quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

A VELHA POLÍTICA SOBREVIVE ATÉ NOS QUARTÉIS

A Nova Política pregada na campanha de 2014 por Eduardo Campos, Marina Silva e Paulo Câmara está novamente sendo posta à prova em Pernambuco. Por conta de pressões políticas de deputados da região, o Coronel Campos, figura admirada nos quarteis e na sociedade pode deixar o comando do 9º BPM.

Tivemos um contato telefônico com o militar, que preferiu não revelar os nomes do envolvidos nesse episódio de política menor que sobrevive no Estado.

Como é que pode haver Nova Política com prefeituras sendo discriminadas e indicações de cargos de confiança obedecendo unicamente ao velho critério eleitoral?

Se até no comando do 9º BPM deputados ou suplentes se acham no direito de dar pitaco para atender a seus interesses menores, como é que fica a GRE, o Ciretran, a V Região de Saúde e as escolas estaduais?

Não existe Nova Política coisa nenhuma. Aqui se pratica o mesmo da Velha República, dos tempos de Getúlio e Agamenon, do início do Século XX.

É de se esperar que a oposição, através de Silvio Costa, Álvaro Porto, Romário Dias e outros que tiveram votos no Agreste Meridional se posicionem sobre esse episódio que só envergonha e apequena a política pernambucana.

Este blog se solidariza com o coronel Campos e aplaude o seu gesto de coragem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário