SIVALDO ELOGIA MOVIMENTOS PELA DEMOCRACIA



Os movimentos em defesa pela democracia, que estão crescendo em todo o Brasil, foram elogiados hoje pelo deputado estadual Sivaldo Albino, líder do PSB na Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Parlamentar acredita que essa onda vai aumentar ainda mais, por conta do anseio do povo brasileiro pela democracia. “Os setores mais conscientes sabem a importância da liberdade, do respeito à Constituição e ao estado de direito, assim como o valor de uma imprensa livre e a independência dos poderes Legislativo e Judiciário. Acredito até que a eleição municipal deste ano poderá ser pautada por essa novidade, esse sentimento de mudança que irá se espalhar pelo país”, comentou Sivaldo.

Deputado salienta que as manifestações são importantes e defende que qualquer movimento seja feito de maneira pacífica, dentro da ordem e do respeito. 

Luizinho Roldão, correligionário do deputado no PSB, também aplaudiu as manifestações democráticas e destacou a importância da união de torcidas organizadas, em diferentes cidades, em defesa do mesmo ideal de liberdade e paz social. “Acho que logo teremos aqui em Pernambuco torcedores do Santa Cruz, Náutico e Sport repetindo o que fizeram os paulistas e se manifestando a favor de democracia”, frisou o socialista.

Em 2018, Sivaldo votou em Fernando Haddad para presidente da República e em diversos comício nos bairros de Garanhuns falou no nome do candidato progressista. O governador Paulo Câmara também se empenhou na campanha do petista.

Já o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB), ao lado do seu vice, Haroldo Vicente, percorreu as ruas da cidade pedindo voto para Jair Bolsonaro.

Haddad teve 49.373 votos em Garanhuns, contra 18.995 de Bolsonaro. O percentual do petista foi de 72,2% e do representante do PSL (hoje sem partido) de 27,78%. 

Tanto o ex-presidente Lula quanto o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, se posicionam ao lado das forças democráticas. Já o presidente Bolsonaro, tem participado de atos antidemocráticos, em que militantes exaltados pedem o fechamento do Congresso e do STF. Essa postura tem sido criticado mesmo pela imprensa conservadora, incluindo a Globo, Rede Bandeirantes, Folha de São Paulo e Estadão.  

Um comentário:

  1. PAULO CAMELO: Convém lembrar que Sivaldo participou em Garanhuns, das manifestações, promovidas pela Direita, pela cassação da presidente Dilma e pela condenação do ex-presidente Lula.

    ResponderExcluir