domingo, 21 de fevereiro de 2016

MIRIAN DUTRA E AS LIGAÇÕES PERIGOSAS

Mulher quando abre a boca é um perigo, principalmente se foi mulher de papel passado no cartório ou amante de algum poderoso.

No Brasil o Lula, antes de chegar ao Palácio, perdeu uma eleição porque uma ex-namorada, de nome Mirian, apareceu na televisão acusando o petista de ter pressionado ela para fazer um aborto.

Em São Paulo quem levou o ex-prefeito da capital à desgraça foi sua mulher, Niceia Pitta, que andou revelando para a imprensa os podres do marido.

Agora chegou a vez do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso viver seu “inferno-astral” por conta da uma amante. Sua mulher, dona Ruth, já morreu e está sendo poupada dos novos detalhes que surgem a cada dia na imprensa.

Temos uma outra Mirian em cena, de sobrenome Dutra, que foi correspondente internacional da poderosa Rede Globo.

A ex-namorada de FHC disparou, feito uma metralhadora giratória e tá pegando meio mundo de gente com suas revelações.

Depois que Mirian Dutra começou a falar, algumas informações bombásticas chegaram ao conhecimento da população brasileira, através da pequena e da grande imprensa:

- Fernando Henrique teve um relacionamento com a jornalista e depois, com a cumplicidade da Globo e de políticos como Jorge Bornhausen e Antônio Carlos Magalhães, mandou a namorada para o exterior, porque se o caso viesse a público poderia prejudicar a reeleição;

- Mirian teve um filho, que no início se pensou ter como pai o então presidente da República do Brasil. FHC garante ter feito dois exames de DNA que deram o mesmo resultado: o menino não é dele.

- A mãe debochou dos exames e disse numa entrevista à Folha de São Paulo: “Uma mulher sabe quem é o pai do seu filho. Se não é ele (Fernando Henrique), então é Deus”.

- Mesmo alegando não ser o pai de Tomás, Fernando Henrique revelou ter comprado um apartamento milionário para o mesmo, lhe manda uma mesada de três mil dólares mensais e vai ajudar o rapaz a cursar um mestrado no exterior; 

- Na época do envolvimento do presidente com a jornalista, o único veículo da imprensa brasileira que publicou uma reportagem sobre a história foi a Revista Caros Amigos. Hoje o jornalista Alex Solnik, que trabalhou na Secretaria de Comunicação do Governo FHC, revelou que seu chefe, Andrea Matarazzo, tentou impedir a publicação da matéria oferecendo vantagens materiais à revista.

- Por conta de Mirian Dutra também se descobriu que uma irmã da jornalista, Margrit Dutra Schmidt (foto), recebe um bom salário do Congresso Nacional sem trabalhar há 15 anos, atualmente atuando como assessora (fantasma) do senador José Serra. Segundo o jornalista Ricardo Noblat a coitadinha vai perder o emprego.

- Para botar mais lenha na fogueira também hoje o internauta Stanley Burburinho publicou na internet documentos que provam as ligações de Fernando Henrique com a família Marinho, da Rede Globo.

- A Brasif, empresa utilizada pelo tucano para enviar dinheiro para o exterior para a ex-amante Mirian Dutra, tem como sede a rua Margarida Assis Fonseca, 171, Califórnia, em Belo Horizonte.

10 comentários:

  1. Terror mesmo não é o bebê de Rosemary, terror é o bebum de Rosemary.

    ResponderExcluir
  2. Esse “desabafo” tem um cheiro forte de pixuleco......

    ResponderExcluir
  3. Se os exames de DNA deram negativo, e os exames são altamente confiáveis, quem é o pai do rapaz? Isso ela não explica e nem lhe foi perguntado, pois a entrevista foi feita sob medita para desviar o foco do lula, que está se borrando de medo da polícia e da justiça. Isto é que intriga. quer dizer que enquanto namorava o FHC ela se engravida e o filho não é do namorado/amante? É de quem? Ah já sei: é do ET de Varginha.

    ResponderExcluir
  4. agora os petistas querem pegar no pé do fhc. Convenhamos desde a dona ruth (já falecida) que na sua juventude era, além de inteligente, com formação acadêmica, muito bonita, depois essa jornalista também bonita, e a atual, linda .
    os petistas deveriam ficar calado, pois o seu líder(cappo) só pegou baranga, tribufú, olhem para a mulher dele que só perde de plásticas para a zilú (mulher do zezè) em quantidades de plasticas e botox, e cada vez ficam piores, apesar de a zilú ter melhorado um pouco, mas a baranga do Lula, tanto a oficial quanto a filial, pelo amor de deus, é muito mau gosto.

