SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

REBELIÃO NA FUNASE DA BOA VISTA E ARRASTÃO NA COHAB I AUMENTAM INSEGURANÇA EM GARANHUNS

A escalada de violência em Garanhuns continua e de ontem para hoje dois fatos contribuíram para o clima de insegurança na cidade.

Nesta quarta, dia 28,  um grupo de internos da Funase, na Boa Vista, deu início a uma rebelião no órgão estadual, mas a direção da unidade solicitou reforço da Polícia Militar, que agiu rapidamente e controlou os menores infratores.

Segundo a polícia, a confusão teve inicio quando os adolescentes retornavam do banho de sol. Divergências entre os rapazes, que vivem na Funase em regime fechado, teria sido a motivação da tentativa de se rebelar.

Os rebeldes chegaram a causar estragos na parede do prédio da Fundação do Menor, porém a PM logo segurou os ânimos e encaminhou os  adolescentes uma das delegacias da cidade.

ARRASTÃO – Do outro lado da cidade, na Avenida Duque de Caxias, que dá acesso à Cohab I, na madrugada de hoje aconteceu uma tentativa de arrastão e pelo menos seis lojas foram alvos de ação criminosa.

O blog Agreste Violento registrou hoje que a insegurança toma conta dos bairros e até de vias movimentadas, como a Avenida Rui Barbosa, que também não oferece mais segurança para os cidadãos. Nas ruas e nas redes sociais se multiplicam os relatos de assalto, agressões e tentativas de estupros. Os bandidos às vezes agem em plena luz do dia. A iluminação precária em alguns bairros da periferia aumenta o clima de insegurança e a preocupação com a violência ecoa na Câmara Municipal.


O presidente do Legislativo, vereador Gersinho Filho, já apresentou proposta para realização de uma audiência pública objetivando discutir a violência em Garanhuns, tema que também preocupa o vereador Sivaldo Albino (PPS). Este se comprometeu a entrar em contato com os secretários estaduais da Casa Civil e da Defesa do Estado para ajudar Garanhuns na luta contra a violência.

A verdade é que precisa acontecer uma ação de governo firme, que tire a cidade das páginas policiais e que assegure aos moradores locais um Natal de paz e tranquilidade.

*A foto acima foi reproduzida do Blog Agreste Violento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário