sábado, 23 de janeiro de 2010

ENQUETE ASSANHA AS MULHERES


A enquete que estamos fazendo neste blog, sobre uma hipotética participação das mulheres na política de Garanhuns, literalmente assanhou as integrantes da brigada feminina. O levantamento deve superar a marca anterior de 305 votos e o número de comentários já é o maior feito até hoje. Algumas (pode ser alguns também) estão saindo da linha e, como observa um leitor (a) atento, começaram a baixar o nível. Há espaço até para preconceitos: se alguém quer desqualificar a liderança até o momento da professora Maria Almeida (ainda há tempo para uma mudança do quadro esboçado), não devia partir para o preconceito. Ela entrou na relação porque tem méritos, pois administrando uma pequena escola de subúrbio conseguiu transformá-la num grande colegio respeitado em todo Garanhuns. Tem cursos de graduação na Unidade de Pernambuco e pós-graduação na área de psicanálise. Se tem dificuldade na pronúncia de algumas palavras, certamente não é por ignorância, este é um problema de outra ordem que pode ser explicado por fonoaudiólogos. Além disso, o presidente da República ainda hoje pronuncia menas, e nem por isso deixa de ser o Lula que tantos admiram no Brasil e exterior.
A enquete das mulheres foi uma sugestão de um internauta, que defende inclusive o nome da professora Eliane Simões Vilar como um nome capaz de se candidatar a um cargo público e administrar bem a nossa Garanhuns. Concordo em gênero, número e grau pois todos sabem do trabalho extraordinário feito por esta profissional na FAGA, FDG e demais cursos que compõe esta verdadeira cidade mantida pela AESGA. Eu, se votasse nas enquetes que promovo, ficaria dividido entre a comadre e conterrânea Maria Almeida e a competente, inteligente e finesse de mulher chamada Eliane Simões Vilar.
Temos ainda essa figura extraordinária, carismática e cativante de Rosa Quidute, ex-primeira dama e atual ouvidora do município. Esposa de Dr. Bartolomeu, sempre teve seu nome lembrado para uma disputa eleitoral e pela primeira vez seu nome é colocado numa enquete desse tipo. Merece igualmente a confiança do povo de Garanhuns para disputar qualquer cargo eletivo no município.
Quanto a Aurora Cristina, dispensa comentários: foi primeira dama e secretária de assistência social atuante, uma revelação como deputada estadual (a sua ausência na Assembleia Legislativa está fazendo falta ao município) e evoluiu muito politicamente ao longo do tempo. Eu estou espantado porque não está tendo uma grande votação na enquete, mesmo que ela e seu esposo Silvino não tenham feito qualquer mobilização para arregimentar "eleitores". Na minha opinião, espontaneamente, Aurora merecia e merece muito mais do povo de Garanhuns.
Enfim, Emília Calado Valença, esposa do empresário e ex-vereador Givaldo Calado. Pelo que eu sei administra bem, junto com seu esposo, os empreendimentos da família. Já foi candidata a deputada, vereadora e vice-prefeita, com votações sempre respeitáveis. Se não chegou lá foi muito mais pela conjuntura e talvez por não conseguir um leque de apoios maior, pois o êxito em política na maioria das vezes depende mais de um grupo amplo e coeso do que dos valores individuais. Mas não tenho dúvida de que Emília merece respeito como política e seria uma excelente gestora.
Quanto as queixas pela ausência da ex-vereadora Sônia Moreno na relação eu diria que são justas, principalmente por parte dos defensores e defensoras do seu nome. Foi vereadora em mais de um mandato, teve uma grande votação no último pleito que disputou e reúne condições de fazer política e exercer um mandato. Não conheço sua capacidade de administrar, mas isso não é nada, uma vez que o Lula antes de ser presidente só tinha governado um sindicato de metalúrgicos. Infelizmente, a gente não lembra de todo mundo na hora e além da ausência de Sônia poderíamos citar também Margarida Cardoso e Alzira do Hospital. Ambas foram vereadoras, têm militância política e merecem figurar numa enquete dessa natureza. Talvez eu tenha sido meio elitista na escolha dos nomes e peço perdão aos garanhuenses por essa falha. Mas vamos estar conscientes de que se trata apenas de uma enquete e não de uma pesquisa científica ou de uma eleição verdadeira, valendo a cadeira no Palácio Celso Galvão. Mais na frente teremos oportunidade de prestigiar todos que vestem a camisa de Garanhuns e desejam fazer alguma coisa pela cidade. Um grande abraço aos que prestigiam ao blog e obrigado pela participação intensa desses últimos dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário