terça-feira, 30 de novembro de 2010

AMUPE PROMOVE ENCONTRO DE PREFEITOS

Recife não está dentre as cidades que detêm a riqueza do país

A Associação Municipalista de Pernambuco, AMUPE, promoveu um seminário, neste terça-feira,  em Lajedo, para discutir assuntos de interesse das cidades pernambucanas. Estiveram presentes os prefeitos Antônio João Dourado, anfitrião do encontro e presidente da entidade da classe; Eudson Catão, presidente da CODEAM e prefeito de Palmeirina; Sandoval Cadengue (Brejão), José Ailton (Jurema), além de secretários de Desenvolvimento Econômico, de Governo e de Turismo da maioria dos municípios do Agreste, inclusive Garanhuns e Capoeiras. Três palestras foram feitas durante o seminário: O Desenvolvimento de Pernambuco, Reforma Administrativa e Gestão Ambiental. Laércio Queiroz, ex-prefeito de Bonito, o primeiro dos palestrantes, mostrou como o nosso Estado passa por um bom momento, tendo atualmente um crescimento superior ao de qualquer outra unidade da Federação. Ele revelou também um dado preocupante: apenas sete cidades brasileiras concentram 25% do PIB nacional, que é o conjunto de todas as riquezas produzidas no país. Isso mostra a grande concentração de renda que existe, provocando profundas desigualdades sociais. As três principais capitais nordestinas: Recife, Fortaleza e Salvador (esta última com a terceira população do Brasil segundo o último Censo), não estão entre essas sete cidades privilegiadas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário