SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO

JÔ SOARES E OUTROS NOMES DA CULTURA BRASILEIRA APARECEM NAS CONTAS DO BANCO HSBC DA SUÍÇA


por Chico Otavio, Cristina Tardáguila e Ruben Berta

Nomes da cultura nacional, ligados a música, TV, cinema e literatura, estão na lista dos 8.667 brasileiros que tinham contas numeradas — cujos donos são identificados apenas por um código — no HSBC da Suíça entre 2006 e 2007, segundo levantamento feito pelo GLOBO e pelo UOL. Os citados disseram não ter contas no banco ou não ter cometido qualquer irregularidade (leia abaixo).

Há casos de personalidades que, nos últimos anos, por meio de leis de fomento, como a Rouanet e o Fundo Nacional de Cultura, receberam recursos públicos para desenvolver atividades artísticas. Não é possível, porém, fazer conexão entre o dinheiro captado e os recursos que circularam nas contas bancárias na Suíça.
(…)
Os atores Claudia Raia e Edson Celulari, que se separaram em 2010, são identificados como donos de uma conta conjunta que, em 2006/2007, guardava um total de US$ 135,7 mil.

O nome do ator Francisco Cuoco também aparece na lista do SwissLeaks. E ainda há mais duas atrizes nos arquivos do HSBC: Maitê Proença e Marília Pêra. A primeira consta como tendo aberto uma conta em Genebra em abril de 1990. Em 2006/2007, Maitê tinha US$ 585,2 mil em seu nome. Marília, por sua vez, aparece com um registro de abertura de conta em fevereiro de 1999. Em 2006/2007, ela dispunha de US$ 834 mil.

O apresentador Jô Soares é relacionado a quatro contas numeradas, abertas entre abril de 1988 e janeiro de 2003. Em 2006/2007, todas elas estavam zeradas. Nos documentos do banco, Jô aparecem associado a duas pessoas jurídicas: a Lequatre Foundation, de Liechtenstein, e a Orindale Trading, nas Ilhas Virgens Britânicas.

Um comentário:

  1. Não sei se por coincidência ou não, onde tem globo tem ação ilícita e ela está direta ou indiretamente ligada. Ela não se satisfaz em ser sonegadora de impostos e contraventora, ela quer sempre mais,é partidária, anuncia leviandades, seus jornais são um lixo, e suas novelas são de baixo nível, tanto que tem que se tirar as crianças da frente das televisões. O Governo tem motivos de sobra para tirar esse mal do ar, por pelo menos um mês. O rico que não tem conta no exterior, que atire a primeira pedra. Se não estiver declarado a Receita Federal, é crime previsto em Lei.

    ResponderExcluir