Fundarpe está tentando fechar também com Alcione e Jota Quest.
O grande homenageado do FIG, em 2019, é Jackson do Pandeiro, um dos ícones da música nordestina e brasileira.
Festival de Inverno de Garanhuns, que chega a 29ª é considerado um dos maiores eventos culturais do Brasil, com 500 atrações em 10 dias de evento, se apresentando em diferentes polos espalhados pela cidade.

FILME SOBRE O GOLPE COTADO PARA O OSCAR


Democracia em Vertigem, documentário dirigido por Petra Costa, que está em cartaz na Netflix, com exibição em quase 300 países, entrou para a lista das melhores produções de cinema em 2019 do jornal New York Times.

No documentário, Petra narrou o momento conturbado que a política brasileira passou durante as últimas décadas, desde os anos do governo do PT, a partir da eleição ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva,  passando pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff,  a ascensão de Sérgio Moro e do atual presidente Jair Bolsonaro. 

Democracia em Vertigem recebeu diversas críticas positivas, tanto em veículos nacionais quanto internacionais, e é um dos favoritos para concorrer ao Oscar na categoria de Melhor Documentário.

Antes de lançar Democracia em Vertigem, a Netflix também produziu a série “O Mecanismo”, de José Padilha,  detalhando as investigações da Operação Lava Jato.

*Foto: O Globo.

GIVALDO CALADO DEFENDE QUE DIVULGAÇÃO DE EVENTOS EM GARANHUNS SEJA FEITA COM A DEVIDA ANTECEDÊNCIA


Empresário Givaldo Calado de Freitas defendeu que os eventos realizados em Garanhuns, como o Festival de Inverno, sejam divulgados com antecedência. “É o caso do FIG, que este ano chega a 29ª edição, mas infelizmente terá sua programação anunciada poucos dias antes de começar, isso faz com que muita gente não venha à cidade porque não tem tempo hábil para se programar”, comentou Givaldo.

Ele regista como positivo o fato do prefeito Izaías Régis ter anunciado as atrações da Magia do Natal desde o dia 21 passado, com boas atrações, que se apresentarão em Garanhuns no final do ano. “Assim, os que estão lá fora, podem se agendar e vir prestigiar a Magia do Natal, tido, hoje, como uma das melhores festas de Natal do Brasil”, salientou.

Givaldo é um apaixonado por Garanhuns, acompanha tudo que acontece no município e luta sempre pelo desenvolvimento de nossa terra.

PREFEITURA CONSEGUE BLOQUEAR R$ 2 MILHÕES E 300 MIL DE EMPRESA QUE FEZ SERVIÇO MAL FEITO EM GARANHUNS


A Justiça acatou o pedido da Prefeitura de Garanhuns de bloquear os valores pagos à empresa GL Empreendimentos LTDA — ME, obrigando a mesma a, alternativamente, devolver os valores repassados para obras de infraestrutura no município ou refazer o serviço — sendo elas obras de pavimentação asfáltica e paralela nas localidades João da Mata, na Boa Vista, e Indiano, no bairro Severiano Moraes Filho. A decisão foi expedida pelo juiz da Vara da Fazenda Pública da Comarca Garanhuns, Glacidelson Antônio. 

O prefeito Izaías Régis comentou a decisão e enfatiza que a medida é bem recebida, visto que o Governo Municipal tentou, de várias formas, em contato direto com a GL Empreendimentos, novas possibilidades de resolver os problemas encontrados após a execução das obras nessas localidades. “Temos responsabilidade com as nossas ações e acompanhamos de perto o desenrolar das obras. Desde que identificamos o problema, buscamos solução, como não tivemos retorno da empresa, determinei que a Procuradoria acionasse judicialmente a empresa para a reparação das vias ou a condenação de devolução dos recursos”, completa o gestor. 

De acordo com a Procuradoria Geral do Município, caso a empresa não consiga ou apresente motivações para não refazer as obras no João da Mata e no Indiano, a mesma terá que devolver à Prefeitura o quantitativo equivalente a mais de 2 milhões e 300 mil reais, para que assim, a gestão municipal possa contratar uma nova empresa para refazer as obras com problemas. 

quinta-feira, 27 de junho de 2019

MÁRCIA FELIPE É ATRAÇÃO HOJE À NOITE EM CAETÉS


Depois do sucesso das festas juninas nos dias 12, 15 e 22, com artistas de renome como Assisão, Dorgival Dantas, Forró da Vaqueirama,  Danny Aguiar, Vilões do Forró, Forró de Mídia e Elifas Júnior, que atraíram públicos recordes a Caetés, o município encerra hoje os festejos de Santo Antônio, São João e São Pedro, com expectativa das melhores.

Márcia Felipe e Amazan prometem arrebentar nesta quinta-feira à noite e não será surpresa se um novo recorde de público for batido na Vila do Forró, no centro da cidade.

Prefeito Armando Duarte, que com sua equipe garantiram uma superestrutura para o evento em Caetés, estará presente, acompanhado pelos secretários, vereadores e a população que sente orgulho do município realizar todos os anos uma das maiores festas juninas de todo o Agreste.

BOM CONSELHO FAZ A MELHOR FESTA JUNINA E PREFEITO DANNILO GODOY ANTECIPA SALÁRIOS DOS SERVIDORES



Bom Conselho está realizando o maior e "Mais Arretado" São João do Agreste, o Forróbom e além do evento o prefeito Dannilo Godoy antecipou o pagamento dos salários de junho aos funcionários.

A gestão de Dannilo é diferenciada. Em 30 dias o prefeito conseguiu pagar 50% do décimo terceiro aos professores e ainda antecipar para o dia 26 a folha de pagamento referente ao mês de junho, tudo isso em meio a festa mais tradicional do agreste, a 26ª edição do Forróbom.

Nesta quarta-feira(26) aconteceu a primeira noite do evento no Parque de Exposições Dr. Delamário Borba. Na segunda-feira(24) já havia ocorrido o Arrastão do Forró, que lotou as ruas de Bom Conselho.

O que se viu na noite de ontem foi muita animação, parque lotado, tranquilidade e grandes shows. Harry Estigado, Peruanno e Márcia Fellipe se apresentaram para mais de 20 mil pessoas e esquentaram a fria noite de junho de Bom Conselho.

O prefeito Dannilo esteve presente recebendo os artistas, os turistas e o povo bonconselhense. Sempre recebido com muito carinho, Dannilo circulou na festa e foi muito parabenizado pelo grandioso e organizado evento.

O Forróbom movimenta a economia de Bom Conselho e possibilita um grande retorno ao comércio, com hotéis e pousadas lotados, restaurantes, salões de beleza, lojas, supermercados, entre outros. Além de todo o movimento gerado pelo Forróbom, a antecipação dos salários e pagamento dos 50% do décimo aos professores, injeta aproximadamente 3 milhões de reais na economia.




RODOLFO CRITICA CÂMARA E ELOGIA RAQUEL LYRA

Fernando Rodolfo ocupou a tribuna da Câmara Federal para criticar o governador Paulo Câmara pela sua ausência nos festejos do São João de Caruaru e pela verba de R$ 400 mil,  prometida ao evento pelo governo do estado.

Deputado disse que a verba destinada pelo governador às festas juninas de Caruaru, foi “cínica” e mais uma vez o socialista não pisou na capital do agreste uma noite sequer. “Esse dinheiro do governo não cobre metade dos custos”, frisou Rodolfo.

Ao mesmo tempo que criticou Paulo Câmara, o parlamentar cobriu de elogios a prefeita Raquel Lyra (PSDB) pelo recorde de público, todas as noites, nos festejos juninos deste ano, resultando, segundo ele, em grande movimentação cultural, inclusive na zona rural do município