Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quinta-feira, 13 de julho de 2017

LAJEDO REALIZA CONFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Pela 9ª vez a Prefeitura de Lajedo promoveu através da Secretaria Municipal de Assistência Social um debate público com esferas como governo, eixos, serviços, poder legislativo e sociedade. A IX Conferência Municipal da Assistência Social foi realizada nesta quarta (12) no CCI com a presença do prefeito Rossine que destacou a importância da participação e informação da população para conscientizar e mudar a realidade.

O prefeito do município abriu a Conferência alertando a população presente sobre a Reforma Trabalhista e sobre a participação da comunidade através da informação. “Vamos cada um de nós melhorar como trabalhamos pelo povo”, frisou o prefeito Rossine Blésmany. Nesse prisma, a Conferência é garantidora de direitos promovendo a Assistência Social como uma política pública e desenvolve propostas a serem cumpridas nos próximos 10 anos.

As conferências têm o desafio de dar visibilidade para contribuir com o Brasil e trazer os usuários para o centro do debate. Assim foram votadas propostas que deverão ser levadas para a Conferência Estadual e por fim a Nacional. Todas as propostas são relacionadas aos 4 eixos: 1- A proteção social não contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais; 2- Gestão democrática e controle social; 3 – Acesso às seguranças socioassistenciais e a circulação entre os serviços, benefícios e transferências de renda como garantias de direitos; 4 – A legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e envolvimento dos entes federativos.

A secretária de assistência Marconeide Cordeiro resumiu seu compromisso com a pasta dizendo: “sou apaixonada pela educação e amo a assistência”, justificando o empenho de transformar a assistência em Lajedo que antes não era exclusiva para o povo, segundo Marcos Viana, representante da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Lajedo). Dessa forma, essa política elege usuários a discutir e manejar a realidade, os direitos e a demanda de acesso.

A 9ª Conferência funciona com as ações que já existem no município e que devem ser aprimoradas ou criadas para alinhar a política nacional, estadual e municipal. “Não podemos parar só com o que já temos. Precisamos lutar para fazer mais”, enfatizou Marconeide.

Entre as propostas aprovadas estão também a inclusão de usuários LGBT em fóruns de discussão, conquistando direitos condizentes com a realidade, fortalecer as estratégias do BPC nas escolas, fortalecer a erradicação do trabalho infantil e até para um futuro próximo criar um centro de apoio para dependentes de substâncias psicoativas. (Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Lajedo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário