Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

sábado, 31 de dezembro de 2011

ORAÇÃO DO ANO NOVO

Como gosto de fazer regularmente fiz um passeio à tarde pelo centro de Garanhuns. Trânsito tranquilo, lojas já vazias algumas fechando às portas ainda cedo. Muitos CDs piratas nas calçadas e pouquíssimos compradores. Tomei um chocolate quente e estava completamente sozinho. Não tinha mais ninguém na loja. Na Americana nenhum livro, CD ou DVD novo, estão precisando renovar as mercadorias. Principalmente para quem gosta de consumir produtos tidos como culturais. Encontrei o Marcos Cardoso. O radialista vasculhava um pilha de discos ao preço de oito reais e tinham alguns bons no tabuleiro. O amigo levou uns cinco ou seis. Terminei ficando com dois, para não perder o costume. Um seleção do inesquecível Jessé, pois só tenho do cantor antigos LPs e o único em compac disc está arranhado. Escrevo essas notas ouvindo-o. Divino. As já conhecidas, como Oração da Noite,  Porto Solidão, Para Lennon e MacCartney, Concerto para uma só voz, Chão de Estrelas e algumas que não conhecia na voz dele. Retrato em Branco e Preto, de Chico Buarque está totalmente demais, como diria o Caetano. O outro CD foi uma coletânea do Ray Charles, o maravilhoso negro americano. Provavelmente vai ser meu réveillon, além da champanhe e umas comidinhas feitas em casa mesmo.

Garanhuns está vazia porque muitos viajaram. Foram para as cidades vizinhas, sítios, chácaras, Tamandaré, Recife... Destinos vários. Eu ia só até Capoeiras, ficar perto da minha mãe. Resolvi ficar por aqui mesmo. Os livros, a música, um bom filme, a companhia da mulher e de Carolina me bastam. Tiago e Lula viajaram ontem à noite, Vitória ficou comigo boa parte da sexta e do sábado e acompanhou a mãe, hoje. Já está em Lajedo, com o seu sorriso enorme que nos preenche de vida. Dani dá notícia quase todos os dias, de João Paulo sei das coisas por Lulinha.  Roberta, a primeira filha, telefonou do Recife, desejou um bom ano novo. Claro, como pai que tanto a ama fiquei me derramando de felicidade.

"Filhos...Filhos?  Melhor não tê-los! Mas se não os temos,  como sabê-lo?"

Bonitos versos do poetinha. Mas eu trocaria os versos. Escreveria assim: "Filhos, filhos. Melhor tê-los muitos. E amá-los totalmente,  porque eles sim são essenciais e dão sentido à vida".

2011 está terminando. Foi um bom ano. Não fui a nenhuma grande cidade nem fiz nada de extraordinário. Li bastante, porém, ouvi muita música, assisti ótimos filmes, escrevi sempre, estive com minha mãe, irmãos, filhos, amigos, minha companheira de 23 anos. Realmente não preciso de mais que isso. Muito do que se deseja é ilusão, é supérfluo e fui aprendendo a conviver com o estritamente necessário. A comida na mesa, uma roupa para vestir, fazer amor, dar a mão ao próximo.

Há o universo e um Deus-Cósmico. De uma maneira ou de outra fomos criados, estamos conectados, alguém invisível e inalcançável vela por nós. Escuta os apelos quando são sinceros e merecidos e nos livra do mal. Está comigo, neste momento, possivelmente é quem ilumina minhas ideias, as faz sair da mente e se fixar numa tela de computador.

Está na bíblia: "Se Deus está conosco, quem estará contra nós?"

Aprendi que nunca estou só. A tristeza, quando vem, é porque precisamos também da companhia dos humanos, dos iguais. E há de se alimentar o corpo e o espírito. Não, não está tudo em seu lugar. Mas cada coisa está no lugar em que a colocamos. Muitas vezes erramos no projeto de arquitetura e sai tudo errado. Por isso é comum alguma coisa estar fora do lugar.

Agradeço pelo ano que finda. Peço ao bom Deus que 2012 seja melhor ainda. Não estou pedindo só por mim, meus filhos, os irmãos, minha mãe ou pela companheira. Peço a Deus que interceda por Garanhuns, pelos seus moradores, pelos leitores deste blog, pelos que nunca ouviram falar dele, pelos doentes, pelos que sofrem, pelos que passam privações.

"Onde houver ódio,  que eu leve amor!
Onde houver tristeza, que eu leve alegria!
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão!
Onde houver discórdia, que eu leve união!

Que os versos de São Francisco batam forte nos vossos corações. Que a mensagem do Cristo seja levada a sério. Que Deus os abençoe!

Do fundo do coração: FELIZ 2012!

POLICIAIS PUBLICAM NOTA SOBRE SUPOSTA MÁFIA

Considerando as recentes notícias veiculadas na imprensa local e nacional acerca da suposta existência de atividade ilegal no recolhimento de corpos por parte da Polícia Civil de Pernambuco na área da 18ª DELEGACIA SECCIONAL – GARANHUNS (18ªDESEC), vimos através desta, apresentar esclarecimentos à sociedade sobre o fato em comento.

Preliminarmente, imperioso anotar que a responsabilidade pelo recolhimento de cadáveres vítimas de mortes violentas é inerente ao Estado, por meio de seu órgão com atribuições legais, qual seja, o Instituto Médico Legal, o qual possui sedes em Recife, Caruaru, Salgueiro e Petrolina, devidamente equipados com veículos especiais para a realização de tal mister.

Assim, tendo em vista a inexistência de IML na sede da 18ª DESEC de Garanhuns, a qual responde por 20 (vinte) cidades e 21 (vinte e uma) Circunscrições Policiais, aliado à inviabilidade operacional por parte do IML mais próximo, qual seja, IML – Caruaru, para o recolhimento dos corpos e a necessidade de prestação do serviço público, pautado em princípios legais como a continuidade do serviço público e constitucional da dignidade humana, tal serviço é realizado por empresas funerárias da região, as quais, vale anotar, não possuem qualquer tipo de vínculo com a Secretaria de Defesa Social, Polícia Civil ou mesmo com esta 18ª DESEC.

Esclarecemos que o procedimento para recolhimento dos cadáveres, o qual se repita, não se inclui entre as atribuições da Polícia Civil e são realizados para que a sociedade não fique desamparada, fica primeiramente a cargo da família da vítima fatal, a qual tem a incumbência de convocar a empresa funerária de sua preferência. Somente em casos em que a vítima não seja identificada ou mesmo quando a família declara não ter meios para a aquisição do serviço funerário e consequente recolhimento do corpo, é que a Polícia Civil aciona a funerária que possua convênio com a Prefeitura do local do fato para a realização do serviço.

Impende anotar que este serviço assumido pelas Prefeituras da região assume caráter social, e visa o amparo da população carente da região.

Em tempo, informamos que serão provocados aos órgãos competentes para adoção de medidas visando corrigir tal lacuna no serviço público, precisamente a inexistência de IML que atenda os casos desta região, tais como a Secretaria de Defesa Social, o Ministério Público, a Defensoria Pública e os Municípios abrangidos pela 18ª DESEC, e desincumbir a Polícia Civil de tal encargo, que se repita, não está dentre suas atribuições constitucionais e legais.

Com efeito, a falta do serviço oficial de coleta de corpos prejudica de forma direta a sociedade, a qual tem o DIREITO de ter tal serviço prestado pelo Estado, e este, consequentemente, o DEVER de efetivar este serviço público por intermédio do IML, órgão competente e especializado.

Outrossim, vimos repudiar a forma como alguns meios de comunicação vêm abordando a situação, explorando de forma inconsequente, irresponsável, genérica e midiática, fatos que sequer têm comprovação e que foram apresentados de forma anônima, prática que vem maculando a imagem, não só da instituição Polícia Civil, como também de todos os homens e mulheres que compõem o quadro de policiais desta 18ª DESEC. Assim, a forma como a notícia vem sendo apresentada pela imprensa tem provocado um verdadeiro “apedrejamento” moral dos policiais, e de forma reflexa de seus familiares.

Salientando-se, por fim, que mesmo se tratando de uma denúncia anônima, a DECASP – Delegacia de Polícia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos, a Corregedoria da Secretaria de Defesa Social, bem como o Ministério Público estão apurando o caso, deste modo, estamos certos que se existirem culpados, estes serão exemplarmente punidos.

Diante de tais esclarecimentos, tendo em vista a liberdade de pensamento e imprensa, direitos assegurados constitucionalmente, conclamamos a imprensa que aborde de forma responsável, justa e imparcial os fato em comento.

Em tempo, convocamos à sociedade a cobrar do Estado a implantação de um IML nesta cidade, com a efetivação do serviço público faltante.

Garanhuns, 28 de dezembro de 2011.
Policiais Civis da 18ª DESEC

CASTAINHO TEM SUA PRIMEIRA TURMA DE FORMANDOS

Na última sexta-feira, dia 29, tivemos a solenidade de conclusão dos alunos do 9º ano, ou 8ª série do Ensino Fundamental da Escola Vigília Garcia, na comunidade do Castainho. Estiveram presentes o Secretário de Educação, Marcelinho Moura e outras autoridades. Esta é a primeira Festa de Formatura da Escola Quilombola de Garanhuns. Parabéns aos estudantes e ao povo do Castainho!

ZORBA, O GREGO - FILMES INESQUECÍVEIS - 73º

No Recife funcionou durante alguns anos o Cine de Art AIP. Era uma sala pequena, com os bancos apertados entre si, gerando desconforto aos que a procuravam em busca de bons filmes. Além disso, ficava no 13º andar do prédio da Associação de Imprensa de Pernambuco, dificultando o acesso pois os elevadores eram velhos e em mais de uma ocasião deram problemas.

Foi neste cinema diferente dos outros que existiam no centro da capital pernambucana, à época, que assisti obras de arte como “A Árvore dos Tamancos”, excelente trabalho do italiano Ermanno Olmi, e “Zorba, o Grego”, premiado filme do grego Michael Dcacovannis. Este esteve à frente das câmeras em outras produções, mas este citado foi o que lhe deu fama e tornou-se popular e cult ao mesmo tempo. É um clássico de 1964, indicado para sete Oscar, tendo ficado com três das famosas estatuetas.

O diretor grego era competente (Michael morreu em julho deste ano, aos 89 anos) e escolheu bons atores para os principais papeis do seu filme mais famoso. Não resta dúvida, porém, que o brilho de “Zorba, o Grego”, está principalmente no desempenho fabuloso de um dos maiores atores da história de Hoolywood.

Anthony Quinn nasceu no México e depois se naturalizou americano. Estrelou dezenas de filmes. Aventuras, faroestes, épicos, dramas, guerra... passeava com versatilidade por qualquer gênero. Esteve em A Estrada da Vida, de Federico Fellini; Viva Zapata (Elia Kazan), Os Canhões de Navarone (Lee Thompson), As Sandálias do Pescador (Michael Anderson, Ulisses (Mario Camerini ) , Buffalo Bill (William Wellman) e Zorba, o Grego, o objeto da nossa resenha semanal.

Críticos respeitados de cinema do Brasil e de outro países consideram que Anthony Quinn teve o melhor desempenho de sua carreira em Zorba. O ator deve ter se identificado ou gostado muito do roteiro, pois ele está tão à vontade na pele do personagem que parece está vivendo a própria vida. O artista brinca na frente das câmeras, sorri para os telespectadores e brinda à vida como figura chave da produção grega.

Mesmo Quinn sendo a alma do filme, Zorba não se limita a excepcional atuação do ator americano. O longa todo é bom, um trabalho muito acima da média capaz de freqüentar qualquer lista de clássicos ou de melhores filmes de todos os tempos. A fotografia, os atores, o cenário na bucólica ilha de Creta, a música, a história aparentemente simples, mas que possibilita leituras e observações várias a respeito das pessoas, dos lugares pequenos ou isolados, da vida.

“Zorba, o Grego” foi baseado num romance homônimo do escritor Nikos Kazantzakis. Não é preciso ter lido o livro para saber que se fez uma excelente adaptação da literatura para o cinema.

O filme começa num dia de chuva quando Basil, um tímido escritor inglês, precisa tomar uma embarcação para a ilha de Creta. Lá, vai tomar posse de umas terras, incluindo uma mina, deixadas como herança pela família.

Enquanto espera que o tempo melhore para poder viajar,  Zorba chega e se apresenta. É um sujeito grande, rude, franco, com uma espontaneidade e gosto pela vida extraordinários.

O Grego faz uma proposta para trabalhar para o desconfiado e reservado escritor. Este reluta, depois aceita, principalmente porque irá precisar do grandalhão na atividade da exploração da mina. Naturalmente o charme natural de Zorba também ajudou, ele conseguiu “seduzir” o inglês.

O filme todo segue com Zorba dominando a cena. O sorriso, a estatura, o sorriso, a filosofia de vida ocupam toda a tela e chegam a ofuscar os outros personagens.

Claramente, conforme se desenrola a história, se faz o contraste do homem da cidade, culto, preocupado com as questões existenciais e o homem comum, ligado à natureza, voltado para a vida como ela é, sem encucações de ordem intelectual.

O Grego, iletrado, dá lições em Basil, um escritor, um homem de muitos saberes. Em Creta os livros e ideias do personagem vão se mostrar inúteis, enquanto o conhecimento natural das coisas, por parte de Zorba, representarão a essência de uma vida plena, coroada de alegria, felicidade.

Além de Anthony Quinn há de se elogiar a participação de Alan Bates (o escritor), da atriz Lila Kedrova (Oscar de coadjuvante) e da bela e expressiva Irene Papas. Esta interpreta uma viúva, desejada e amaldiçoada pelo povo ignorante do pequeno vilarejo.

"Zorba, o Grego” tem muitas cenas antológicas, inesquecíveis. A simples fuga de uma cabra pertencente à viúva e escondida pelos moradores de ilha, termina por se transformar num fato relevante, quando vai se descobrir a tensão existente por conta daquela presença feminina no lugar.

Há alguns momentos tristes, inevitáveis, porque o filme não foge à realidade do mundo – mesmo nos lugares bucólicos, bonitos, distantes de do barulho das grandes cidades, a tragédia acontece, a morte vem, de forma violenta ou natural -, contudo prevalece o sentimento de alegria e disposição de enfrentar as adversidades por parte de Zorba.

O Grego sente também as perdas, ele é humano. Sabe, no entanto, por instinto ou porque a vida lhe ensinou, que não se pode mudar o rumo das coisas. Por isso Zorba continua de pé, acredita, dança, ensina a Basil e a nós todos que a tristeza não vale a pena. Mais importante é celebrar a vida.

No final das contas, Zorba, o Grego é isso: um romance, um filme, uma história que celebra a vida. Se pudéssemos ser mais o homem rude e simples e menos o intelectual complicado, seríamos mais felizes.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

A ECONOMIA DE GARANHUNS


Do Blog Pernambucânia:

Maior e mais característica elevação do relevo nordestino, o Planalto da Borborema é uma longa cadeia montanhosa de rochas cristalinas que trespassa o agreste Pernambucano. Em certos pontos, seu clima úmido e solo espesso possibilitam o crescimento de florestas tropicais. Sobre a fertilidade do cume das altas montanhas do Agreste Meridional, brotam entre sete colinas, as flores de uma das cidades mais exuberantes do interior do estado de Pernambuco.

A floricultura intensamente praticada em Garanhuns trouxe-lhe o título de Cidade das Flores. Seu clima serrano faz, nas noites de inverno, a temperatura despencar para até 5 graus Celsius nos pontos mais altos do município. O verde dos campos e colinas lhe é tão usual quanto à aprazível arquitetura de suas construções urbanas. Suas igrejas, parques, bares, restaurantes, cafés e sua ótima infraestrutura hoteleira constroem um ambiente excepcionalmente favorável ao turismo. Atividade da qual a cidade de apenas 130 mil habitantes vem se beneficiando há anos.

A beleza natural e urbana da Cidade das Flores Pernambucana seduz turistas o ano todo. Contundo, é durante seu afamado Festival de Inverno que a cidade vê sua economia fervilhar. Com a entrada da festividade para o calendário nacional dos principais eventos do país, Garanhuns impulsiona ainda mais sua economia enquanto seu mercado busca atender aos mais de um milhão de visitantes que lotam os centros de atrações dos principais pontos da cidade.

No entanto, não só de turismo vive a mais populosa cidade do Agreste Meridional. Maior bacia leiteira do Estado, Garanhuns conseguiu diversificar sua economia de forma fascinante. Seu desenvolvido setor industrial, baseado principalmente na indústria de beneficiamento de leite, corresponde a pouco mais de 20% de seu PIB, segundo IBGE 2009. Garanhuns consegue captar o leite advindo de cerca de 400 produtores de região e distribuí-lo para vários estados do Norte/Nordeste. O intenso movimento semanal de seu comércio atesta a força do setor de serviços na cidade, representado por 64% de sua economia.

No coração do Agreste Meridional, circundada por 25 municípios, Garanhuns também se beneficia de sua posição estratégica. Suas principais rodovias de acesso estão diariamente povoadas por caminhões de carga pesada. São mercadorias oriundas de outros estados, como Bahia e Alagoas, que estão em constante permuta nas principais cidades da região. Garanhuns é abastecida e tem sua produção escoada principalmente pela já duplicada BR 232 e pelas BRs 424 e 423, cujo início de sua duplicação fora recentemente anunciado.

Com o desenvolvimento da cidade se alastrando por todos os setores de sua economia, logo se viu a necessidade de aprimorar os serviços especializados ofertados em seu mercado. Garanhuns tornou-se palco de grandes investimentos de centros de ensino públicos e privados. Com uma variedade de cursos superiores digna de grandes polos educacionais e renomadas instituições de ensino como UFRPE e UPE, a cidade já se tornou um centro congregador de estudantes. A já conhecida boa reputação de seus cursos voltados para a área rural como medicina veterinária e agronomia criaram uma tradição em pesquisa e produção científica.

Contudo, o recente advento do curso de Medicina ofertado pela UPE marcou o início de uma nova fase para o universo acadêmico garanhuense. Esta vocação para centro universitário aliado a uma excelente qualidade de vida atrai a atenção de estudantes de outros estados e regiões dando a cidade um eterno aspecto jovem.

Garanhuns reúne condições de figurar entre as mais charmosas cidades do Estado. Suas paisagens, cultura, culinária, festividades, academia e economia impressionam qualquer viajante que, desavisado, não espere encontrar tamanha diversidade e beleza na simplicidade da vida serrana. É com o furor de uma paixão avassaladora que Garanhuns encanta até mesmo os turistas mais criteriosos.

Cássio B. Lucena -  :http://www.pernambucania.blogspot.com 
Graduando em Administração
Universidade Federal de Pernambuco

SÃO BENTO DO UNA TAMBÉM PAGA RATEIO


A Prefeitura de São Bento do Una paga nesta sexta-feira o rateio dos professores da Rede Municipal. O 13º foi pago em duas parcelas: a primeira no meio do ano e a segunda no último dia 13. O salário de dezembro saiu no dia 23. Das prefeituras do Agreste Meridional poucas pagaram rateio aos profissionais de ensino. Até agora só tenho notícia de São Bento e Capoeiras em relação a esse “presente” para os professores.

Padre Aldo Mariano chega ao final do ano com um balanço bastante positivo do seu trabalho. Além de pagar rigorosamente em dia tem um conjunto de obras para apresentar de fazer inveja a muita gente. Só quadras esportivas está concluindo a oitava. Sem falar no prêmio no âmbito nacional pelo programa de Merenda Escolar.

LUIZ CARLOS EXPLICA ATRASO NAS OBRAS DAS PRAÇAS

O prefeito Luiz Carlos de Oliveira quebrou o silêncio, neste final de ano, e deu uma entrevista a TV Jornal, fazendo uma prestação de contas de seu governo. O jornalista Eliaquim Oliveira quis saber o por quê da demora para terminar a reforma das praças da cidade. O gestor disse que o atraso é por conta da falta de liberação de verbas da união. Falou também a respeito das casas da Bela Vista, informando já ter entregue à comunidade 600 unidades. “O restante deve ficar pronta em fevereiro”, anunciou.

Luiz Carlos considera superado o escândalo da ponte do Sítio Baraúnas, em Miracica e negou a existência de funcionários fantasmas na prefeitura.

A denúncia dos fantasmas foi feita numa reportagem do repórter Fernando Rodolfo e pelo menos um servidor pediu exoneração do cargo,  por conta da matéria jornalística. O ex-vereador Cláudio Taveira, citado como um dos servidores que recebia sem trabalhar preferiu deixar o Cargo Comissionado que exercia na prefeitura.

Com relação à política, quem será seu candidato a prefeito em 2012, Luiz não deu um pio.

O CARTÃO DA PRESIDENTA


A Presidência da República gastou R$ 11 mil para enviar seis mil cartões de Natal neste final de ano. A presidenta aparece nesta foto bem produzida e a mensagem é uma frase pinçada do seu discurso de posse. O jornalista Magno Martins, em seu blog, criticou o gasto. Pode estar com a razão, mas esse dinheiro aí em termos de Governo Federal equivale a poucos centavos. Pior é a roubalheira nos ministérios, nos parlamentos e em alguns setores do judiciário.