    ResponderExcluir
  5. Eu como mulher que sou e de princípios morais e éticos, tenho vergonha de certas atitudes de outras mulheres que por não possuir dignidade, expõem suas intimidades só para denegrir uma figura pública e bem conceituada como FHC, ainda mais com um propósito sórdido. Os Petistas se ufanam como se esta figura pública tivesse praticado os mesmos erros que eles. Que fiquem tranquilos pois ninguém tomara o seu primeiro lugar de desonestos.

    ResponderExcluir
  6. Estás vendo Fhc, e tu que zombava de Lula quando arrumou aquela rapariga ( Rose), agora tás tu aí com Miriam!!!

    ResponderExcluir
  7. José Fernandes Costa21 de fevereiro de 2016 23:38

    Booommm diiiaaa, Rede Globo!!!

    Tomás Dutra Schmidt, filho de Fernando Henrique Cardoso e Miriam Dutra Schmidt, nasceu no dia 26 de setembro de 1991, conforme certidão de nascimento do Cartório Marcelo Ribas (Brasília - DF).
    Vive hoje com sua mãe e tia em um dos mais caros e sofisticados bairros da Europa, em Barcelona.
    Agora se vocês querem saber como isso NUNCA foi notícia na "grande imprensa", leiam Caros Amigos - ano IV número 37 - abril de 2000. A matéria é assinada por Palmério Dória e outros. O título é: "Um fato jornalístico".
    A pergunta é quanto custou esse silêncio. A portaria do Ministério da Fazenda - 04/1994, por exemplo, ISENTA da CPMF todos os meios de comunicação "e sua cadeia produtiva". Isso é só um começo de conversa.
    E o Proer da Mídia no final do ano 2000 custou US$ 3 bilhões de dólares; ou R$ 6 bilhões de reais, num ajuste de contrato. Agora bom mesmo é procurar no Siafi o quanto foi efetivamente gasto em propaganda no Orçamento Federal de 1994 a 2002.
    Daria uma tese de Doutorado.
    **Esse fragmento foi escrito em 2003. – É ISSO!!

    ResponderExcluir
  8. Com lula tudo pode contra outros políticos tudo pode agorá contra o príncipe da privataria não não pode nada será que vcs são tão idiotas assim? Um cara de pau desse que chamou de vagabundo quem se aposenta com menos de 55 anos tendo ele se aposentado com 37 anos de idade e hoje recebe 22 mil. Escreve um livro depois vai a público e fala esqueçam o que escrevi. Não se podia esperar causa melhor desse picareta

    ResponderExcluir
  9. Em nova entrevista, desta vez ao jornalista Joaquim Carvalho, publicada no blog Diário do Centro do Mundo, pró-governo e pró-PT, a ex-amante de FHC, o macho-alfa de 84 anos, Mirian Dutra, 67 anos, dá detalhes da sua relação com o ex-presidente e de como ele usou o cargo para escondê-la sem sucesso, porque todo mundo sabia do caso. Segundo ela, o ex-diretor de jornalismo da Globo, Alberico de Souza Cruz, que já morreu e não pode se defender, pode ter recebido uma concessão de uma TV em Minas Gerais como "retribuição pelo bem que fez ao Fernando Henrique Cardoso" por ajuda-la a sair do Brasil. Além de caluniar os mortos, Mirian também ataca sua própria irmã: - Ela é a cunhadinha do Brasil e também se beneficiou da relação com FHC. Como a própria jornalista se beneficiou durante 30 anos, inclusive enganando o ex-presidente, fazen do-o crer que era pai de um filho que não era seu, conforme ficou comprovado em dois exames de DNAs. A irmã de Miriam, como seu ex-cunhado, Fernando Lemos, teriam faturado milhões em cima dela, aproveitando-se do segredo de FHC, que realmente esteve em cima dela. FHC tirou nota assumindo a relação com a jornalista, a enganação de que foi vítima e até o reconhecimento indevido da paternidade, informando que nunca deixou de ajudar o "filho".

    ResponderExcluir
  10. Essa Mírian Dutra é doida. O próprio filho é intrigado com ela e mesmo Fernando Henrique não sendo seu pai verdadeiro mesmo assim, Tomás o chama de Pai.

    ResponderExcluir