SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

quarta-feira, 13 de março de 2013

ARGENTINO É O NOVO PAPA

O cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, 76, foi escolhido o novo papa da Igreja Católica. Seu nome foi anunciado pelo diácono francês Jean-Louis Tauran, por volta das 20h, no horário de Roma, pouco mais de 17h no Brasil. Uma multidão calculada em 70 mil pessoas lotava a Praça de São Pedro e gritava com alegria, o tempo todo “Viva o Papa”! Viva o Papa”

A escolha foi considerada uma “zebra” e Jorge Mario, o sucessor de Bento XVI,  escolheu o nome de Francisco. 

O Brasil torcia pelo nome de Dom Odilo, mas de todo modo pela primeira vez um latino-americano é escolhido para ser o chefe de Igreja Católica. Não deixa de ser uma alegria para todos que vivem neste continente. 

QUEM É O CARDEAL DOM MARIO

Nascido em Buenos Aires, em 1936, Bergoglio é filho de um ferroviário que emigrou de Turim, na Itália, para a Argentina, onde teve cinco filhos. O plano original do cardeal era ser químico, mas, em vez disso, ele ingressou em 1958 na Companhia de Jesus para começar os estudos preparatórios para a ordenação sacerdotal. Passou boa parte do início da carreira lecionando Literatura, Psicologia e Filosofia, e muito cedo era visto como uma estrela em ascensão. De 1973 a 1979 foi provincial dos jesuítas na Argentina.

Depois disso, em 1980, tornou-se o reitor do seminário no qual havia se formado. Eram os anos do regime militar na Argentina, quando muitos sacerdotes, incluindo líderes jesuítas, gravitavam em torno do movimento progressista da Teologia da Libertação. Como provincial jesuíta, Bergoglio insistiu em um mergulho mais profundo na tradição espiritual de Santo Inácio de Loyola, ordenando que os jesuítas continuassem seu trabalho nas paróquias e atuassem como vigários em vez de se meterem em “comunidades de base” e ativismo político.

Embora os jesuítas sejam, em geral, desencorajados de receber honrarias eclesiásticas, especialmente fora de seus países, Bergoglio foi nomeado bispo auxiliar de Buenos Aires em 1992, e depois sucedeu o adoentado cardeal Antonio Quarracino, em 1998. João Paulo II fez Bergoglio cardeal em 2001, designando-lhe a igreja romana que leva o nome do lendário jesuíta São Roberto Belarmino.

Em 2005 Mario Begoglio foi considerado o principal desafiante de Joseph Ratzinger, que foi o escolhido e virou Bento XVI. Um participantes do conclave daquele ano chegou a revelar que o argentino chegou a receber 40 votos na terceira votação, mas depois os cardeais optaram mesmo pelo alemão, que chefiou a Igreja oito anos e renunciou o cargo 16 dias atrás.

Segundo a imprensa especializada, o argentino marcou muitos pontos como um intelectual dedicado, que estudou teologia na Alemanha. Seu papel de liderança durante a crise econômica argentina deu polimento à sua reputação de ser a voz da ponderação e fez dele um potente símbolo do que os custos da globalização podem representar para o mundo pobre.

Contaram a seu favor, ainda, a proverbial simplicidade pessoal.  Também exerceu inegável atração – é um príncipe da Igreja que escolheu viver em um apartamento simples em vez de habitar um palácio episcopal, que abriu mão da limusine com motorista e prefere usar o transporte público, e que cozinha suas próprias refeições.

Essas qualidades podem não ter sido suficientes para torná-lo papa em 2005. Os religiosos que participaram do conclave, no entanto, parecem ter votado agora levando em conta tanto o preparo do escolhido como o fato dele ter sido o segundo mais votados oito anos atrás. (Principal Fonte com relação aos dados biográficos: Gazeta do Povo).

19 comentários:

  1. Argentino de 76 anos. Meu Deus.

    ResponderExcluir
  2. Uma ótima escolha e que seja feliz na sua nova missão.

    ResponderExcluir
  3. Como católica fiquei muito feliz pela escolha do novo papa; um irmão da América Latina conhecido pela capacidade intelectual e humildade; acredito que Francisco I poderá dar um novo ritmo a Santa Igreja combatendo as práticas que tem abalado a moral da Igreja de Cristo. Salve o novo papa! Salve o bispo Dom Fernando! Salve padre Emérson o nosso pároco da Boa Vista!

    ResponderExcluir
  4. foi mesmo que um gol de messi

    ResponderExcluir
  5. José Fernandes Costa13 de março de 2013 21:56

    Vejam só! Um gaiato me disse que fora um cardeal argentino, descendente de italianos. E que o sobrenome seria Gaio. - E o tal gaiato acrescentou: é o papaGaio. - Estranhei. Agora, vi que se trata de Bergoglio. Como tem gente maliciosa neste mundo de meu Deus! - 2. Brincadeiras à parte, o fato de ele adotar o nome de Francisco I, deixa claro o traço da humildade; do despojamento em relação a bens materiais. Os franciscanos sempre optaram por suprir as necessidades dos pobres, em detrimento das necessidades próprias. Ou seja, eles calçam as sandálias da humildade. - Pena que isso contraste com a suntuosidade e as pompas do Vaticano. - Mas, quem sabe, não seja um sinal para que os que fazem a Igreja Católica, Vaticano em especial, botem os pés no chão, deixando tanto luxo de lado./.

    ResponderExcluir
  6. Espero que o novo Papa faça realmente jus ao nome de Francisco e, como ele, desfaça-se das riquezas da Igreja, transforme-as em alimento para matar a fome no mundo. Seu perfil já é bem condizente.
    Será este, o que irá restaurar a Igreja de Cristo? Que implantará penalidades mais severas para coibir o homossexualismo e pedofilia, dentro da nossa Igreja?
    Será este, que irá dar exemplos aos nossos Padres e Bispos para serem mais simples e humildes e renunciarem a tantos bens materiais e ostentação?
    Será exemplo, para que tantos outros, em vez de terem carro do ano, andarem de ônibus? será?
    Servirá para que nossos padres deixem de frequentar bares e passem a noite bebendo?
    Servirá, para que os religiosos voltem-se para a essência do Cristianismo, que é o desprovimento material, a divisão de tudo e a pureza do corpo e da alma?
    Será que o Papa Francisco, irá resgatar a proposta de Cristo? A mesma proposta que São Francisco entendeu e abraçou na sua totalidade, incondicionalmente.
    Espero sinceramente que tudo ocorra, a fim de termos a verdadeira Igreja de Jesus, para termos verdadeiros pastores, seguidores corretos e inquestionáveis do Senhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde são esses bares que nossos padres passam a noite bebendo? Respeito é bom e faltou muito em vc anônimo. Quais são as riquezas do nosso bispo e dos nossos padres que muitas vezes não conseguem nem receber seus salários e nem por isso deixam de servir a Deus porque não são funcionários mas Ministros sagrados. O PAPA FRANCISCO SERÁ O QUE É VIGÁRIO DE CRISTO PARA NÓS TODOS. O BEATO JOÃO PAULO NÃO ERA HUMILDE? O PAPA EMÉRITO BENTO NÃO ERA HUMILDE? O QUE ENTÃO É HUMILDADE? QUE TRISTE CONSTATAR QUE A MALDADE E O FERMENTO DE SATANÁS JÁ CONTAMINOU O CORAÇÃO DE TANTAS PESSOAS. CADA UM VIVA O EVANGELHO SEM JULGAR O PRÓXIMO, NINGUÉM É JUIZ DE NINGUÉM.

      Excluir
    2. Que a rapidez do conclave mostre ao mundo orquestra a imprensa não mostra nem diz. A IGREJA TÁ UNIDA, VIVA, FIEL A JESUS CRISTO. SEJA BEM VINDO SANTO PADRE FRANCISCO! NÓS TE AMAMOS PORQUE ÉS O DOCE CRITO NA TERRA.

      Excluir
  7. Vou a Jornada mundial da Juventude e estou ansiosa para conhecer o novo Papa Francisco. Será um bênção de Deus. Fico feliz em ver que na minha Igreja posso encontrar o Vigário de Cristo na terra.

    ResponderExcluir
  8. IGREJA SANTA, TEMPLO DO SENHOR, GLÓRIA A TÍ IGREJA SANTA, Ó CIDADE DOS CRISTÃOS, QUE TEUS FILHOS HOJE E SEMPRE VIVAM TODOS COMO IRMÃOS. VIVA O PAPA FRANCISCO!

    ResponderExcluir
  9. José Fernandes Costa14 de março de 2013 10:59

    Não obstante o nome de Francisco, adotado pelo atual papa, ele não é franciscano. É jesuíta. - O simbolismo do nome Francisco é a humildade característica de São Francisco de Assis. - Contudo, os jesuítas orientam seus trabalhos para doutrinar e propagar a fé cristã. São voltados para o modelo educacional e missionário. - Enquanto a Ordem Franciscana foi fundada por São Francisco de Assis, a Jesuíta começou com Santo Inácio de Loyola, juntamente com São Francisco Xavier e outros. - 2. O anônimo da 1h11 entusiasmou-se tanto que sugeriu que "nossos padres deixem de frequentar bares e passem a noite bebendo?" (!). - Isto é, que eles deixem os bares e se embriaguem na casa paroquial ou entre outras quatro paredes. - O ruim é a ressaca na hora de celebrar missa e sacramentos, às 8h do dia seguinte. - 3. Ontem eu falei do papaGaio. - Agora, vem-me outra lembrança: em espanhol Francisco é chamado de Paco. Assim como José é Pepe. - O idioma da Argentina é o espanhol. - Então, podemos chamar o novo papa de paPaco, para abreviar a escrita e facilitar a pronúncia. - Fica o lembrete./.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O idioma da Argentina é CASTELLANO! E nome de pessoas não mudam em lugar nenhum do mundo, a escrita é igual, o que muda é como se pronuncia. Fica o lembrete!

      Excluir
  10. Parabéns, Roberto Almeida. é um bom início de começarmos a saber da biografia do novo papa, antes de sair atirando pra todo lado e confundindo as bolas. Valeu a matéria!

    ResponderExcluir
  11. parabéns pela materia.

    ResponderExcluir
  12. Onde existe salário, riquezas, mordomias; não existe vocação, nem renúncia, correção, amor, dedicação.. Existe corrupção, concorrência desleal, inveja, interesses particulares, ambição, intrigas e tudo mais que envolve o vil metal, da mesma forma que rege a vida de qualquer e todo mortal.
    OBS: Bares ou casas paroquiais dão no mesmo. O erro é o mesmo. Ah! deverão procurar nos melhores. Nada de ponta de rua, periferia ou coisa que o valha.

    ResponderExcluir
  13. DOMINGOS PACIENCIA - GUILLEN14 de março de 2013 18:04

    PARABENS ROBERTO ALMEIDA (FRANCISCO), CORAGEM E FORÇA...

    ResponderExcluir
  14. A MAIORIA DAS MULHERES DESTE PLANETA SABEM FAZER MAIS SÓ ENZISTE ( UM ) ESCOLHIDO PELO HOMEM

    É PAPA KKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  15. meu Deus vamos adorar a penas a Deus não a um homem,cuja a doutrina e seguir a besta que quer desser satanas,e ai vcs vão seguir a Deus ou ao papa que é enviado de satanas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk a gente ve cada uma por ai... acho até engraçado certos comentarios!

      Excluir