ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

sexta-feira, 19 de abril de 2019

NANDO REIS HOMENAGEIA ROBERTO CARLOS


José Fernando Gomes dos Reis, mais conhecido como Nando Reis, é cantor e compositor.

Foi da banda de rock Os Titãs, mas desde o início dos anos 2000 partiu para carreira solo e se consagrou com grandes hits e parcerias ou duetos inesquecíveis, como a que fez com a cantora Cássia Eller.

Nando é paulista, tem 57 anos e surpreendeu muitos dos seus fãs, nesta sexta-feira, ao lançar um álbum com músicas que foram gravadas pelo rei, a maioria delas da dupla Roberto e Erasmo.

No seu canal do Yotube, Nando Reis gravou um vídeo falando sobre como surgiu a ideia de lançar este trabalho e fez rasgados elogios a RC.

Ex-Titãs confessa que começou a se interessar mais pela obra do cantor de Cachoeiro de Itapemirim a partir do disco de 1978, quando tinha em torno de 15 anos de idade.

“Não Sou Nenhum Roberto, Mas às Vezes Chego Perto”. Este é o título do álbum de Nando Reis, que faz um trocadilho por conta do seu sobrenome. 

“Roberto é o rei, e eu sou o Reis”, brincou ele,  no vídeo gravado no canal do Youtube.

Para Nando Reis, Roberto e Erasmo são no Brasil o que Paul McCartney e John Lennon representaram em termos globais.

Ele elogia muitas canções de RC e destaca “Detalhes” como uma obra prima mundial.

Propositadamente, Nando lançou o álbum nesta sexta-feira santa, 19 de abril, quando Roberto Carlos completa 78 anos.

O trabalho de Reis chega aos fãs através das diversas plataformas digitais, incluindo canções como Amada Amante, Alô, Abandono, Você em Minha Vida, De Tanto Amor e Todos Estão Surdos.

Apesar de confessar ser ateu, ele incluiu no repertório a música "Nossa Senhora", confessando que acha a melodia "linda".

Curioso que Nando, com origem roqueira, tenha optado por músicas mais românticas do repertório de Roberto.

Não é o primeiro grande artista da MPB, do pop ou do rock a gravar RC.

Nara Leão gravou um LP (na época dela não ainda tinha CD) só com músicas gravadas por Roberto Carlos. 

Na década seguinte Maria Bethânia fez o mesmo e anos depois foi a vez de Lulu Santos prestar um tributo ao rei. 

Agora chegou a vez de Nando Reis - que se mostra o maior admirador de todos do autor de Cavalgada - fazer uma releitura de canções conhecidas na voz de Roberto Carlos.

Nem todo mundo vai gostar, mas Nando tem todo direito de ser fã de quem quiser e gravar músicas que lhe tocaram de alguma maneira.

Afinal de contas ele é artista, como o homenageado. E cantores, compositores, estão sempre nos surpreendendo.

Ainda em tempo: No programa levado ao ar pelo YouTube, Nando Reis revelou que tanto Erasmo quanto Roberto ficaram emocionados e sentiram-se honrados com a homenagem. Não podia ser diferente.

*Foto: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário