Garanhuns

Garanhuns
Fique em dia com Garanhuns

GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

sexta-feira, 5 de maio de 2017

ALIADOS DE TEMER QUEREM CANCELAR A ELEIÇÃO DE 2018

Por Junior Almeida

Golpistas têm medo do povo, de eleições e de democracia como o diabo tem medo da cruz. Com alguns políticos e setores da sociedade parece que esse medo é ainda pior, principalmente quando o potencial candidato que vão enfrentar é o ex-presidente Lula, que é diuturnamente atacado na mídia familiar do país.

Mas mesmo sendo vítima de constante perseguição jurídica, o chamado lawfare, Lula aparece sempre liderando todas as pesquisas de intenção de votos, o que faz todos os seus adversários ficarem desnorteados, buscando meios para impedir seu crescimento.

Com o governo do micro presidente Michel Temer mostrando a que veio, com seus pacotes de maldades, como por exemplo, o fim dos direitos trabalhistas, e até o a intenção de revogação da Lei Áurea, os seus aliados não querem correr o risco de deixar de entregar o país ao capital especulativo, e por isso já estudam uma maneira de promover o golpe dentro do golpe, com a sórdida manobra de cancelar as eleições do ano que vem.

A virada de mesa eleitoral é uma das soluções que alguns políticos encontraram para impedir que Lula volte ao Planalto, já que o cacete diário da mídia aliada não está fazendo efeito e a prisão do petista, que levaria o seu impedimento na disputa, ainda não foi concretizado. Rodrigo Maia, do Democratas do Rio de Janeiro, que é investigado por lavagem de dinheiro e corrupção, mandou instalar, na tarde desta quinta-feira (4), uma comissão especial para analisar uma proposta de emenda constitucional, PEC, apresentada pelo deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), que estabelece a simultaneidade nas eleições para todos os cargos majoritários, o que significa a anulação das eleições presidenciais de 2018.


Pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada no último domingo (30 de abril) mostrou Lula lidera em todos os cenários, com 29% a 31% das intenções de voto, e que 85% dos brasileiros querem a saída imediata de Michel Temer e a convocação de diretas-já, o que explica em tese a manobra desesperada dos aliados de Temer, para mais uma vez manchar a história da nossa jovem democracia. 

*Fotos: Michel Temer e Rodrigo Maia; ato da Presidência da Câmara que tenta mudas as regras da disputa eleitoral. 

Um comentário:

  1. ENQUANTO O MORDOMO DE VAMPIRO CONTINUA IMPOPULAR (DEUS QUEIRA QUE CHEGUE EM 100% DE REJEIÇÃO!!!), AS REFORMAS PRIMORDIAIS PARA O PAÍS SAIR DESSE LAMA EM QUE SE ENCONTRA HÁ 13 ANOS DEVIDO A LADROAGEM DO PT CONTINUAM AVANÇANDO E A TODO VAPOR(PRINCIPALMENTE A TRABALHISTA), ENTÃO ATENTEM PARA O SEGUINTE: Os petralhas, por serem analfabetos de nascença(muitos se fazem ou só veem o que lhes interessa), Feito a Mãe do Lula, que segundo ele sua mãe já nasceu analfabeta... É preciso afirmar ao brasileiro em geral, excetuando-se a putada petralha que, TRANQUILIZEM-SE, o fim da CLT só traz benefícios ao trabalhador competente e que tem coragem de trabalhar. Agora, os coçadores de saco estão PHUDIDOS!!! A Lei que já se encontra com o queridinho do PT que é o Renan, que ameaçou não aprovar, mesmo que o texto venha a receber emendas ou supressões no Senado, ele volta para a Câmara, e a maioria dos deputados pode simplesmente ignorar as alterações feitas e resgatar o texto aprovado. SE VOCÊ NÃO PERTENCER A FACÇÃO DA PUTADA PETRALHA leia Abaixo, os principais pontos da reforma:

    1- ACORDO COLETIVO Na maioria dos itens das relações empregado-empregador, valem os acordos coletivos, não o que dispõe a famigerada e fascistoide CLT.

    2 - FÉRIAS As férias, hoje parceladas em até duas vezes, poderão ser divididas em três, desde que inclua um período de 14 dias e que o mínimo de uma das partes seja de 5 dias.

    3 - JORNADA FLEXÍVEL Ela pode ter até 12 horas desde que não ultrapasse as 48 semanais, incluindo horas extras, e as 220 mensais.

    4 - TRABALHO INTERMITENTE O trabalho intermitente passa a ser regulamentado; hoje, é praticado na informalidade em razão das exigências das CLT.

    5 - HOME OFFICE Regulamenta também o home office, o trabalho a distância, uma realidade do mercado de trabalho há muitos anos.

    6 - JORNADA PARCIAL A jornada parcial passa a ser de 30 horas sem hora extra e de 26 com ela. As férias teriam 30 dias.

    7 - DIREITOS DOS TERCEIRIZADOS Terceirizados terão os mesmos benefícios dos trabalhadores contratados; HOJE, NÃO É ASSIM.

    8 - MÉRITO Prêmios de incentivo, participação nos lucros e remuneração por produtividade terão de ser negociados em acordo coletivo.

    9 - DEMISSÃO NEGOCIADA Institui-se a demissão negociada: aviso prévio e multa seriam pagos pela metade, e o trabalhador sacaria 80% do fundo.

    10 - 12 POR 36: Legaliza o que já está em prática em várias profissões: jornadas de 12 horas de trabalho com 36 de descanso.

    11 - HORAS EXTRAS Horas extras passam a ter um limite: duas horas por dia. Mas um acordo pode mudar isso. A remuneração deve exceder A HORA NORMAL EM 50%, não em 20%, como é hoje.


    12 - QUARENTENA Tempo mínimo de 18 meses para que uma empresa possa contratar como terceirizado um funcionário que tenha sido demitido.

    P.S.: - SE VOCÊ É UMA PESSOA SENSATA, EQUILIBRADA, LEMBRE-SE: O LULA SEMPRE TRATOU A CLT COMO O “AI-5 DOS TRABALHADORES”... POR QUE AGORA ELES SÃO CONTRA?!?!?!

    ResponderExcluir