SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

sábado, 15 de agosto de 2009

PROCON NA AESGA

O Procon já foi instalado uma vez em Garanhuns e depois foi embora, porque a prefeitura não bancou as despesas com as instalações. Agora, com Luiz Carlos de Oliveira, o órgão de defesa do consumidor está de volta e desta feita irá funcionar na AESGA, na Avenida Caruaru, com apoio dos estudantes do Curso de Direito. O Secretário de Direitos Humanos, Aguinaldo Barros, faz uma declaração muito estranha a respeito da vinda do Procon: "O trabalho não vai ser feito confrontando as classes econômicas...". Ora, o órgão estatal foi criado para defender o consumidor e não para atuar como instrumento de conciliação. Quando isto é possível, tudo bem. Mas quando o empresário está errado, abusando da clientela, lesando o freguês, tem de ser punido, por isso será preciso às vezes confrontar. Ou o Procon não é sério? A declaração foi infeliz, coisa de homem público frouxo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário