ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

sábado, 10 de outubro de 2009

BENITO E JOANA

Após o bom início de ontem à noite, prossegue hoje a segunda edição do Festival da Jovem Guarda. Três grandes atrações, que estiveram no auge nos anos 70 e 80, sobem ao palco para causar frisson nos jovens e nos saudositas: o grupo Os Pholhas, Benito de Paula e a cantora Joana. Na verdade nenhum dos três teve nada a ver com o movimento liderado por Roberto Carlos na década de 70. Pholhas é um grupo brasileiro que só gravava em inglês, tirando um som mais romântico do que pop; Benito mais ou menos na mesma época começou a fazer sucessos com sambas abolerados que irritiram os autênticos sambistas do Rio de Janeiro (a música "Argumento", de Paulinho da Viola, foi composta para criticar a descaracterização do samba por Benito de Paula); e Joana já iniciou a carreira, nos anos 70, com um repertório romântico. Ela agradou em cheio com uma versão de "Seu Corpo", da dupla Roberto e Erasmo, que neste tempo já estavam longe do movimento do iê-iê-iê da década passada. Isso, no entanto, não tem nada a ver e Pholhas, Benito e Joana podem ser "curtidos" numa boa e serão capazes de animar a noite de Garanhuns, neste sábado.

Um comentário:

  1. Eh saudade dessa terra maravilhosa.
    Com certeza a Joana vai arrebentar,pois ela canta demais...
    Garanhuns te amo.....

    ResponderExcluir