Governo Municipal

Governo Municipal
Juntos por uma Grande Cidade

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

JANOT MANDA INVESTIGAR JATINHO MATOU EDUARDO

Como mostrou a reportagem da UOL publicada neste blog, o ex-governador Eduardo Campos não para de receber homenagens em Pernambuco. A cada mês uma quadra, um campo de futebol, uma estrada ou uma escola recebe o nome do neto de Miguel Arraes, que morreu num acidente de avião, em Santos, no litoral paulista.

Apesar da tragédia e dos seus desdobramentos, inclusive eleitorais, está sempre aparecendo alguma coisa que envolve o nome do líder socialista em negócios nebulosos. Hoje o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, pediu a Polícia Federal que investigue o dono do jatinho usado na campanha política de Eduardo Campos, que causou a sua morte.

Reproduzimos texto do Blog de Jamildo, do Jornal do Commercio:

O Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, pediu a Polícia Federal, em um dos inquéritos da Operação Lava Jato, que investigue por agiotagem o empresário João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho, um dos três empresários pernambucanos que alegam ter comprado o jatinho usado na campanha presidencial  do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos. A revelação é do jornal O Estado de S. Paulo.

A suspeita é de que ele seja o dono da empresa Câmara e Vasconcelos, uma das que financiaram a compra do jatinho por R$ 1,7 milhão. O avião foi testado por Eduardo antes da sua aquisição. A Polícia Federal investiga se os empresários eram laranjas na compra da aeronave.

A Câmara e Vasconcelos aparece na lista de beneficiados no esquema de lavagem de dinheiro do doleiro Alberto Youssef. Ela teria recebido R$ 100 mil em janeiro de 2011.

Em delação, Youssef afirmou que o pagamento era referente a uma dívida da campanha de 2010 do senador Benedito de Lira (PP-AL).

“Seria (a Câmara & Vasconcelos) uma empresa de Pernambuco. Eu sei que era para um agiota que ele estava devendo dinheiro que ele havia pego para terminar a campanha. Ele me falou que esse agiota era de Recife”, disse o doleiro.

Janot decidiu pedir, então, o aprofundamento das investigações sobre a empresa e solicitou uma oitiva de João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho.

A procuradoria quer que ele esclareça as transferências mencionadas e a relação com os parlamentares e se a empresa era usada para agiotagem.

O PSB e a família Campos negam qualquer irregularidade no uso do jatinho. Lyra diz ter comprado o avião e locado para a campanha do PSB.

DISPUTA PELO CONSELHO TUTELAR SERÁ ACIRRADA

Quinze candidatos concorrem em Garanhuns a um dos cargos do Conselho Tutelar. A eleição, que promete ser das mais acirradas,  acontece no dia quatro de outubro e podem participar do processo os moradores da cidade, sítios ou distritos que têm domicilio eleitoral no município. Na oportunidade o cidadão (ou cidadã) deve apresentar o título e um documento de identificação com foto.

São cinco vagas para o Conselho e o mandato será ampliado de três para quatro anos, com trabalho remunerado. Os eleitos tomarão posse no dia 10 de janeiro de 2016.

O Conselho Tutelar é um órgão que visa garantir os direitos de crianças e adolescentes, procurando agilizar o atendimento prestado à população infanto-juvenil, criado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
Em cada município existe uma sede do Conselho, que atua com apoio da prefeitura e em parceria com a Polícia Militar, o Ministério Público e o Poder Judiciário.

Dentre as funções de um conselheiro estão: atender crianças e pais, aplicando medidas de proteção; encaminhar ao Ministério Público noticia ou fato que constitua infração administrativa ou penal; tomar providências para que sejam cumpridas medidas de proteção aplicadas pela justiça, entre outras.

Os 15 candidatos que disputam as cinco vagas em Garanhuns são os seguintes: Cida da Cohab II; Cintia Danielle; Eliane Silva; Elvécio Espinhara; Genoveva; Isabel Chalegra; Josicleide; Julia Patricia; Luciano da Funase; Manoel Moretson; Mário do conselho; Pr. Ricardo dos Anjos; Pr. Samuel Vitorino; Socorro Carvalho e Stoni Costa. 

EDUARDO CAMPOS RECEBE UMA HOMENAGEM POR MÊS

Desde a morte do ex-governador Eduardo Campos, há um ano, Pernambuco tem tido em média uma obra batizada com o nome dele a cada mês no Estado. Levantamento feito pela reportagem do UOL mostra que ao menos 14 receberam o nome dele desde sua morte, em um acidente aéreo em Santos (a 72 km de São Paulo), em agosto de 2014. Outras 15 obras podem ganhar em breve o nome do ex-presidenciável.

Pouco menos de duas semanas após a morte de Campos, deputados estaduais começaram a propor os primeiros projetos de lei para colocar o nome do ex-governador em obras e honrarias.

Dez propostas se tornaram leis estaduais desde agosto do ano passado. A primeira delas foi a do Complexo Turístico Portuário, que passou a incluir "Governador Eduardo Campos" no título. O conjunto é formado por Porto do Recife, Terminal de Passageiros, Museu Cais do Sertão e Centro de Artesanato de Pernambuco.

Também integram a lista trechos de estradas, escolas, uma adutora, um teleférico e até órgãos do governo, como a empresa de turismo e o instituto de gestão pública. Muitas das obras ainda nem foram inauguradas.

A iniciativa de homenagear o ex-líder do Executivo estadual não partiu apenas dos membros do Legislativo estadual. Vereadores de cidades pernambucanas também deram sua contribuição. No último ano, ao menos quatro obras foram inauguradas e nomeadas "Governador Eduardo Campos": uma praça, um ginásio de esportes, um conjunto habitacional e uma Academia da Cidade. 

Mais homenagens em breve

E a referência a Campos não para por aí. Outras 15 obras podem ser batizadas em breve. Ao menos quatro já estão em construção no Estado: um conjunto habitacional, um Compaz (Centro Comunitário da Paz), uma creche-escola e uma Upinha 24 horas, unidade voltada para o atendimento de crianças, todos no Grande Recife.

O futuro Instituto de Oncologia do Imip (Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira), no Recife, ainda nem tem previsão para começar a ser construído, mas a unidade deve receber o nome de Eduardo Campos.

Além disso, 11 projetos de lei estão em tramitação atualmente --cinco na Alepe (Assembleia Legislativa do Pernambuco), um na Câmara Municipal do Recife e quatro na Câmara Federal-- ; todos fazem referência ao ex-governador. No Legislativo estadual, as propostas envolvem uma escola técnica, uma adutora, um parque industrial e até o Polo Automotivo de Goiana (a 64 km da capital). Na Câmara do Recife, o projeto quer colocar o nome de Campos em uma importante via da capital. 

Na Câmara Federal, tramitam propostas para batizar a ferrovia Transnordestina --que ligará os portos de Pecém (CE) e Suape (PE) a Eliseu Martins (PI)-- , e um trecho BR-428, entre Petrolina (PE) e Cabrobó (PE). As duas matérias foram aprovadas pela Comissão de Viação e Transporte e precisam ainda passar pelas comissões de Cultura e Constituição, Justiça e Cidadania para seguir para o plenário.

Giberto Freyre x Eduardo Campos - Outros dois projetos que estão em andamento na Casa têm causado polêmica: ambos propõem mudanças no nome do aeroporto da capital pernambucana.

Um deles sugere a retirada do nome do atual homenageado, o escritor recifense Gilberto Freyre (1900-1987), autor de "Casa-Grande e Senzala", para a inclusão de "Governador Eduardo Campos". O outro recomenda que o local passe a se chamar "Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre e Governador Eduardo Campos".

As sugestões geraram críticas nas redes sociais. Um abaixo-assinado que circula na internet quer impedir que o nome de Campos seja incluído no do aeroporto. "É preciso dar um basta no uso dos bens públicos para beneficiar a imagem de um partido ou grupo político", diz o texto do documento virtual. Até a manhã desta segunda-feira (31), 13,3 mil pessoas tinham assinado a petição.

A proposta que sugere a substituição de nomes foi rejeitada pelos deputados da Comissão de Viação e Transportes, que votaram pela aprovação do projeto que pede a inclusão do nome do ex-governador. A matéria ainda precisa passar pelas comissões de Cultura, Constituição e Justiça e Cidadania para só então ser votada em plenário. (Fonte: Portal UOL).

INTERNAUTAS COMEMORAM DECISÃO DE IZAÍAS

Nos grupos de Garanhuns no Facebook muitos comemoraram a decisão do prefeito Izaías Régis (PTB) de suspender o projeto de estacionamento na Praça Mestre Dominguinhos. Pessoas conhecidas na cidade, como Betinho Cândido, Adriano Tenório e Oliveira Ana fizeram questão de elogiar a atitude do gestor em atender aos reclamos populares. Aliás, os três citados estavam dentre os que se opuseram desde o início à proposta da AMTT.

Do episódio ficam as lições: o povo é forte quando se manifesta de forma unida e não há nada melhor do que a democracia. Se tivéssemos dirigentes autoritários e um regime pelo menos semelhante a uma ditadura, iríamos ter de engolir o tal estacionamento.

Acredito que esse projeto agora é passado e vamos torcer para que surjam ideias boas, no sentido de levar Garanhuns pra frente, no rumo do desenvolvimento, mas preservando nossas praças e os bens culturais da cidade.

Manifestação de Adriano Tenório no Grupo 
"Amigos de Garanhuns no Facebook

MINISTÉRIO PÚBLICO INVESTIGA DIREITOS DE TRANSMISSÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO

O Ministério Público Federal vai investigar os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro pelas emissoras de televisão. O MP considera que o atual modelo de partilha, adotado pelos dirigentes do futebol e empresas de comunicação,  como a TV Globo,  é injusta com os times menores.

Há muito tempo que se devia ter feito alguma coisa contra essa situação, que perpetua a total injustiça no mundo do futebol. É um esquema safado que dá dinheiro a Globo, a CBF e a alguns grandes clubes, deixando os demais na condição de pedintes.

Só para o leitor ter uma ideia do critério mafioso, pelo modelo que é adotado, no próximo ano times como o Flamengo, o Vasco (atual lanterna do Campeonato Brasileiro), o São Paulo, o Corinthians e o Palmeiras receberão 170 milhões de reais por ano pela transmissão de seus jogos na televisão.

Em outra relação o Sport Recife, o Bahia, Vitória, Atlético do Paraná e Coritiba ficarão com apenas 35 milhões de reais. A diferença é escandalosa.

É por conta desses critérios, ditados pela Globo e CBF, que os times do Nordeste e outras regiões do país não conseguem competir em pé de igualdade com os queridinhos da cartolagem e dos escrotos da comunicação.


E essa nem é culpa do PT.

APARECEM IRREGULARIDADES NA CAMPANHA DE AÉCIO

A ministra Maria Thereza de Assis Moura, relatora do processo que examina a prestação de contas da campanha do senador Aécio Neves (PSDB-MG) à Presidência da República no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), solicitou ao tucano informações sobre 15 supostas irregularidades detectadas nos documentos entregues à corte.
Entre elas estão doações feitas pelas empreiteiras Odebrecht e Construbase que somam R$ 3,75 milhões. Em CPI, Youssef afirma que Aécio Neves foi beneficiário de propina em Furnas
"O comitê financeiro nacional para presidente da República do PSDB registrou em sua prestação de contas o recebimento de doação de R$ 2 milhões, efetuada pelo candidato, no entanto, não há o registro da transferência na prestação de contas", afirma o relatório técnico da Justiça Eleitoral.
O TSE aponta também uma diferença entre o valor declarado pela campanha e o montante efetivamente doado pela construtora Construbase. O candidato tucano recebeu R$ 1,75 milhão, mas declarou R$ 500 mil.
Infrações
Além disso, de acordo com o tribunal, a campanha tucana deixou de declarar R$ 3,9 milhões em doações estimáveis (na forma de serviços prestados) que só foram contabilizadas na prestação de contas retificadora.
Das 15 irregularidades detectadas pelo tribunal, pelo menos três foram consideradas infrações graves. Elas dizem respeito a doações recebidas antes das prestações de contas parciais e que só foram registradas nas prestações finais, somando mais de R$ 6 milhões.

Tanto no caso dos R$ 3,9 milhões declarados apenas na prestação retificadora quanto no das três infrações graves, o tribunal quer saber por que a campanha de Aécio não contabilizou a entrada das receitas nos prazos estipulados pela legislação eleitoral. (Do Blog de Magno Martins).

ESCOLA DE LAJEDO PROMOVE EXPOSIÇÃO SOBRE TERROR NAZISTA

A Escola Municipal José Ferreira dos Prazeres, de Lajedo, está fazendo um trabalho muito interessante na área de História. Pelo quarto ano consecutivo os alunos do 8º e 9º ano realizam uma exposição intitulada “Terror de Hitler”. Uma boa oportunidade de mostrar aos jovens o mal que o ditador alemão causou a humanidade, provocando feridas que mais de 70 anos depois ainda não cicatrizaram totalmente.

A dimensão do trabalho do educandário de Lajedo é tal que estudantes de escolas das cidades vizinhas estão visitando a exposição durante toda semana. Apenas na última sexta-feira pela manhã foram mais de 500 visitantes.


A Exposição Nazista Gestapo, Secreta e Mortal é orientada e realizada pelo professor de História, Moura Clebersson. Todas as escolas do município estão comparecendo para participar e assistir as interpretações. Já estiveram na Escola José Ferreira, para conferir o horror nazista, estudantes de Calçado, Canhotinho, Jupi e Cachoeirinha. 

domingo, 30 de agosto de 2015

CAMINHONEIRO É FLAGRADO EM GARANHUNS COM MEDICAMENTO PROIBIDO

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou, na noite da última sexta-feira (28), um caminhoneiro transportando uma cartela do medicamento Nobésio Forte, um tipo de “rebite” utilizado para reduzir o sono em longas viagens. A ação foi realizada no km 92 da BR 423, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.

Os policiais abordaram um caminhão que vinha de Teixeira de Freitas, na Bahia, e verificaram através do disco do tacógrafo que o motorista estava dirigindo há várias horas seguidas, sem interrupção. Diante da constatação da irregularidade, foram realizadas buscas na cabine do veículo e localizados cinco comprimidos do medicamento, uma anfetamina proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).


O condutor, de 27 anos, e os medicamentos foram encaminhados à delegacia de polícia judiciária da região. Ele deverá responder pelo porte de substância proibida, tipificado no artigo 28 da Lei 11343/2006. (Da Assessoria de Imprensa da Polícia Rodoviária Federal).

DEBORAH SECCO ESTÁ UMA GRAÇA DE BARRIGUINHA

Aos 35 anos a atriz Deborah Secco está na sua primeira gestação. Terá uma filha, que se chamará Maria Flor. A artista está entusiasmada, principalmente porque o bebê já mexe na barriga.

Deborah dá a entender que está pegando pouco peso, com a gravidez e garante que está se cuidando muito para o parto, que espera seja normal.


"Pescamos" a foto acima no Google e veja que a Deborah está uma graça de barriguinha. 

Seja bem-vinda a Maria Flor. 

PSD FAZ NOVAS FILIAÇÕES EM LAJEDO

O prefeito Rossine e o vice-prefeito Ramos reuniram a população, líderes políticos de Lajedo e líderes do PSD para realizar novas filiações. A Comissão partidária foi formada no salão de festas Resplendor neste domingo (30) de manhã e contou com a presença em grande número de adeptos e simpatizantes do Partido Social Democrático.

A mesa foi composta pelos vereadores, a presidente municipal do partido Neide Félix, o presidente estadual do PSD André de Paula, o deputado estadual Joaquim Lira, Rossine Blésmany e o vice-prefeito Ramos Vilela. Todos juntos com a população presente assistiram uma apresentação dos trabalhos realizados em obras, saúde e educação pela gestão do PSD no município.

Logo em seguida, deu-se início ao processo de filiação dos novos integrantes e foi estabelecida a criação do PSD Jovem e o PSD Mulher. Na ocasião, os laços foram firmados e chamada a atenção para participação popular na vida do partido.


Em seu discurso, o Secretário das Cidades e Presidente Estadual do PSD André de Paula ressaltou a importância do compromisso popular para o partido, assegurando o desempenho da gestão municipal em benefício do município, atestando e reforçando a figura política que tem sido e é o prefeito Rossine Blésmany. O prefeito, por sua vez em sua fala, embasado no que foi mostrado em vídeo e reconhecido pelo público em geral, diariamente, mostrou o avanço no qual Lajedo vem obtendo há 3 anos nas principais áreas que impulsionam o desenvolvimento trazendo o município como destaque de referência na região do Agreste Meridional. (Texto: Larissa Cordeiro).

GOVERNADOR PRESTIGIA O "GANHE O MUNDO"

Governador foi até o Aeroporto dos Guararapes 
 neste domingo desejar boa viagem aos alunos

Denis José da Silva, 17 anos, divide uma casa de três cômodos com os pais e três irmãos, no município de Ribeirão, na Mata Sul pernambucana. Uma realidade bem melhor do que já precisou enfrentar, não faz muito tempo, quando ele e a família sequer tinham um “teto” para se abrigar. A vida difícil não foi impedimento para que o jovem se dedicasse aos estudos. Na manhã deste domingo (30), o pernambucano, que sonha em ser médico, seguiu para o Canadá por meio do programa Ganhe o Mundo. O embarque de Denis e de outros 90 estudantes da rede estadual de ensino, que seguiram para o mesmo País, foi acompanhando pelo governador Paulo Câmara, no Aeroporto dos Guararapes.

Aluno do 2º ano da Escola Padre Américo Novais, Denis sonha com um futuro promissor. “Eu quero aprender inglês para, quando voltar, conseguir trabalhos melhores. Quero também conseguir uma bolsa de estudos lá, numa faculdade”, planeja o jovem. Quem também embarcou com muitos sonhos na bagagem foi Francielle Laís, 15, aluna da Escola de Referência João Pessoa Solto Maior, no município de Sairé. "Estou muito ansiosa e curiosa para conhecer a cultura de lá, como são as pessoas, a língua; interagir com outras pessoas de outra cultura. Eu vim de uma família muito humilde e a minha mãe não teria condições de pagar uma viagem assim desse tipo. O Governo está sendo maravilhoso dando essa oportunidade de graça para a gente conquistar nossos sonhos e nossos ideais fora do País”, disse, com um sorriso largo no rosto.

Ao destacar que o Ganhe o Mundo “transforma vidas” e “alimenta o sonho de que vale a pena estudar”, o governador assegurou a continuidade da iniciativa. “Esse programa, que começou com Eduardo, vai ser mantido. E queremos ampliá-lo dentro das possibilidades do Estado; porque ele tem feito a diferença, tem ajudado as pessoas a aprenderem uma nova língua e terem contato com uma nova cultura, com um novo País. Isso é fundamental para a formação desses jovens. Tenho certeza que, quando eles voltarem, saberão que podem realizar seus sonhos, e vão continuar estudando, vão fazer uma faculdade ou iniciar um curso técnico profissional. Ou seja, vão voltar muito mais determinados e focados a serem felizes. É isso que a gente quer”, afirmou.

O chefe do Executivo estadual também ressaltou que o programa abre “novos horizontes” para quem vivencia a experiência do intercâmbio. “Nossa alegria é ver, claramente, no rosto de cada um que eles estão satisfeitos e felizes em ver que seu esforço valeu a pena. Eles vão ter uma oportunidade que muita gente não teve e não vai ter; de conhecer um outro País, aprimorar uma segunda língua. Eles vão ter o inglês presente para o resto de suas vidas. Isso fará diferença em um mundo tão competitivo como esse em que nós vivemos. Esses meninos - muitos do interior do Estado, a grande maioria - vão poder sonhar mais alto, sonhar cada vez mais”, arrematou Paulo.

Com o coração dividido entre a alegria de ver a filha realizar um sonho e a saudade, a dona de casa Geane Fragoso, 42, não conteve a emoção. Os olhos marejados e um longo abraço marcaram o momento de despedida da filha Maria Luana Fragoso, aluna da Escola Técnica Estadual Cícero Dias. "O coração está dolorido, mas com a certeza de que essa experiência é tudo de bom para ela. É uma oportunidade maravilhosa que vai servir para o resto da sua vida. Eu não teria condições de proporcionar isso para ela. O Governo deu essa oportunidade maravilhosa; espero que ela aproveite tudo de bom que lá vai aprender”, aconselhou.

PARCERIA - À convite do governo canadense, o secretário de Educação, Fred Amâncio, também embarcou com os alunos para o País. Lá, o gestor estadual cumpre agenda oficial na província de New Brunswick. “Terei a oportunidade de ter uma reunião com o ministro da Educação da província. Vamos assinar um memorando de entendimentos, não só para oficializar as parcerias que já temos com o Ganhe o Mundo. Eles também estão disponibilizando a possibilidade de alunos de escolas públicas e privadas fazerem cursos de inglês lá na universidade da província, onde a gente também vai discutir parcerias na área de formação de professores de língua inglesa”, detalhou. “O Ganhe o Mundo está permitindo que a gente expanda as nossas parcerias na área de educação com o Canadá; ele está abrindo outras portas para o Estado”, comemorou Fred.


O PROGRAMA - Criado em 2011, o programa Ganhe o Mundo já beneficiou mais de 3,4 mil estudantes do ensino médio. Além de aprimorar um segundo idioma, os intercambistas pernambucanos vão desfrutar da cultura do país escolhido. Os selecionados têm todas as despesas pagas pelo Governo do Estado, desde a passagem aérea até a hospedagem em casa de família; matrícula em escola de ensino médio, seguro de saúde, além de uma bolsa mensal no valor de R$ 719. (Matéria produzida pela Secretaria de Imprensa do Estado).

A TV GLOBO E O JORNAL NACIONAL DEDICAM SEIS MINUTOS DE ATAQUE AO EX-PRESIDENTE LULA

A Revista Época e a TV Globo comprovaram neste final de semana que temem uma possível candidatura de Lula na eleição presidencial de 2018. A publicação impressa publicou reportagem sobre o empréstimo do BNDES para construção do Porto de Mariel, em Cuba. O Jornal Nacional repercutiu a matéria do veículo da mesma Empresa, procurando deixar uma imagem negativa do ex-presidente petista, que teria usado de sua influência no negócio com a ilha comunista.

A Época e a emissora de TV esqueceram que esse assunto foi discutido na última campanha eleitoral, inclusive nos debates entre os candidatos, tendo Dilma Rousseff explicado a questão do Porto de Mariel. A obra é considerada estratégica pelo Governo, que teria levado em conta o interesse de empresários nacionais. A versão dos petistas é que a obra trouxe dividendos para o Brasil.

O ataque cerrado da Globo, que dedicou seis minutos do Jornal Nacional (um tempo enorme em televisão) para falar mal do ex-presidente, mereceu hoje uma resposta do Instituto Lula. Através de nota, a entidade criticou o jornalismo praticado pelos empregados da família Marinho, acusando a Revista Época de falsear a verdade dos fatos.

Abaixo a nota do Instituto Lula:

Mais uma vez a revista Época divulga reportagem ofensiva ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com afirmações falsas e manipulação criminosa de documentos oficiais.

Avançando em ilações maliciosas e irresponsáveis, pelas quais seus jornalistas já foram citados em ação judicial por danos morais movida pelo ex-presidente Lula, a revista insiste em atribuir ao ex-presidente condutas supostamente ilícitas que ele jamais adotou ou adotaria.

A matéria deste final de semana (29/08) é uma combinação de má-fé jornalística com ignorância técnica (ou ambas) e o único crime que fica patente, após a leitura do texto, é o vazamento ilegal de documentos do Ministério das Relações Exteriores que, de acordo com a versão da revista, tiveram o sigilo funcional transferido ao Ministério Público.

Ao contrário do que sustenta a matéria, a leitura isenta e correta dos telegramas diplomáticos reproduzidos (apenas parcialmente, como tem sido hábito de Época) atesta a conduta rigorosamente correta do ex-presidente Lula em seus contatos com as autoridades cubanas e com dirigentes empresariais brasileiros.

A presença de um representante diplomático do Brasil numa reunião do ex-presidente com dirigentes de empresa brasileira demonstra que nada de ilícito foi ou poderia ter sido tratado naquele encontro. O mesmo se aplica ao relato, para o citado diplomata, da conversa de Lula com Raul Castro sobre o financiamento de exportações brasileiras para Cuba.  Só a imaginação doentia que preenche os vácuos de apuração dos jornalistas de Época pode conceber um suposto exercício de lobby clandestino com registro em telegramas do Itamaraty.

Os procedimentos comerciais e financeiros citados nos telegramas diplomáticos são absolutamente corriqueiros na exportação de serviços, como os jornalistas de Época deveriam saber, se não por dever de ofício, pelo simples fato de que trabalham nas Organizações Globo. A TV Globo exporta novelas para Cuba desde 1982, exporta para a China e exportou para os países de economia fechada do antigo bloco soviético.

Deveriam saber que, em consequência do odioso bloqueio comercial imposto pelos Estados Unidos, empresas que fazem transações com Cuba estão sujeitas a penalidades e restrições pela legislação dos EUA. Por isso, evitam instituições financeiras sujeitas ao Office of Foreign Assets Control, que é uma agência do governo dos EUA e não um “organismo internacional de fiscalização”, como erra a revista.

Ao contrário do que o texto insinua, maliciosamente, não há, nos trechos reproduzidos, qualquer menção a interferência do ex-presidente em decisões do BNDES, pelo simples fato de que tal interferência jamais existiu nem seria possível, devido aos procedimentos internos de decisão e aos mecanismos prudenciais adotados pela instituição.

Os jornalistas da revista Época deveriam conhecer o rigor de tais procedimentos e mecanismos, pois as Organizações Globo tiveram um relacionamento societário com o BNDESPar, subsidiária do BNDES. Em 2002, no governo anterior ao do ex-presidente Lula, ou seja, no governo do PSDB, este relacionamento se estreitou por meio de um aporte de capital e outras operações do BNDESPar na empresa Net Serviços, totalizando R$ 361 milhões (valores de 2001).

Deveriam saber que em maio de 2011, por ocasião da mencionada visita  do ex-presidente a Havana, o financiamento do BNDES às obras do Porto de Mariel estava aprovado, havia dois anos, e os desembolsos seguiam o cronograma definido nos contratos, como é a regra da instituição, que nenhum suposto lobista poderia alterar.

Em nota emitida neste sábado (29) para desmentir a revista, o BNDES esclarece, mais uma vez, que “os financiamentos a exportações de bens e serviços brasileiros para as obras do Porto de Mariel foram feitos com taxas de juros e garantias adequadas”, e que os demais contratos mencionados não se realizaram. Acrescenta que “o relacionamento do BNDES com Cuba foi iniciado ainda no final da década de 1990, sem qualquer episódio de inadimplemento ou atraso nos pagamentos.” 

Os jornalistas da Época deveriam saber também que não há nenhum ilícito relacionado às palestras do ex-presidente Lula contratadas por dezenas de empresas brasileiras e estrangeiras, entre elas a Infoglobo, que edita o jornal O Globo. Deveriam, portanto, se abster de insinuar suspeição sobre esta atividade legal e legítima do ex-presidente.

Tanto em Cuba quanto em todos os países que visitou desde que deixou a presidência da República, Lula trabalhou sim, com muito orgulho, no sentido de ampliar mercados para o Brasil e para as empresas brasileiras, sem receber por isso qualquer espécie de remuneração ou favor. Lula considera que é obrigação de qualquer liderança política contribuir para o desenvolvimento de seu País.

Os jornalistas da Época deveriam saber que todos os grandes países disputam mercados internacionais para suas exportações. E que não fosse o firme empenho do governo brasileiro, para o qual o ex-presidente Lula contribuiu,  talvez o estratégico porto de Mariel fosse construído por uma empresa chinesa, ou os cubanos estivesses assistindo novelas mexicanas. Neste momento histórico, em que EUA e Cuba reatam relações e o embargo econômico americano está prestes a  acabar, a revista Época volta no tempo a evocar velhos fantasmas da Guerra Fria e títulos de livros de espionagem.


Ao falsear a verdade sobre a atuação do ex-presidente Lula no exterior, os jornalistas da revista Época tentam criminalizar um serviço prestado por ele ao Brasil. O facciosismo desse tipo noticiário é patente e desmerece o jornalismo e a inteligência dos brasileiros. 

sábado, 29 de agosto de 2015

PREFEITURA DE GARANHUNS SUSPENDE PROJETO DE ESTACIONAMENTO NA PRAÇA MESTRE DOMINGUINHOS

A Praça Mestre Dominguinhos por enquanto 
está salva de virar estacionamento de veículos

Por conta da polêmica formada em torno da criação de um estacionamento de veículos na Praça Mestre Dominguinhos, a Prefeitura de Garanhuns resolveu suspender o projeto. O comunicado foi feito hoje através do presidente da AMTT, o tenente-coronel João Emmanuel Leite de Oliveira. 

Segue a nota assinada pelo militar:

A AMSTT vem através desta nota, informar à população que devido aos últimos comentários ocorridos com respeito ao estacionamento público na Praça Mestre Dominguinhos, o projeto será suspenso, o qual tinha como objetivo principal atender o clamor da sociedade que cobrava intensamente medidas imediatas visando a necessidade de se ampliar o espaço de estacionamento de veículos na cidade, que em 2005 era de 18 mil veículos, aproximadamente, e em 2015, cresceu para mais de 48.000 veículos.

 Esclarecemos ainda que o projeto inicialmente teria uma fase experimental visando a aprovação ou não da população, por entender que seria a única forma, a curto prazo, de tentar resolver esta necessidade social, sendo elaborado cuidadosamente de forma que todo material empregado na demarcação e sinalização fosse rapidamente retirado quando necessário, não afetando assim a sua estrutura original, o que nos dava a certeza de que poderíamos disponibilizá-la a qualquer momento para os eventos já previstos e os que eventualmente surgissem.

Sendo assim, a AMSTT reforça a intenção de sempre buscar as melhorias necessárias para fluidez e satisfação do trânsito em Garanhuns, mas sempre em consonância com a vontade popular, motivo da decisão, colocando-se desde já ao inteiro dispor para receber sugestões que visem vencer este grande desafio de se construir um trânsito melhor e com mais mobilidade dentro de uma cidade com uma frota de veículos em total expansão, face o forte crescimento populacional.

 Sem mais, agradecemos a compreensão da população, que entende da necessidade de se tomar medidas arrojadas, mas, facilitadoras e preparadoras para um futuro melhor.
                                
Atenciosamente,

 JOÃO EMMANUEL LEITE DE OLIVEIRA
Diretor Presidente

NOSSA OPINIÃO – Desde o começo causou estranheza o projeto de transformar em estacionamento a Praça Mestre Dominguinhos, local simbólico de Garanhuns, principalmente por ser o principal polo do consolidado Festival de Inverno.
Mesmo pessoas do 1º e 2º escalão do Governo discordavam da proposta e certamente não faltou quem expusesse duas ideias ao prefeito Izaías Régis.
Nas redes sociais o bombardeiro cresceu nos últimos dois dias e certamente o gestor percebeu que a ideia não estava sendo bem assimilada pela população, principalmente os chamados formadores da opinião pública.
O Governo Municipal fez bem em dar uma brecada no projeto e agora tem tempo de examinar com calma outras alternativas para melhorar o trânsito da cidade. Acredito que é possível encontrar um bom local para criar um estacionamento sem precisar sacrificar uma praça que passou a representar muito para a cidade.
Izaías, a quem certamente coube a última palavra nesse assunto, foi sábio ao considerar a opinião do povo de Garanhuns e agiu democraticamente, não permitindo que uma ideia polêmica pusesse em risco tudo que a Prefeitura construiu em dois anos e oito meses.

De parabéns quem se posicionou de maneira firme – como Ana Jaíra, Jonas Lira, Adriano Tenório e muitos outros – que com suas opiniões ajudaram o gestor e repensar a proposta e assim como cidadãos e cidadãs contribuíram com Garanhuns.

O BISPO, MONSENHOR GERALDO E NEIDE REINO

O pároco de Capoeiras, Monsenhor Geraldo Batista, não se afina muito com a prefeita Neide Reino (PSB). Mas o religioso e a líder política socialista estiveram juntos quando da passagem pelo município do novo bispo da Diocese de Garanhuns, Dom Paulo Jackson. Imagino que a mágoa do sacerdote é mais por conta de algumas críticas que lhe foram feitas na Rádio Jovem Cap pelo ex-prefeito Nenen, esposo de Neide.

Monsenhor Geraldo sempre se deu bem com o grupo que está no poder, desde os tempos do prefeito Manoel Reino. As insatisfações do religioso com o pessoal que está na Prefeitura surgiram praticamente na última campanha política e se agravaram depois que algumas ameaças foram feitas ao representante da Igreja.

Mas na verdade ninguém sabe de onde partiram as tais ameaças.

O ideal é que Capoeiras tivesse lideranças capazes de promover o entendimento entre as autoridades e as famílias.

Hoje, quando se conversa com filhos ilustres da terrinha, como o delegado Jorge Cordeiro, o que mais se lamenta é que a cidade tenha perdido os ares de tranquilidade de antigamente para se tornar um lugar violento e com algumas “almas sebosas” que assustam os moradores.


Tomara que o bispo, junto com Monsenhor Geraldo, ajude a pacificar Capoeiras.

*Foto: Colaboração de Roberto Tavares

PSD FAZ FESTA DE ANIVERSÁRIO EM LAJEDO

O Partido Social Democrático, PSD, faz a festa de aniversário neste domingo, em Lajedo,  no Salão de Eventos Resplendor, a partir das 8h.

Estarão presentes o prefeito Rosssine, o vice Ramos, secretários municipais, vereadores e toda turma do 55.

O deputado federal e secretário de Estado André de Paula virá do Recife para prestigiar o ato.

Além do trabalho administrativo, o prefeito de Lajedo não descuida da parte política, de olho na reeleição.

KARLA RAFAELLA SE DESTACA COMO CANTORA


Uma nova cantora de Garanhuns começa a se destacar no meio artístico.

Karla Rafaella iniciou a carreira aos 10 anos de idade. O gosto pela boa música sempre esteve presente em sua vida, tendo como principal fator de formação as preferências musicais de seu pai. Karla tem sua carreira musical marcada por parcerias bem-sucedidas, como foi com os músicos e conterrâneos Kleyton Danata e Alexandre Revoredo.

Karla Rafaella já se apresentou por seis vezes no Festival de Inverno da cidade, no Festival da Jovem Guarda, no SESC Garanhuns e em algumas casas de eventos da região. No ano de 2013 deu uma pausa na carreira para se dedicar a Faculdade de Arquitetura.

A cantora retorna aos palcos a convite do produtor Sávio Figueiredo e está assumindo o vocal da banda Panapaná, formada só por mulheres. 

A proposta da banda é transformar um repertório diversificado em samba.  Músicas que foram sucesso nas vozes de Alicia Keys, Amy Winehouse, Christina Aguilera, Demi Lovato, Jessie J, Lady Gaga, Shakira, Alicia Keys, entre outras. (todas as integrantes são do Recife, apenas Kaella, que é de Garanhuns).


Paranapaná - Não sabe o que significa o nome? Vamos explicar: É o substantivo coletivo de borboletas. E por que esse nome? As borboletas têm diferentes cores e tamanhos, apresentam padrões que podem fazer com que elas sejam confundidas com o lugar que pousam. Foi seguindo essa regra que foi criada a Banda Panapaná. O primeiro diferencial, formada apenas por mulheres; segundo vem com um repertório de músicas que fogem completamente ao obvio do que é o samba. 

CONVITE

O Blog agradece o convite para a posse da nova gestora da GRE do Agreste Meridional, professora Adelma Elias da Silva. A solenidade será realizada na próxima terça-feira, dia 1º de setembro, a partir das 10h, no Chalé Recepções II. O ato certamente será prestigiado maciçamente por professores e autoridades de Garanhuns e Região.

ROSSINE RECEBE SENADOR HUMBERTO COSTA

Na manhã desta sexta-feira (28), o prefeito Rossine, recebeu a visita do senador Humberto Costa, líder do PT no Senado. Em pauta alguns assuntos de interesse do município como infraestrutura, saúde e segurança pública.

Humberto Costa recebeu do prefeito Rossine que estava acompanhado do secretário de Infraestrutura Edcarlos Cordeiro, do secretário de Saúde Eduardo Medeiros e da líder do governo na Câmara Lêda Machado, ofícios reivindicando o desbloqueio de algumas verbas federais, como a obra da estação de tratamento e do saneamento que tem tirado a paciência de muitos lajedenses, devido os transtornos causados.


Após andar com o prefeito por algumas ruas da cidade, o senador se comprometeu em tentar a liberação desses recursos que são na ordem de R$ 14 milhões, como também disse que não mediria esforços para junto ao Governo Federal conseguir a liberação de verbas junto ao Ministério do Turismo para o calçamento de diversas ruas e reforma de praças, que já estão com projetos aprovados, mas com verba bloqueada pelo Executivo Federal devido a crise. Reforma de Postos de saúde, construção de quadras cobertas através do FNDE, e modernização da Academia das Cidades também foram reivindicados pelo prefeito. (Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Lajedo).

PREFEITO DANNILO GODOY RECEBE SECRETÁRIO DANILO CABRAL EM BOM CONSELHO


O prefeito de Bom Conselho, Dannilo Godoy, teve uma agenda extensa nesta sexta-feira, dia 28. Começou logo cedo, com o gestor recepcionando o Secretário de Planejamento do Estado,  Danilo Cabral e mais alguns vereadores e prefeitos dos municípios e vizinhos,  como Ricardo Alves, de Saloá.

Na oportunidade também estavam presentes comerciantes do município e parte da população bonconselhense que prestigiou o evento. As autoridades estiveram na Radio Papacaça, onde os mesmo participaram de uma rápida entrevista. Logo em seguida foi a hora de conhecer e fazer a inauguração da reforma e ampliação da escola são Geraldo.

O secretario Danilo Cabral ficou feliz em saber que todos os recursos que ele está conseguindo para o município de Bom Conselho estão sendo bem aproveitados e fez elogios ao gestor do município. (Bruno Tenório).

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

MORTE INESPERADA DE MARQUINHOS DEIXA JUPI E O AGRESTE MERIDIONAL MAIS TRISTES

Morreu nesta sexta-feira, vítima de infarto, o professor Marcos Expedito Viana, de 52 anos.

Marquinhos, como era conhecido por uma legião de amigos, nasceu e morava em Jupi, onde foi vereador e secretário municipal. Cordial, simpático, com muita habilidade para a  política, Marcos teve mais de uma vez seu nome cogitado como candidato a prefeito de sua terra.

Do deputado estadual Marcantônio Dourado, com quem trabalhei uma época na Assembleia Legislativa de Pernambuco, ouvi uma vez a seguinte frase: “Marquiinhos é a pessoa mais jeitosa para a política que eu já conheci”.

Quando Carlos Batata foi prefeito de Capoeiras, importou Marquinhos para o seu município. Lá ele foi Secretário de Educação e diretor do Colégio José Soares de Almeida.

Marcos Viana ainda tinha muito a fazer e bastante tempo à sua frente. Mas a vida muitas vezes nos prega uma peça dessas e nos deixa tristes, muito tristes.

Tenho certeza que neste momento o meu sentimento de dor (e não tenho vergonha de confessar que chorei ao redigir o texto) é compartilhado pelo povo de Jupi, de Jucati,  de Garanhuns, de Calçado, de Lajedo e por todos do Agreste que conheciam esse grande cara.


Vai com Deus amigo! Que Deus conforte tua esposa, teus filhos e toda tua família. (Roberto Almeida).