quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

GOVERNO OBRIGADO A CUIDAR MELHOR DOS MENORES EM GARANHUNS


Uma liminar concedida em favor do Ministério Público de Pernambuco vai obrigar o Governo do Estado e a Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase - antiga Fundac) a construir em Garanhuns, no prazo de 12 meses, quatro novas unidades para atendimento de adolescentes em conflito com a Lei. São elas o Centro de Internação Provisória (Cenip) para 30 adolescentes, dois Centros de Atendimento Socioeducativo (Cases) com total de 60 vagas e uma Casa de Semiliberdade (Casem) para 20 internos. Em caso de descumprimento, a Justiça determinou o pagamento de uma multa diária de R$ 1 mil em favor do Fundo Municipal da Criança e do Adolescentes. possível realizar reformas. Outros pontos preocupantes, são a ociosidade dos adolescentes e a ausência de uma proposta pedagógica nas unidades. Um dos problemas verificados especificamente em Garanhuns, por exemplo, é que os internos ficam trancados a maior parte do tempo e têm direito a apenas uma hora de banho de sol, em dias alternados. (Fonte: Portal da TV Asa Branca).

Um comentário:

  1. Esta enquete nos deixou sem opções.
    Lance outros nomes...

    ResponderExcluir