Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa
Assembleia Legislativa

domingo, 30 de dezembro de 2018

AS PASSARELAS DO DEPUTADO FERNANDO RODOLFO


Por Altamir Pinheiro

Há  dizeres populares que combinam muito bem com a deputação que será exercida, a partir de fevereiro de 2019,  pelo Deputado Federal, o garanhuense Fernando Rodolfo, senão vejamos: “Quem é coxo parte cedo(sair na frente)” ou  “Quem cedo se deita e cedo se levanta, doença, pobreza e velhice espanta”...  Estas duas sabedorias ditas pelo povo caem como uma luva na trajetória do promissor político de Garanhuns. Estamos tratando das duas passarelas  estruturais, no Bairro de  “MANÉ CHÉU”,  conseguidas pelo deputado junto ao DNIT  que no ano de 2019 entrarão em estudos preliminares, para logo em seguida suceder o projeto básico e finalmente a obra ser executada ou edificada.

Logo após os procedimentos técnicos as duas passarelas serão construídas de forma permanente na BR 424, rodovia que dá acesso ao Bairro de Mané Chéu,  para que seja assegurada  uma firme travessia de pedestres sobre àquela  via de trânsito motorizado, pois elas terão uma importância formidável, haja vista  que irão separar, fisicamente, os fluxos de pedestres e veículos, eliminando os conflitos entre eles e evitar tantas vidas ceifadas que já foram embora em razão dos transeuntes atravessarem de lado a lado a perigosa BR que liga o citado bairro ao centro de Garanhuns.

Segundo rezam os procedimentos técnicos, na primeira etapa, devem ser efetuadas coletas de dados básicos existentes, como planta cartográfica ou topográfica e a  partir desses elementos, deve-se determinar o comprimento da obra e a indicação da solução estrutural. Durante a elaboração do projeto básico, analisam-se os sistemas estruturais observados no estudo preliminar e projeta- se uma obra esteticamente compatível com o local. Já no projeto executivo devem ser apresentadas as locações definitivas, obedecendo aos traçados em planta e em perfil da via, ao gabarito e às demais especificações previamente estabelecidas.

Como se sabe, naquelas imediações o risco de acidente é grave, os pedestres se arriscam diariamente para chegarem ao outro lado e se deslocarem para o trabalho, escola e demais atividades. Apesar da  imprudência vir dos dois lados ainda há um agravante para ser superado, como  as pessoas com mobilidade reduzida, cadeirantes, idosos, animais, crianças em carrinhos, cegos, portadores de necessidades especiais e principalmente quem usa a bicicleta.

As passarelas de “MANÉ CHÉU” são obras simplesinhas, de custo relativamente baixo, mas de alto alcance social.   Por isso os moradores daquele bairro serão  eternamente gratos ao deputado federal Fernando Rodolfo por se antecipar à sua posse e pedir para que fossem designados  os respectivos recursos para sua construção, pois já foram contemplados no orçamento de 2019 do Ministério, alocados na rubrica de manutenção rodoviária do Departamento Nacional de infraestrutura de Transporte(DNIT),  por intermédio  do ministro Valter Casimiro.

Através dos meios de comunicação local, o deputado já afirmou ser eternamente grato aos 11 mil votos que recebeu do povo de sua terra natal. A gratidão é, sem dúvida, um dos sentimentos mais puros e nobres que existem. Por tudo isso, mesmo sem o conjunto de passarelas sequer ter iniciado sua construção, mesmo assim,  antecipadamente,  já existe um sentimento de gratidão de toda um povo que reivindica àquela obra há décadas, esse mesmo povo se sente realizado pela iniciativa brilhante  do deputado Fernando Rodolfo. Em uma escala de 0 a 10, mesmo antes de tomar posse, o nobre parlamentar já atinge a nota máxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário