sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

SECRETARIA DE SAÚDE ATENTA AO PERIGO DA DENGUE

Com o aumento da temperatura e a possibilidade do acúmulo de águas, por conta das chuvas de verão, há uma tendência de multiplicação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças.

Consciente dessa realidade, os que fazem a  Secretaria de Saúde de Garanhuns  realizaram o primeiro levantamento do índice rápido de infestação predial do Aedes aegypti.

O trabalho realizado pelas autoridades da área da saúde mostrou que alguns bairros da cidade apresentaram um índice de infestação preocupante,  com o crescimento de focos do mosquito.

As áreas da cidade com maior índice de infestação são a Vila do Quartel, com 20,6% e a Cohab 3, com 17,7%.

Até o momento, foram notificados dois casos de dengue e um de febre chikungunya em Garanhuns, porém, nenhum destes foi confirmado em laboratório.


Se algum caso destas viroses for confirmado, ações de bloqueio serão utilizadas, com o uso dos equipamentos de Ultra Baixo Volume (UBV) costais — bombas costais motorizadas que servem para a aplicação de substâncias inseticidas. 

*Com informações de Aquilles Soares. Foto de Camila Queiroz, da Secretaria de Comunicação do Município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário