SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO

A QUESTÃO DO "OSCAR" PARA O BRASIL

Fernanda Beatriz fez o seguinte comentário sobre a nota sobre a luta do cinema brasileiro por um “Oscar”:

agora eu que digo: o que é isso companheiro!

um dia chegaremos lá...

o nosso cinema tem qualidade, claro que não conta com todos os recursos que o cinema americano tem mas mesmo assim temos muitos filmes bem produzidos, que precisam de mais incentivo.
Não sei se é porque eu gosto muito do cinema brasileiro, mas eu acho que os nossos roteiristas são os melhores!


NOTA DO BLOG: Concordo inteiramente com você, Fernanda! O Brasil dispõe de poucos recursos para cinema, em relação aos americanos e europeus, mas mesmo assim tem produzido boas coisas aos longo do tempo. Avançamos na década de 60, quando chegamos a ganhar a Palma de Ouro em Cannes, como citei. Nos anos 70 e 80, apesar da ditadura, não fomos de todo mal. Nos anos 90 sofremos um abalo grande, com o tsunami chamado Fernando Collor. Retomamos o caminho na era FHC e as coisas melhoraram mais ainda na gestão de Lula. Temos produzidos ótimas coisas, como "O Quatrilho", "Central do Brasil", "O que é isso companheiro", "Abril Despedaçado", "Cidade de Deus", "Deus é Brasileiro", "Tropa de Elite", "O Homem que Copiava e muitos outros. Cinema como diversão, dramas densos, produções com arte e bom gosto. Acredito que ainda vamos ser respeitados também nesse área. O Oscar é uma questão de status e de tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário