SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

O DINHEIRO DOS MUNICÍPIOS

Os recursos que vêm para os municípios brasileiros são suficientes para se fazer alguma coisa em cada cidade, se administrados com competência e honestidade. Confira o FPM de 2011 de alguns municípios da região: Garanhuns - R$ 18.867,378,35; São Bento do Una - R$ 11.530, 064,61; Lajedo - R$ 8.385.501,60; Caetés - R$ 7.337.313; Capoeiras - 6.289.126,22. Com relação ao Fundeb, dinheiro exclusivo da Educação, que não entra nessa contra do Fundo de Participação, temos os números de Garanhuns, que até o final do ano terá recebido mais de R$ 25 milhões, Caetés com R$ 11.335,835,16 e Capoeiras totalizando R$.8.829.259,88. Esses e outros dados podem ser acessados por qualquer cidadão em sites como Portal da Transferência, Confederação Geral dos Municípios e Ministério da Educação/FNDE. Vale lembrar que dinheiro para compra de ônibus, livros, equipamentos escolares e merenda não entra na conta do Fundeb. A merenda tem recursos próprios, verbas para mobiliário e veículos são liberadas pelo Governo para quem faz bons projetos e os livros a União envia todo ano as diversas escolas espalhadas pelo País. Importante frisar também que municípios como Garanhuns e São Bento têm receitas significativas do ICMS, ISS e IPTU. As cidades pequenas vivem basicamente do FPM.

3 comentários:

  1. Quando o FPM cai os Prefeitos fazem uma zuada grande.

    Quando o FPM aumenta eles se calam e não diz nada a ninguém.

    O que tem de Prefeitos incompetentes e irresponsáveis com o dinheiro público neste país é de estarrecer de vergonha.

    A maioria deles não sabem aplicar os recursos na geração de emprego e renda.

    Quantos equipamentos foram comprados para gerar trabalho?

    Qual o apoio que eles dão a geração de micro-empresário nos municipios?

    Quantas fabriquetas estão sendo construídas em suas cidades para gerar trabalho?

    Qual a visita que um desses Prefeitos tem feito ao lado de seus vereadores aos pólios de desenvolvimento tais como: Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama, São Paulo e outros para trazer tecnologia para as suas comunidades?

    Qual o apoio que estão dando a agricultura numa parceria arrendando terras e colocando esso povão para trabalhar durante o inverno?

    Qual o apoio que eles estão dando criando um banco de sementes, um banco popular para apoiar aqueles que estão desempregados e que são muitos?

    Qual o apoio que se é dado as associações comunitárias para se organizarem em busca de Projetos de irrigação, arrendamento de terra, créditos, plantios de hortifrutigranjeiros em locais próprios e apropriados?

    Falta competência, responsabilidade, aplicação dos recursos públicos com qualidade e voltado para o povão que quer trabalhar, mas não tem onde trabalhar!

    Os Deputados Federais e Estaduais quando visitam o Município de 4 em 4 anos conversam uma porção de besteiras, mas não são capazes de defender o arrendamento de terras para o povão trabalhar.

    A Pecuária está tomando conta de tudo. Produzir feijão, milho, algodão, melancia, tomate, cenoura, inhame, batata, abóbora, farinha, batatinha,já era para a maioria dos Prefeitos da região do Nordeste.

    Por isso que o dinheiro do FMP deveria ser melhor aplicdo para reativar o quadro desenhado acima.

    O povão passa sem as festas que nada produzem e apenas transforma a cultura em barriga vazia dos que passam fome e que são muitos.

    Palavra de um Professor.

    ResponderExcluir
  2. Roberto, essa notícia é importante pois permite às pessoas cobrar dos seus governantes o bom uso desses recursos. Utilidade pública.

    ResponderExcluir
  3. Hadriel todas as outra cidades podem fazer compração, menos CAETÉS; Terra que não tem justiça, governante faz o que quer.
    É bom saber- Caetés - R$ 7.337.313 e Capoeiras R$6.289.126,22.com bem menos não falta merenda, tem material didático, paga salário mínimo, médicos etc.
    É não esquecedo que o dinheiro relação ao Fundeb, dinheiro exclusivo da Educação, que não entra nessa conta do Fundo de Participação, que é mais dinheiro em caixa...Meu DEUS!!!!!
    Por incrível que pareça CAETÉS só pode espera pela justiça divina

    ResponderExcluir