SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

DEPUTADOS ROMÁRIO DIAS E ÁLVARO PORTO FORTALECEM PAULO CÂMARA NO AGRESTE

A conquista do governador Paulo Câmara dos deputados estaduais Romário Dias e Álvaro Porto, ambos eleitos pelo PTB, foi estratégica. É que os dois e o prefeito Izaías Régis foram os principais responsáveis pelo desempenho pelo menos razoável de Armando Monteiro na região do Agreste Meridional.

Em Garanhuns o candidato ao governo pelo PTB ganhou por uma pequena diferença e ficou ainda na frente em várias cidades próximas, como Capoeiras e Caetés. A vitória mais expressiva de Armando Monteiro foi na terra de Armando Duarte, graças sobretudo ao prestígio do prefeito, que dependendo de alguns fatores pode terminar também aliado de Câmara, como Álvaro e Romário.

O governador trabalha com um olho na crise (focado nas dificuldades do Estado) e outro já examinando o terreno da reeleição.

Por isso ele se empenhou em atrair para o seu lado os dois deputados do Agreste, que possivelmente se juntarão aos socialistas tendo ao seu lado prefeitos, vereadores e candidatos fortes na eleição deste ano.

De acordo com o jornalista Inaldo Sampaio, Romário Dias e Álvaro Porto foram escalados pelo governador para recompor as forças governistas no Agreste Meridional, a fim de levá-las à vitória no pleito deste ano.

Paulo Câmara não deve ter a mesma força da eleição passada na Região Metropolitana do Recife. É possível mesmo que fatos como a nomeação de João Campos para o seu gabinete lhe cause enormes prejuízos eleitorais na capital e em cidades como Olinda, Paulista, Jaboatão, Moreno e Camaragibe, municípios mais avessos a essas velhas práticas políticas.

Daí que é preciso reforçar o interior. Nas cidades pequenas de Pernambuco, é improvável que a nomeação dos filhos de Eduardo Campos para cargos do Estado e Prefeitura do Recife causem maiores desgastes ao governador. Se bem que hoje as redes sociais e os blogs regionais pesam na balança e podem fazer a diferença, criando algumas surpresas.

Álvaro Porto e Romário Dias, que foram importantes na campanha de Armando Monteiro, derrotado principalmente devido à fatalidade que levou Eduardo Campos, serão a partir de agora personagens essenciais à manutenção da força política de Paulo Câmara no Agreste Meridional e outras regiões do interior.

*Na foto, reproduzida do blog de Flávio Chaves, Romário Dias e Álvaro Porto já aparecem ao lado do governador. Os dois deputados devem se filiar ao PSD.

Um comentário:

  1. A ALA que apoiou o governador em 2014 em várias cidades do Agreste Meridional ficam como? Será dado o mesmo tratamento que foi dado pelo seu antecessor? Subirá no palanque e deixará os seus amigos ao deus dará? Será que vale apena um sujeito ou grupo político ser esculhambado em praça pública e depois ser menosprezado como foi em Caetés?

    ResponderExcluir