SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

segunda-feira, 23 de maio de 2011

UMA HEROÍNA DO RIO GRANDE DO NORTE

Até o meio dia de hoje, somente um dos vídeos do yotube com o discurso da professora Amanda Gurgel, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte já tinha sido acessado por mais de 1 milhão e 100 mil pessoas. A profissional de ensino da rede pública virou celebridade e com a mesma desenvoltura que enfrentou os deputados e representantes do Ministério Público, encarou o programa do Faustão e recitou lições para os que fazem da Educação um Faz de Conta, neste país chamado Brasil. A melhor novidade por essas terras, do ano passado para cá, não foi a Dilma nem a Marina Silva. Foi a modesta Amanda Gurgel, que não é candidata a nada, ganha um salário insuficiente para uma sobrevivência digna e escancarou as porteiras da vergonha nacional na área do ensino público. A professora potiguar é inteligente, corajosa e coerente. Desmascarou o sistema, nele incluídos o Executivo, o Legislativo, o Judiciário e o Ministério Público. Quando perguntou se os presentes à Audiência Pública no RN conseguiriam manter seu padrão de vida ganhando R$ 930,00 por mês todos se calaram, envergonhados. Quando sutilmente criticou a promotoria por investigar os professores que comem "cuscuz alagado" na merenda, por isso ser considerado crime, estampou para o mundo inteiro uma situação surrealista e apequenou o MP. E, quando, na maior sinceridade disse que não se constrangia de revelar o salário recebido, dando a entender que as autoridades é que deviam se envergonhar, reduziu todo o poder a nada, escancarou a desigualdade social do país, denunciando uma sociedade injusta, de privilegiados, sanguessugas e falsos paladinos da justiça. Amanda é de pequena estatura, ainda bastante jovem e de um estado periférico da Federação. Mesmo assim conquistou os brasileirinhos de Norte a Sul. Lembra o Lula quando estava do outro lado e defendia o discurso da ética. Amanda Gurgel da noite para o dia deixou de ser uma anônima, apenas uma professora. Virou uma heroína. Que muitos tenham a sua bravura, a sua consciência, o seu conhecimento e ajudem a mudar de verdade este Brasil.

30 comentários:

  1. A professora Amanda Gurgel acabou fazendo um resumo preciso da educação no país, e virando heroína da classe do professores públicos no Brasil e nas redes sociais. As palavras da professora encontraram eco em membros representativos da sociedade. Entre as inúmeras referências ao assunto no Twitter, o ex-ministro da Cultura Gilberto Gil deu o seu veredicto: "Ótimo depoimento da professora Amanda Gurgel". A cantora Zélia Ducan foi além, dizendo que "A profra Amanda Gurgel, essa sim, vai pro céu! Isso sim, faz pensar e exige uma ação, meu povo!".

    Já o apresentador multimídia Marcelo Tas utilizou o vídeo para falar sobre a situação da educação no país, postando em seu blog: "Nos últimos 16 anos + 4 meses + 18 dias os governantes nos disseram que Educação é PRIORIDADE do governo deles (me refiro a FHC, Lula e Dilma, e deixo o passado-igualmente nefasto neste quesito- para trás). Desculpem os ilustres citados, mas na minha avaliação, no dicionário deles prioridade é sinônimo de blábláblá".

    ResponderExcluir
  2. ISSO SIM VALE A PENA DISCUTIR...GARANHUNS PRECISAVA DE UMA MULHER DE FIBRA DESSAS!

    ResponderExcluir
  3. Nesses últimos oito anos a educação, o crack e a dengue chegaram ao fundo do poço, Essa é a verdade nua e crua...........................

    ResponderExcluir
  4. Todos deveriam seguir o exemplo dela!

    Sou fã de Amanda Gurgel!

    ResponderExcluir
  5. É por essas e por outras que querem que o povo não aprenda mais a ler corretamente. Quanto mais burros ficarem melhor para essa corja falar o que quizer sem ninguem palpitar. Essa gente pensa que somos todos idiotas. Alias as vezes somos mesmo. Do contrario estariamos nas ruas ha muito pedindo mudanças de tudo que temos visto nesses ultimos 10 anos de desgoverno.

    ResponderExcluir
  6. Roberto você foi muito coerente na sua reportagem. Essa mulher é mesmo uma heroína, falou em oito minutos, o que nós professores numca conseguimos falar.
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Quem conhece o petismo sabe que ele não perde chance de fazer proselitismo. A mesma destapada malandragem se derrama pelos concursos públicos, pelas provas do ENEM e onde quer que surja uma brecha para a semeadura ideológica.

    ResponderExcluir
  8. Parabenizo a professora Amanda Gurgel, por ter usado a tribuna de forma muito coerente e ter traduzido a realidade do educador brasileiro para aqueles que são lideranças ,mas que nada fazem para valorizar a categoria.É lamentável o que se paga a um professor neste país.Todos falam em educação de qualidade,mas enquanto não se valorizar o educador,não conseguiremos mudar a realidade do nosso Brasil.O problema é que investir em Educação não é o objetivo da maioria dos políticos brasileiros,pq eles sabem que educação gera questionamento e questionamento é extremamente prejudicial à política do País... Assim pensa grande parte dos políticos,que utilizam da política do pão e circo,para ludibriar os cidadãos.Isso é fato,mas eu sou otimista e acredito em dias melhores.

    ResponderExcluir
  9. Temos que parabenizar essa jovem professora pela coragem, e por saber usar bem os meios de comunicações, porque é a única arma que os invisiveis (classe trabalhadora) têm que ainda põe medo na classe dominante(o sistema), que é tornar público a má vontade desses governantes com o social, vejam também a saúde, um funcionário (técnico em enfermagem), com 18 ano de serviço recebendo um salário de R$ 600,00 e o governador Eduardo Campos vem oforecer um reajuste de 4%, no entanto está apresentado uma obra faraônica na casa dos bilhões, pra deixar seu nome gravado na história as custas do suor alheio, a sua turma, que são os que tem cargos comissionados, no fim do ano passado receberam desse governo um reajuste de 50%. Então são pessoas que usam dois pesos e duas medidas,é por isso que a desigualdade social é grande, o mesmo que faz isso, é o mesmo que fala em igualdade social, distribuição de renda, qualidade de vida, etc.

    ResponderExcluir
  10. Roberto Almeida o seu texto foi brilhante e essa Amanda é nota 1000 mas os canalhas que alí ouviram e calaram é só naquele instante, depois que ela saíu daquele auditorio eles deram banana e voltaram a enfiar o pé na jaca, faz 50 anos que eu não vejo cara nova na polita nesse país, então querem o que? à, a cara nova que tem na politica é filho o neto das rapousas, já foram preparados por elas, então o povo que mais o que???

    ResponderExcluir
  11. É verdade Roberto, sou aluna da rede pública municipal e afirmo que a educação no Brasil é algo mascarado, maquiado e desmoralizado. É impossível um professor fazer um bom trabaLho quando não se tem sequer o minino possível de material e finaceiro. Sem falar a questão da politicagem que assola principalmente as pequenas cidades em que o voto ainda é de cabresto e o critério do bom profissional é ter votado em quem está governando. A professora Amanda é uma pessoa iluminada, ele não mostrou apenas o retrato do RN e sim do Brasil. Talvez se o a classe de professores fosse mais unida com verdadeiros ideais, a situação desse cenário mudava. Na minha cidade no início do ano presenciei a agonia de alguns professores que estavam sendo "obrigados' a rever o resultado dos alunos do ano anterior - quem tinha sido reprovado teria que ser mudado- pois o indice de reprovação foi altíssimo e eles queriam maquiar para ficar bonitiho para o IDEB - sem falar na merenda que é de péssima qualidade (quando tem), material para o aluno ( é igual ao prefeito da cidade (ninguém nem ver). Isso é muito vergonhoso, e entristece cada vez mais as pessoas que pensam que estudar é algo que ainda vale a pena ( tão pouco ser professor neste país). Vou continuar estudando, mas para tentar outra profissão, porque para ser professora - jamais. Ana Carla - Caetés - PE

    ResponderExcluir
  12. Roberto, por favor divulgue este evento que o blog estará realizando em Arcoverde em parceria com a Livraria Lira Cultural. http://primasfalando.blogspot.com/2011/05/blog-falando-francamente-e-livraria.html
    MUITO OBRIGADA!

    ResponderExcluir
  13. Parabenizo com muito orgulho essa MULHER AMANDA GURGEL pela sensatez,altivez,coragem e determinação que teve em fazer um discurso coerente, verdadeiro, atualíssimo e que coloca em evidência tudo o que se fez até hoje de positivo e negativo na EDUCAÇÃO BRASILEIRA.

    O que levou essa jovem Professora a se manifestar publicamente com determminação diante de um quadro avassalador com a péssima qualidade do ensino brasileiro?

    Quando ela se confrontou com o Poder Executivo, Poder Legislativo e o Poder Judiciário, ela se transformou na gigante mulher, apesar de ter estatura mediana, na MULHER GUERREIRA, pois, aquela tropa toda fora beneficiada com aumentos de R$ 61,83%.

    Enquanto que os Prefeitos, os Governadores, A Presidenta da República estão oferecendo aumentos de 4%, 5% e 6,86% ( foi o aumento do salário mínimo), eles os privilegiados tiveram aumentos de salários de R$ 10.000,00 enquanto que os trabalhadores brasileros anualmente um aumento de R$ 35,00.

    Eu tinha certeza de que essa bomba relógio iria estourar no colo da Dilma, pois o PT , PMDB PSB, PTB e o PR foram de uma irresponsabilidade nunca visto na HISTÓRIA POLÍTICA DO BRASIL, nem na Ditadura de Médice e Figueiredo seriam capazes de fazerem uma coisa desta.

    Um Vereador ganhar igual ao Prefeito, um Prefeito mais que o Governador e Presidente, Deputado Estadual ganhar igual ao Governador,um Deputado Federal ganhar igual ao Presidente da República e igual a um Juíz do Supremo Tribunal Federal, para mim, foi uma palhaçada e o maior assalto a mão armada com uma caneta de tinta vermelha contra o trabalhador brasileiro.

    Este foi o golpe dado nas oposições brasileiras pois eles disseram para os líderes , " a melhor forma de se calar a oposição é dar um mensalinho para todos e daí reinaremos por mais 20 anos este país".

    Todos os Deputados Estaduais e Federais, Governadores e Presidente da República, Prefeitos, Chefes, Juízes, estão todos calados, pois estão vivendo num mundo das maravilhas com o bolso cheio de notas novinhas em folha.

    Palavra de um mestre indignado.

    ResponderExcluir
  14. No campo da educação não vamos chegar a lugar nenhum. A coisa é tão grave que o Lula se vangloriava por não ter diploma universitário e a galera doentia achava sua declaração o máximo. poooode!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  15. SE TODOS OS PROFESSORES SE UNISSEM E FIZESSEM UMA PARADA GERAL , NO BRASIL INTEIRO, COM CERTEZA A COISA MUDARIA!

