SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO

POLÍTICOS E ARTISTAS SE UNEM PELA PAZ E POR HADDAD


Faltando apenas dois dias para o povo decidir os destinos do Brasil, políticos, estudantes, trabalhadores, mães, donas de casa, comerciários, agricultores, religiosos e muitos artistas se unem para pedir paz e democracia.

São pessoas que veem na candidatura do PSL uma ameaça a tudo que foi conquistado depois de 21 anos de ditadura militar.

De 1984 para cá tivemos momentos difíceis. Sarney, Collor, Itamar, Fernando Henrique, Lula, Dilma e Michel Temer.

Alguns anos bons, outros nem tanto. FHC acabou com a inflação, Lula permitiu que pobres tivessem vez e chegou Temer para começar o processo de liquidação do país.

Até hoje, sete ministros do seu governo já declararam apoio ao capitão que se apresentar como salvador da pátria. Alguém mais tem dúvida que o governo dele seria o de Michel Temer piorado?

Porque apesar de tudo com o atual presidente ainda temos um pouco de democracia. Com o outro poderemos dar um salto no escuro, viver tempos sombrios.

Este sentimento não é somente meu, mas de milhões de brasileiros, inclusive alguns conhecidos como políticos ou artistas.

Quando Fernando Henrique Cardoso, com mais de 80 anos de idade, sai de sua zona de conforto para dizer que sempre foi adversário do PT, mas que agora não dá, tem que votar no professor, é porque a situação é muito séria.

Quando artistas tão diferentes como Caetano Veloso, Alcione, Gilberto Gil, Ivete Sangalo, Chitãozinho e Xororó, Luan Santana, Michel Teló, Elba Ramalho e Paula Fernandes gravam um clipe pela paz e pela democracia, é porque muitos se conscientizaram do perigo e sabem que é melhor o livro do que a arma, o diálogo que a ameaça, a civilidade que a truculência, a paz do que a guerra.

Assista o vídeo e reflita:



A vitória das forças democráticas é possível. As pesquisas recentes de três institutos – Vox Populi, Ibope e Datafolha – mostram que a diferença entre os dois candidatos à presidência caiu muito. Haddad só precisa crescer pouco mais de seis pontos de hoje para o dia da eleição para sair vitorioso.

É o voto que vem da influência de FHC, da força de Ciro, dos que acreditam em Marina, dos que sabem da inteligência do Boulos, dos conscientes de que o professor Fernando Haddad representa segurança e esperança, dos que estavam indecisos, de homens e mulheres que querem ver o Brasil feliz de novo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário