domingo, 29 de novembro de 2015

O BRASIL QUER MUDAR OUTRA VEZ

Pesquisa do Datafolha mostra que 81% dos brasileiros querem a cassação do mandato do deputado Eduardo Cunha e o consequente afastamento do peemedebista da presidência da Câmara Federal.

Essa pesquisa, juntamente com a que foi feita para presidente, indicando Aécio e Marina como os preferidos do eleitor, na próxima disputa nacional, deixa claro que os brasileiros querem mudança no cenário político brasileiro.

Massacrado pela mídia e vítima das besteiras dos próprios companheiros de partido, Lula apresenta um índice de rejeição alarmante e será difícil reverter esse quadro, porque o petista não empolga nem envolve mais como quando era um jovem rebelde, a principal liderança de um partido que então representava a ética.

Para completar, o Governo Dilma vive engessado, acuado,  e ela não consegue encontrar a tal “luz no fim do túnel”.

O povão, que foi muito beneficiado nas gestões petistas, no momento está assombrado com o desemprego, com a inflação, com a falta de dinheiro no bolso para comprar até o básico.

Aécio, Geraldo ou Marina são a solução para o Brasil? Não acredito. O PSDB já governou o país e foi pior do que o PT, tendo feito uma gestão elitista, como tantas outras, de outros partidos.

Nos Estados os tucanos também não têm dado bom exemplo, tanto que Minas Gerais se livrou do PSDB e a população está satisfeita, pelo menos até agora, com a administração do petista Fernando Pimentel.

Geraldo apesar de estar no terceiro mandato como governador não convence como o homem ideal para fazer o Brasil avançar. São Paulo é um Estado que fabrica bandidos e os tucanos não conseguiram em mais de 20 anos melhorar a situação da segurança pública por lá.

Além disso, não há como não responsabilizar o atual governador paulista pela falta d´água em Sampa, numa região que chove muito mais do que em qualquer Estado do Nordeste. Há ainda a desconfiança com sua gestão por conta do tratamento dado às escolas e aos professores.

A “reorganização” das escolas,  que a princípio iria fechar 94 estabelecimentos de ensino, é contestada por professores e estudantes, que mostraram recentemente sua revolta ocupando diversos educandários da rede estadual.

Bom, pelo menos Alckmin não mandou baixar o cacete nos professores, como fez o seu colega tucano do Paraná, Beto Richa.

Seria, então, a vez de Marina Silva?

Ex-senadora e ex-ministra pelo PT, o que tem a líder da Rede de Sustentabilidade de diferente dos seus antigos companheiros?

Marina é ficha limpa e tem boas intenções, imagino. Mas só isso basta? Ela tem um discurso frágil e por conta disso perdeu a vaga para Aécio no segundo turno, na eleição de 2014. Terá amadurecido o suficiente de lá para cá ou até 2018? Veremos.

Suas ligações com alguns grandes empresários que investiram nela na eleição passada são estranhas e não se sabe com que quadros irá governar este país tão complexo. Imagina aí ela tendo de conviver com um Congresso Nacional tão ruim como o de hoje, precisando dialogar com figuras como Renan Calheiros ou Eduardo Cunha. Só um inocente acha que é fácil dar uma “banana” pra esses caras.

O ideal é que tais personagens sejam tirados da vida pública pelo eleitor. Este apanha, apanha e continua votando nesses bandidos.

Graças a Deus ainda temos mais de dois anos pela frente até a próxima disputa presidencial. Podemos sonhar que os eleitores vão criar juízo, que a partir da pressão popular vai se fazer uma renovação nos partidos, vão surgir nomes novos, alternativas confiáveis de um homens ou mulheres capazes de governar o Brasil.

É importante o povo dite os rumos da política, exija vergonha dos homens públicos (que vivem dando vexame) e não acredite em “salvadores da pátria”.

Para mudar o Brasil de verdade precisamos de boas propostas, da participação da sociedade organizada, da influência das igrejas, do trabalho da imprensa que tem um mínimo de vergonha, dos trabalhadores, dos intelectuais, dos artistas engajados e de outros setores que possam dar sua contribuição às mudanças e ao desenvolvimento do país.

Somos uma grande potência e temos condições de oferecer uma vida mais digna ao povo, exercendo um papel importante na América Latina e em todo o mundo.


Mas para chegar a este estágio sonhado por tantos precisamos de menos demagogia, menos personalismo e mais compromisso com uma Nação de mais de 200 milhões de habitantes.

9 comentários:

  1. SERÁ QUE A PARTIR DE 2018 VAMOS NOS LIVRAR DO “IMPERADOR” LULA E DA “CLEÓPATRA” DILMA...

    P.S.: - O PT tem de virar cinzas... sal... estrume...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nas curvas e nos polígonos o Brasil vive e convive com políticos inescrupulosos.

      Eu gostaria de ver algumas pessoas terem a coragem de descrever os erros que foram cometidos por mais de 30 anos com as velhas raposas da politica pulando de galho em galho.Hoje essas figuras estão se explodindo contra um MULHER como se não fossem eles que deram o golpe rasteiro nas contas públicas.

      Imagine se os VEREADORES de Garanhuns,Lagoa do Ouro, Recife, São Paulo e Rio de Janeiro ou de Correntes e Bom Conselho aprovassem um Projete de Lei dando 61,83% de aumento a todos servidores públicos municipais? Esses prefeitos diriam o quê? Aprovariam ou rejeitariam?

      Foi o que fez a Presidenta Dilma quando Eduardo Cunha, PSDB e DEMOCRATAS e parte do fizeram fizeram com a Dilma. Aprovaram 78% de aumento aos servidores do poder judiciário. Em 12 anos os nossos deputados aprovaram para eles mesmos 164,84% de aumentos.Pimenta no ânus dos outros é refresco!

      Excluir
  2. Para mudar esse País, precisamos dar o primeiro passo agora em 2016. Escolher bem os nossos vereadores e prefeitos. Muitos políticos que estão com a máquina na mão, devem se aproveitar da seca para trocar água por votos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como escolher bem os vereadores e prefeitos se quase todos estão envoltos e envolvidos nesse mar de lama podre,nessa merda e no fogo cruzado da corrupção brasileira com os partidos tidos como grandes e desonestos: PMDB-PT-PSDB-PSB-PP-PTB-PSD-PDS-PROS-PV E ATÉ A MARINA SILVA recebeu milhões dessas quadrilhas existentes em todos os partidos?

      Mas as contas vieram para serem pagas por nós. E nós eleitores quando veremos um país decente e honesto?

      Com as oposições medíocres e fracas do Brasil? Um PSDB e um DEM que passaram 10 meses batendo em Dilma e no final foram eles que aprovaram uma PROPOSTA DE EMENDA CONSTITUCIONAL legalizando todas as CORRUPÇÕES E ROUBALHEIRAS,PREZADO E QUERIDO, ALTAMIR PINHEIRO?

      Excluir
  3. ESSE HOMEM FOI O RESPONSÁVEL DIRETAMENTE PELA APROVAÇÃO DE UMA PAUTA BOMBA QUE ARROMBARIA TODAS AS FINANÇAS PÚBLICAS TAL E QUAL OCORREU EM DEZEMBRO DE 2010 QUANDO 280 PICARETAS E ACHACADORES DERAM PARA SI 61,83% DE AUMENTOS QUANDO A INFLAÇÃO NÃO FORA DE 20%.

    EM DEZEMBRO DE 2014 ELES VOLTARAM A ATUAR NOVAMENTE E DERAM MAIS 26,34% E ASSIM FORAM R$ 21.000,00 EM 12 ANOS.

    E OS EFEITOS CASCATAS DESSES AUMENTOS? CADÊ OS PREFEITOS QUE NÃO FIZERAM GREVE PORRA NENHUMA. AGORA,QUE OS PEPINOS CAÍRAM NO COLO DELES ELES ESTÃO CHIANDO.

    CADÊ OS PREFEITOS E GOVERNADORES QUE DEIXARAM OS SEUS DEPUTADOS FEDERAIS APROVARAM UMA PAUTA BOMBA PARA ARROMBAR O BRASIL ?

    ResponderExcluir
  4. O outro só fala de Lula, mal sabe ele que vai ter que engolir Lula mais 8 anos no poder!!! Kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  5. DILMA PERDEU A CREDIBILIDADE. QUE É IGUAL À VIRGINDADE. NÃO SE RECUPERA, JAMAIS!!!

    P.S.: - Cuidado, gente!!! Defender a quadrilha petralha é fazer apologia ao crime...

    ResponderExcluir
  6. EU VOU TER A HONRA DE ENGOLIR LULA POR MAIS OITO ANOS. SÓ QUE... NA PAPUDA!!!

    P.S.: - Ser íntegro e honesto não é requisito para ser petista. Defender a quadrilha petralha é fazer apologia ao crime...

    ResponderExcluir
  7. LEIA-SE: SER ÍNTEGRO OU HONESTO NÃO É REQUISITO PARA SER PETISTA....

    ResponderExcluir