    ResponderExcluir
  16. Roberto, a professora Amanda está achando difícil sobreviver com R$ 930,00 , imagine em CAETÉS que os professores contratados tem que se virarem com R$ 150,00 , viva ZE DA LUZ que no dia 10 de maio teve mais uma conta rejeitada pelo tribunal de contas, que vai a votação na câmara de vereadores nos próximos dias mais com certeza será aprovada graças ao dinheiro sujo que ele deu aos vereadores GILVAN DE JOTA E CLAUDIVAM

    ResponderExcluir
  17. SÓ PARA NÃO CORRERMOS O RISCO DE COMETERMOS GAFES FALANDO DA PROFESSORA, O TAL CUSCUZ AO QUAL AMANDA GURGEL FAZ A CITAÇÃO É "CUSCUZ ALEGADO" E NÃO "ALAGADO" COMO FOI DIGITADO NA MATÉRIA. FAZ REFERÊNCIA A UM CUSCUZ QUE A PROMOTORIA PÚBLICA DO RN "ALEGA" QUE OS PROFESSORES NÃO PODEM COMER, POIS FAZ PARTE DA MERENDA DOS ALUNOS E A PROFESSORA FEZ REFERÊNCIA A ISSO "ALEGANDO" QUE O SALÁRIO DO PROFESSOR NÃO É SUFICIENTE PARA SE ALIMENTAR FORA DE CASA, DURANTE TODO O DIA, POR ISSO HISTORICAMENTE FAZEM USO DESSA MERENDA.

    ResponderExcluir
  18. EDUCAÇÃO!DISCURSO DE MUITOS,PRIORIDADES DE POUCOS.

    Essa postagem do caro Roberto Almeida foi ao meu ver uma das mais importantes deste ano.
    Esse vídeo graças a tecnologia boa e barata chamada INTERNET está se espalhando em tempo recorde.

    de norte a sul do país hoje vemos muitos debates e seminários sobre essa breve e contudente denuncia dessa professora do RN.Ela estava na casa dos lobos e raposas desse país e os enfrentou com garra;coragem e determinação.
    Se não for concursada,só DEUS sabe o que vai acontecer à ela.Embora também imaginamos a perseguição e humilhação que a ilustre professora irá sentir na pele,creio que pelo que demonstrou ela não se apequenará.

    Belos comentários foram escritos nessa postagem,gostei muito de:Roberta Almeida;ProfºFlávio Lopes;a bela Natália Maria costa e do Mestre indignado(pena que seu discurso sobre o aumento salarial dos três poderes já não fazerem efeito).
    Vi discursos fora do contexto,como esses atacando o LULA eo PT,pois a professora em momento algum mostrou-se partidarizada,veio escancarar as mazelas educacionais desde José sarney à Dilma.E essa Ana Carla que já desistiu da profissão de professor,ora Ana Carla essa profissão é praticamente um dom querida,tem que ter amor e isso você em poucas palavras nos mostrou que não tem e que não é sua praia.

    Países como os tigres asiáticos (Coréia do Sul;Cingapura;Taiwan;até Indonésia) dentre outros mudaram sua história radicalmente pela EDUCAÇÃO.Olhem as grandes potências européias,vejam o exemplo norte-americano,TODOS SEM EXCEÇÃO,miraram suas forças e armas à favor da EDUCAÇÃO.

    Na gestão do anlfabeto LULA(como perjorativamente muitos o chamam) tivemos avanços sólidos,GARANHUNS é um exemplo vivo da política de LULA sobre aumentar o CAMPUS universitário e levá-lo ao interior do país.Mas o descaso foi grande durante nossa pequena história como país e como nação.Mas esperamos dias melhores e não desistiremos.

    Espero que a "EDUCAÇÃO SEJA PRIORIDADE DE MUITOS E DISCURSO DE POUCOS".
    Einstein,recife/PE

    ResponderExcluir
  19. Grande Roberto Almeida, te parabenizo pela belissima reportagem, que isso sirva de exemplo para os que pensam em votar em Zé da luz para prefeito da nossa querida Garanhuns,olhem para a cidade de Caétes e vejam como ele deixou a educação a saúde, vale reflexão.

    ResponderExcluir
  20. E o Eistein trata o administrador desse blog de meu Caro Roberto Almeida. Pense, na intimidade!

    ResponderExcluir
  21. NAS FUÇAS DO PT24 de maio de 2011 13:22

    O que mete medo é povo nas ruas, contribuintes exigindo direitos e cobrando decência e seriedade.

    ResponderExcluir
  22. valeu amanda ja que suas companheiras de profição não tiveram a coragem que vç teve falem por elas que são umas covardes e ficam sofrendo caladas.é isso

    ResponderExcluir
  23. parabéns Roberto pela reportagem 'ha se todos os professores pensa-se assim".querida colega de profissão( Verlande) a professora Amanda so veio a confirmar o que relatei da escola pública em nosso Brasil.uma das razão q tem certesa q seus filho n futuro iram estuda em escola particula?

    ResponderExcluir
  24. "Pena que seu discurso sobre o aumento salarial dos três poderes já não fazem efeito"Einstein,recife/PE.

    Meu Caro Einstein, só faz lembrar do grande mestre da Física e da Matemática,Elbert Einstein, o grande.

    A sua frase acima me chamou muito atenção.Quando aquela Professora fez aquele discurso corajoso, ela estava diante dos Representantes dos Três Poderes da Nação Brasileira: poder Legislativo, Pode Executivo e Poder Judiciário.

    Meu Caro, Einstein, existe as causas e os efeitos.

    A causa maior que levou essa Professorinha, no tamanho, porém grande na ato e nas ações, foi justamente, por que todo e qualquer Professor deste País sabe muito bem do desafio que nós estamos enfrentando em sala de aula com uma qualidade de ensino ainda da época dos meus 35 anos atrás quando tinha 17 anos de vida.

    Meu Caro, Einstein, você afirma que, "já não faz efeito". Fez, faz e fará.O efeito cascata do aumento que os nossos Deputados proporcionaram no final da legislatura, isto é, em causa própria, causou um estrago tremendo e aloprante nas contas públicas do País.

    Na minha cidade, o Prefeito está apenas administrando o pagamento dos servidores públicos municipais e mantendo o essencial na máquina pública.

    O efeito cascata do aumento dos Três Poderes, Executivo, Judiciário e Legislativo de 61,83% ocasionou uma escalada inflacionária quando tudo aumentou rapidamente e os trabalhadores estão todos reivindicando aumentos, os quais, variam entre 4%, 5% e 6,86%, o que é pouquíssimo em relação ao aumento das celebridades brasileiras.

    Meu Caro, Einstein, eu tenho pago um preço muito grande por combater publicamente durante os meus 35 anos de vida pública a "praga do voto comprado neste País".

    Você que tem lido o bastante, sabe que todas as contas que são pagas lá em Caetés e lá em Garanhunhs, Lagoa do Ouro, São João, Bom Conselho saem do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

    Meu Caro, Einstein, se você não sabe, eu acompanhei os meus colegas Professores passarem 5 anos recebendo R$ 48,00 reais em 1994 e somente tiveram aumento em 1999 quando passaram a receber R$ 210,00 com a FUNDEF.

    Ainda, hoje, tem servidores municipais que estão com 8 anos sem ter um aumento sequer de salário.

    Meu Caro, Einstein, eu votei e acoompanhei todos os governos que passaram por este País de 1970 até hoje.

    Sou altamente conhecedor das ações implementadas por todos e quais projetos foram mais benéficos para o País.

    Porém, estou ainda indignado por ter tomado a decisão de votar pela primeira vez numa mulher para governar este País, depois de ler um Artigo do Professor, Luiz Delgado, sobre os efeitos da reeleição,para tomar decisões importantes e que seja diferente da administração de Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Henrique Cardoso.

    Todavia,quando vi 280 Deputados Federais igualar seus salários ao Prefeito,ao Governador, ao Presidente da República e ao Juíz do Supremo Tribunal Federal, eu fiquei totalmente indignado com a palhaçada que fizerem com a DILMA VANE ROUSSEFF e com os descamisados e famintos deste Brasil.

    Para finalizar, por hoje, imagine eu e você sendo Prefeito de uma cidade pequena e de uma hora para outra os vereadores resolvem dar um aumento de 61,83% enquanto tem servidores que estão com os seus salários há 8 anos sem ter nenhum aumento? Imagine você e eu ver um jovem estudante passar 10 anos como eu passei estudando em Recife e retornar a minha terra para ensinar química e matemática e ganhar um salário de R$ 830,00? Qual o padrão de vida que podemos ter?

    Enquanto um semi-analfabeto, que não sabe ler e escrever nada, não sabe o que é um ponto , uma vírgula e dois pontos e muitos uma interrogação, um ofício, um requerimento, um projeto, fiscalizar a administração municipal, ganhar mensalmente R$ 5.000,00 ?

    Estes, meu caro , EINSTEIN, são os efeitos do aumento dos três poderes da NOSSA PÁTRIA, BRASIL!!!!!!

    Palavra de um mestre indignado.

    ResponderExcluir
  25. Itamar Casuarina25 de maio de 2011 07:43

    Muito bem intecionada essa professora, pena que ela não conheça Caetés. Se ela fosse ciente da situação da terra de Lula, e comparasse com a dela, tudo que ela falou do RN, seriam elogios. Aqui em Caetés, tem mais de dez anos que não tem concurso público, os contratados para suprir essas vagas recebem salários de até R$ 150,00, que muitas vezes é pago a cada dois, três meses, erenda é uma piada, pois muitas vezes, só tem bolacha com kisuco. Tem escolas grandes, com mais de duzentos alunos, que a merenda é entregue numa moto, por aí se imagina a "grande" quantidade de merenda. Material didático, é coisa rara, e os professores têm que fazer acrobacias para dar aulas. Venham à Caetés, pra ver que "coisa linda" é aqui, não só na educação, ma em todos os setores. Venham conhecer a terra de Lula, e curral dos Sampaios.

    ResponderExcluir
  26. Tá dificil suportar esse palavra de um mestre indignado e o tal do Einstein.

    ResponderExcluir
  27. Pelo menos o mestre indignado e o eisntein tentam falar sobre o assunto ora postado por roberto almeida,enquanto o restante não tem opinião e somente sabem atacar esse ou aquele.
    Priscilla Santos/Jucati

    ResponderExcluir
  28. Chupa essa manga Itamar bobão casseooutro.
    Cheila melo/caetés

    ResponderExcluir
  29. Palavras são palavras.Escrever é importante em todas as situações da vida.Descrever o pensamento transformando em ideias claras e objetivas ajuda o blogueiro a pensar um pouco.

    Atacar o sistema sim, atacar o administrador também,entretanto, sem agridir a pessoa humana com palavras que machuca e dói o coração humano, convenhamos não devo fazer.

    Atacar os erros dos administradores brasileiros deve ser uma atitude corajosa de todo e qualquer cidadão.

    Por isso tenho durante toda a minha vida o cuidado de criticar com muita consistência, fundamentado em fatos concretos e reais.

    A Químca e a Matemática me proporcionaram a felicidade de pensar diferente de muitos animais políticos deste país.

    O homem público tem o dever e a obrigação de prestar contas de seus atos por que estão governando a coisa pública e que pertence a todos nós, pois pagamos impostos caros e absurdos.

    Todas as formas de mordomias no serviço público tem que ser combatida e o Poder Judiciário tem o dever cívico de contribuir para chamar a responsabilidade dos que andam praticando o mal e fazendo do órgão público sua propriedade particular.

    O homem público não pode e não deve desmoralizar suas atitudes e criticando os outros sem olhar para o seu passado de erros e acertos.

    Parabéns, AMANDA GURGEL, suas palavras foram sábias e competentes.

    Palavra de um mestre indignado.

    ResponderExcluir
  30. Só em Dudu não esculhabar o adversário, já mostra a diferença dele para Nenen.E outra coisa: Essa zuada toda de Nenen, é desespero pelo monte de processos, e se lembrando do "leite da vaquinha", que quem toma agora é Dudu.

    ResponderExcluir