FATALIDADE MATA GARANHUENSE

A fatalidade que matou o trabalhador autônimo Quitério Luís dos Santos, 41 anos,  morador de Garanhuns, foi notícia em diversos sites e blog do interior pernambucano e de outras cidades do Nordeste. O fato foi noticiado também na TV Asa Branca de Caruaru. O cidadão passava de bicicleta, na BR-423, logo após sair da zona urbana, quando parou para olhar uma kombi destruída por um incêndio. Nesse instante passou uma carreta e desta voou um pneu que atingiu Quitério em cheio e o matou na hora. A falta de sorte da vítima foi lamentada pelos parentes.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

O ESTILO DE ANTÔNIO DOURADO

Antônio João Dourado (foto), caso dispute a Prefeitura de Garanhuns, vai investir tudo na periferia, tentando atrair o povão para o seu lado. Quem conhece o estilo do homem avisa que os adversários devem estar preparados. O socialista chegará nos bairros com um sorriso do tamanho do mundo, abraçará populares, tomará cachaça junto do homem comum e fará afagos aos mais carentes. Sabe que as classes altas e média da cidade pesam, mas está consciente de que a "poeira" é maioria e pode decidir a eleição. Dourado pode ser um estranho à Suíça Pernambucana, porém nunca foi um amador em política.

AS OPOSIÇÕES EM LAJEDO

Com decisão do prefeito Antônio João (PSB) de transferir seu domicílio eleitoral para Garanhuns a situação política de Lajedo ficou indefinida. Os governistas ainda não têm candidato e as oposições vão escolher entre o Dr. Pedro Melo (PT) e o vereador Rossine Blésmany (PSD). Este último é natural de Pesqueira e nasceu na aldeia dos índios Xucurus. Está morando em Lajedo há oito anos, casou com uma moça de tradicional família do município e tomou gosto pela política. Usa um carro de som regularmente para atacar os problemas da administração, acusando sempre o gestor de ter abandonado a cidade. Tentamos entrevistá-lo, mas ele prefere evitar contato com a imprensa daqui, por não querer se meter na campanha local. Quanto a Pedro Melo, que já disputou a eleição majoritária duas vezes, hoje vive mais em Caruaru e pode ter perdido algum espaço. A oposição, no entanto, deve partir unida, com essas duas lideranças, mais o ex-deputado Adelmo Duarte, além dos vereadores Leda Machado e Paulo Vigário. (Na foto o bairro do Socorro, em Lajedo).

PREFEITO ENTREGA RETROESCAVADEIRA À POPULAÇÃO

Depois da alegria dada aos professores, na última sexta-feira, quando anunciou o rateio que irá beneficiar os profissionais de ensino neste final de ano, o prefeito Dudu amanhã dá um presente ao município que beneficiará principalmente o homem do campo. O gestor irá entregar simbolicamente à população a retroescavadeira conseguida depois de muita luta junto ao Governo Estadual. Esse equipamento vem se juntar ao caminhão caçamba e agora vai ficar faltando somente a patrol para que o município tenha sua própria patrulha mecanizada, objetivo do governante. Com essas máquinas, a Prefeitura terá melhores condições de retirar entulhos da cidade, cuidar melhor ainda das estradas da zona rural e construir mais barragens no campo. "Graças a Deus o governador Eduardo Campos e o Secretário Ranilson Ramos atenderam mais esse pleito do povo de Capoeiras", agradeceu Dudu.

Nesses três anos de trabalho, o prefeito Luiz Claudino já conseguiu para Capoeiras 5 ônibus novos para o transporte estudantil, 5 fiats uno destinados à Secretaria de Saúde, uma ambulância e uma ducato que servem aos pacientes que precisam de deslocamento, uma caminhão caçamba, um veículo para a secretaria de Agricultura e outro para a Ação Social, além de ter reformado o ônibus antigo que encontrou da gestão anterior.

Dudu talvez seja um dos poucos governantes de Pernambuco que até o momento nunca comprou um carro para o "prefeito". Usa o seu veículo particular para se deslocar na cidade e zona rural. "As necessidades são muitas e os recursos são poucos. Em vez de comprar um automóvel de luxo para me amostrar prefiro investir nas secretarias, que estão precisando. Graças a Deus já tenho um carro, comprado com meu trabalho. Antes de tudo está o povo de Capoeiras", explicou.

ESCLARECIMENTO - Como a retroescavadeira só chegará a Capoeiras nesta sexta-feira à tarde, a entrega simbólica do equipamento à população será feita na próxima semana.

A LUTA DE IZAÍAS PARA SER PREFEITO

Menino de Terezinha que vendeu bala doce na Avenida Santo Antônio, Izaías Régis é um vencedor. Virou empresário e é o único político do município que emplacou três mandatos de deputado estadual. Com a experiência do parlamento e o conhecimento que tem da cidade, acredita que pode contribuir para tirar a Suíça Pernambucana do marasmo, levantar o astral da população e fazer o município crescer.

O deputado tem lutado. Já realizou grandes festivais, montou escolas, investiu em centros de saúde, pediu pelo Dom Moura e solicitou o serviço do SAMU para Garanhuns. Conseguiu recursos para ajudar a atual administração, como os mais de R$ 400 mil destinados a tirar o João da Mata da poeira e da lama.

Izaías é aliado do governador Eduardo Campos, defende a gestão do socialista e pretende disputar a eleição de prefeito do próximo ano pelo PTB. Está mais comedido e evita críticas aos aliados e até a possíveis adversários.

Sua meta é ser candidato. É ganhar a eleição. É formar uma boa equipe. É fazer um bom governo e transformar a cidade.

O deputado pensa grande e não suporta ver Garanhuns pequena.

Na sua caminhada terá de superar obstáculos. Os outros candidatos, que tentarão mostrar que são melhores e mais confiáveis que ele. A descrença dos que não gostaram da sua atuação parlamentar. O ceticismo dos que não acreditam que ele amadureceu e mudou. Os humores da classe média que exige postura. A ironia dos que criticam seus assessores e não suportam vê-lo prestigiando pessoas simples.

Política é um aprendizado. E nela vencem os que são ousados, os capazes de autocrítica, os que têm o sentimento do povo e são capazes de construir.

Como será Izaías Régis no Executivo? O povo de Garanhuns só saberá a resposta a essa pergunta se der ao deputado a oportunidade que ele está pedindo.

JOÃO DO POVO E JOÃO TRAIDOR

João Paulo foi prefeito do Recife durante oito anos. Chegou à prefeitura conseguindo o que muitos consideravam impossível: derrotando Roberto Magalhães, seu antecessor, político sério e bem avaliado pela população da capital como gestor. Mas o João, ao sentar na cadeira que fora de Pelópidas Silveira e Miguel Arraes, se tornou um fenômeno de popularidade. Um morador da Veneza Brasileira confessou ao repórter: “Moro aqui há quase 50 anos e João Paulo foi o melhor prefeito que o Recife teve desde que estou aqui”. Deve ter expressado o sentimento de muitos. Na eleição de 2008 o petista pegou um poste pequeno, de cara enjoada, natural da minúscula Angelim e o fez seu sucessor. Prestígio assim só o do Lula que elegeu uma mulher em 2010. O novo gestor, no entanto, cedo se revelou um traidor e péssimo administrador. Hoje, o Recife inteiro quer lhe ver pelas costas. O próprio PT dá sinais de querer ver-se livre dele. A última pesquisa do IBOPE mostra o caminho das pedras (ou dos Joões): João Paulo tem 47% das intenções de voto, João da Costa 16%, o ex-governador Mendonça Filho 9%, Raul Henry 5%, Daniel Coelho 4% e Raul Jungmann 3%.. Traduzindo esses números: o recifense deseja o João do Povo de volta e quer o João Traidor na quinta dos infernos. Quanto aos outros pré-candidatos, são meros figurantes, destinados a perder mais uma vez.

ESCLARECIMENTO - As postagens populares deste blog não são definidas pelo editor. São definidas pelos leitores. Toda vez que um post é muito lido e comentado automaticamente o Google o seleciona para a relação de "postagens populares".

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

GARANHUNS SOFRE TRÊS INCÊNDIOS NA SEMANA

Os bombeiros de Garanhuns têm tido muito trabalho. Só esta semana foram três incêndios na cidade. O mais grave deles aconteceu na Rua 31, na Cohab 1, atingindo seriamente a residência de José Xavier Ribeiro e Maria da Conceição. O imóvel deles foi totalmente destruído e o casal ficou desabrigado, juntamente com dois filhos menores.
A estudante de jornalismo Thayna Chaves, que mora na Cohab 1, na Rua B, Nº 28, próxima do local da tragédia, está fazendo um apelo à população de Garanhuns para que ajude a família de José Xavier. Qualquer informação pode ser obtida diretamente no endereço de Thayna ou pelo telefone 9630.7250.

(A foto tirada por moradores da Cohab 1 tenta registrar o incêndio que aconteceu no bairro).

OS ERROS DAS OPOSIÇÕES EM 2010 E 2011

Os partidos de oposição cometeram um erro fundamental em 2010, do qual não se recuperaram. Na verdade, dois. Não foi, apenas, o equívoco da candidatura Serra (na foto com a filha Verônica), em si, mas o modo como o ex-governador de São Paulo a posicionou e conduziu.

Tudo começou com uma leitura errada das pesquisas de intenção de voto. Mal lidas, deram a Serra a ilusão de que era favorito. Que Dilma não decolaria, apesar da popularidade de Lula.

Embalados por essa miragem, ele e seus apoiadores montaram uma campanha cuja única meta era a vitória. Não interessava construir uma imagem pessoal, muito menos partidária. Tudo era permitido, pois o resultado apagaria qualquer coisa que tivesse que ser feita para alcançá-lo.

Não ganhou, e a conta, que achava que não teria que pagar, chegou. Hoje, mal alcança 15% como candidato a prefeito de São Paulo, depois de ter sido deputado, senador, governador e de ter administrado a cidade (é fato que durante breves quinze meses). Sua rejeição é a maior, entre os mais de dez nomes que estão sendo testados.

(Talvez existam casos parecidos em outros países, de políticos que minguaram desse jeito. No Brasil, é o primeiro. Nunca tínhamos visto um esfarinhamento tão acentuado.)

Derrotadas na eleição presidencial, enfraquecidas no Congresso, divididas e cheias de quizílias internas, as oposições não conseguiram capitalizar a votação que Serra recebeu. Seus 44 milhões de votos, ao que parece, viraram fumaça. (Marcos Coimbra, diretor do Vox Populi, no Blog de Ricardo Noblat).

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DÁ CÂNCER?

A Lucinha Peixoto levanta em seu blog hoje uma questão curiosa. Ela pergunta: “Presidência da República dá câncer?”. A indagação é pertinente. Senão vejamos: só nos últimos tempos apareceram com a terrível doença o Hugo Chavez,  da Venezuela (que está no poder há uns 12 anos), o Lula (governante do Brasil 8 anos), a atual dirigente do País, Dilma Roussef e agora vem a notícia que a argentina Cristina Kirchner (foto) também está sofrendo do mesmo mal. Na avaliação da inteligente Lucinha os derrotados da campanha de 2010, José Serra e Marina da Silva, escaparam por pouco. Tem de arranjar um bom benzedor pra essa gente antes de assumir o comando de uma nação.

AMERICANAS E FERREIRA COSTA LIDERAM ENQUETE

A recente enquete do blog chega ao seu terceiro dia como começou: A Americanas como a loja preferida do internauta de Garanhuns ou região para fazer compras. Mas o grupo de Ferreira Costa está pertinho, no segundo lugar, apenas 12 votos atrás. O Pérola está em 3º lugar. Mais de 20% dos que votaram até o momento, no entanto, não ficam com nenhum dos estabelecimentos citados, que inclui ainda Jóia Magazine, Balagandã, Comercial Ramos e Nova Fátima. Pelo movimento da véspera de Natal, eu imaginava que a loja de Marinho ia vencer fácil, porém não é o que acontece até agora.

O FELIZ NATAL DE LAJEDO


Essa foto aí encontrei no Blog do Combate, do Pereira Filho com a colaboração da Fernanda Beatriz. Para quem não está reconhecendo o prédio trata-se da Prefeitura Municipal de Lajedo, a 33 km de Garanhuns. Lá o Natal foi demais. Tanto que escreveram "Felis Natal" assim, com S. O prefeito e a Secretária de Educação podem não ter nenhuma culpa neste atentado contra a Língua Portuguesa, mas que pega mal não tenho a menor dúvida. Professores que não gostam muito da Maria Emília não perdoam: Estão dizendo que em Lajedo se humilha até a gramática.

INTERNET DÁ CADEIA

O ativista chinês Chen Xi (foto), que participou dos protestos pró-democracia de 1989 na Praça Tiananmen, foi condenado a 10 anos de prisão na segunda-feira, dia 26. O tribunal da cidade de Guiyang, capital da Província de Guizhou, aplicou a sentença por instigação à “subversão do Estado”.
A esposa de Xi, Zhang Qunxua, disse à imprensa que a pena está relacionada a 36 artigos escritos pelo ativista e postados na internet.
Xi já foi condenado outras vezes pelo governo comunista da China. Ele ficou preso por três anos pelos protestos de 1989 e depois por mais uma década sob a acusação de “ofensas contrarrevolucionárias.”

Isso aí está acontecendo na China, que ainda vive sob o regime comunista. Felizmente, países da América do Sul - caso do Brasil, Chile, Argentina, Bolívia e Paraguai - que foram dominados por ditaduras até os anos 80, hoje respiram ares democráticos. Viva a democracia e abaixo todas as formas de ditadura, seja de direita ou esquerda!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

MÁFIA DO DEFUNTO EM REDE NACIONAL

Desde que o radialista Pereira Filho (Programa Combate) levantou o assunto, por conta de um e-mail recebido denunciando a existência de um "máfia do defunto" em Garanhuns, o fato vem interessando a imprensa estadual e nacional. Hoje mesmo esteve na cidade uma equipe da Rede Record de São Paulo para investigar o caso. Antes já tinha saído no SBT nacional. A Rede TV também vem por aí e a Globo deve mostrar uma reportagem no Bom Dia Brasil. É um tema escabroso e que dá medo em muita gente.

OS DONOS DA RUA

Os mototaxistas que fazem ponto no início da Rua Severiano Peixoto, em frente à Suíça, montaram uma barraca no local. Tomaram 90% do início da calçada e a maioria dos transeuntes quando vai passar tem de buscar o asfalto. Um desrespeito tremendo as pessoas. Sabemos que a vida desse pessoal que trabalha nesses veículos é cheia de sacrifícios e até perigosa. Mas nada justifica que se apossem de um espaço valioso do centro da cidade. Garanhuns já tem três ou quatro trechos importantes da Avenida Santo Antônio que são dos taxistas (foto), agora outra classes começam a tomar posse do seu chão. Precisa haver a intervenção do Poder Público para garantir o direito da maioria.

LIVRO PRIVATARIA TUCANA CAUSAS ESTRAGOS NO PSDB

O livro A Privataria Tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Júnior, continua rendendo. Apesar do boicote da grande imprensa, parece ter se transformado no grande fato político deste final de ano. O deputado pernambucano Sérgio Guerra (foto), incomodado pelos fatos revelados pelo livro, anunciou que vai processar tanto o jornalista quanto à editora Geração Editorial. Essa informação foi divulgada no Blog de Ricardo Noblat. No Tijolaço, de Brizola Neto, saiu uma resposta bastante apimentada. Confira:

“Acabei de conversar, por telefone, com o jornalista Luiz Fernando Emediato (Diretor da Geração Editorial) sobre o assunto.

‘Vivemos num sistema democrático e nos processar é um direito do PSDB”, afirma Emediato “Consequentemente, que o exercite, se julgar conveniente.’

‘Apenas advirto que o último a processar o jornalista Amaury Ribeiro Jr. se deu mal”, observa. “Além de ter resultado na inocência do jornalista, o processo fez com que ele tivesse acesso aos documentos da CPI do Banestado, que embasam parte do livro A Privataria Tucana.’

"Emediato refere-se a Ricardo Sérgio de Oliveira, ex- presidente da área internacional do Banco do Brasil na gestão FHC e tesoureiro de campanhas do PSDB, inclusive das de José Serra à presidência.

"Ricardo Sérgio entrou com processo contra Amaury por danos morais em função de reportagens nas quais o denunciou. O jornalista recorreu então a um procedimento chamado exceção da verdade, que lhe permitiu ter acesso a todos os documentos da CPI do Banestado que envolviam o Ricardo Sérgio.

"Em entrevista dada a esta repórter, Amaury Ribeiro Jr. já antecipou: “Com certeza, vou recorrer novamente à exceção da verdade para provar que tudo o que está em A Privataria Tucana é verdade. É só me questionarem”.

"Quanto à possibilidade de o PSDB processar a Geração Editorial e/ou o seu dono, Emediato retruca: “Eu trabalhei em várias campanhas do PSDB na década de 1990. Portanto, não me faltam documentos para eu me defender. Que venham os processos!”

LIVRO ESTÁ ENTRE OS MAIS VENDIDOS DO BRASIL

Lançado no dia 9 deste mês, o livro A Privaria Tucana chega hoje, dia 27, ao topo da lista dos mais vendidos do Brasil. A primeira edição, de 15 mil exemplares, não deu para quem quis. A segunda de 60 mil também voou. A editora prepara novas edições pois a procura é intensa. Em Garanhuns não se consegue ainda o livro e até nas livrarias do Recife está difícil. Minha filha vai à Cultura, ver se encontra lá. Com relação ao conteúdo do livro, a filha de José Serra, Verônica, tentou desqualificar o jornalista Amaury Jr. e se deu mal. Ela disse que não tinha problemas com a Lei e não é verdade. É só consultar o site da Justiça Federal de São Paulo para saber que ela está indiciada num processo. Aí está o endereço eletrônico que compromete a senhorita Serra:  (http://www.jfsp.jus.br).

GOVERNO PREMIA GARANHUNS NA ÁREA DOS ESPORTES

Os Esportes de Garanhuns estão em festa. Não se trata de mais uma conquista de Marcos Antônio ou um novo título do Tigre ou ainda mais uma glória de Carlos Tevano e seus grandes atletas. É que a Cidade foi agraciada com o Prêmio Atitude Campeã 2011, concedido pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Esportes.

Garanhuns conquistou a comenda por ter se destacado na categoria Esporte de Base e Rendimento e por ter conquistado o título de Campeão Geral dos JOCIPE. A entrega do Prêmio aconteceu no último dia 20 de dezembro, na Arcádia Paço Alfândega, em Recife. O Judoca Carlos Tevano representou o Município na solenidade.

Além do Município, a judoca garanhuense Raquel Ingred também foi homenageada com o prêmio Atitude Campeã 2011. A jovem atleta é pentacampeã Pernambucana; Tricampeã Brasileira Regional e Tricampeã Brasileira de Judô, além de se destacar também por conquistas internacionais, como: campeã Panamericana Juvenil Individual (Santiago no Chile) e o título de Melhor Atleta Juvenil das Américas pela União Panamericana de Judô.

O Atitude Campeã foi instituído pelo Governo do Estado para valorizar e reconhecer as conquistas de quem fez bonito o ano inteiro nos Esportes. Neste ano, o Atitude Campeã fez uma homenagem póstuma a Carlos Alberto Oliveira, que por muitos anos comandou a Federação Pernambucana de Futebol (FPF). O "oscar" do esporte pernambucano contou com a presença da Secretária de Esportes do Estado, Ana Cavalcanti. (Texto da Secretaria de Comunicação do Município).


BOAS FESTAS - O Blog agradece e retribui os votos de boas festas de alguns amigos e entidades, dentre os quais citamos: A professora Maria Almeida (Colégio Santa Joana Darc), o ex-vereador Audálio Ramos e o PSDC, professor Albérico Fernandes (Colégio Diocesano), diretores do espetáculo Jesus Alegria dos Homens, Nova Representações (Agência de Publicidade no Recife), Submarino, publicitário José Mário Correia,  Inove Comunicação e Eventos (Recife), professor Carlos Janduy,  Eliane Simões (Aesga), Fernando Couto  (CDL), Dra. Marta Júdice (Unimed), Ruy Sarinho (Recife),  jornalista Fátima Farias (Recife), blogueiro Paulo Pinto (Limoeiro), Saulo Bezerra (Bom Conselho),  José Sales  (Criança), vereador Sivaldo Albino, ex-prefeito Ivo Amaral, deputado estadual Izaías Régis, blogueira Lucinha Peixoto,  professor Augusto Souto, blogueira Patty Martins, blogueiro Wagner Marques, o empresário Givaldo Calado,  vereadora recifense Priscila Krause,  o senador Armando Monteiro, Eraldo Gleidson (São Bento do Una), Hilderlane, Aparecida e Socorro (Capoeiras),   Graça Barbosa, Expedita Lopes, Ulisses Pereira, Paulinho Brasileiro, Moraes de Carvalho, Marcos Leite, Marcela Valença e os que fazem o Partido dos Trabalhadores em Garanhuns.

FERNANDO HENRIQUE AMACIA PT E CRITICA PSDB

O ex-presidente Fernando Henrique deu uma entrevista a Globo News que impressionou o ex-deputado federal pernambucano Maurílio Ferreira Lima. Segundo ele, FHC foi sereno e passou uma aula de ciência política. O tucano revelou que aos 80 anos goza de excelente saúde e está inteiramente lúcido.

Fernando Henrique cutucou as oposições argumentando que a opinião pública está se lixando para o que acontece no Congresso Nacional. “Elas ficam confinadas em Brasília pedindo CPI, investigações disso e daquilo outro e querendo derrubar ministro”, criticou.

FHC acredita que a repercussão desses fatos fora do Congresso é zero. Segundo Maurílio Ferreira Lima, o ex-presidente foi muito carinhoso ao falar sobre Lula e respeitoso ao comentar a atuação da presidenta Dilma. Confessou estar surpreso positivamente com o desempenho da petista

“O PSDB não irá a canto algum com suas duas maiores lideranças brigando por vaidades”, concluiu o ex-presidente.

RÁDIO PAPACAÇA COMEMORA 20 ANOS DE INAUGURAÇÃO

A Rádio Papacaça, de Bom Conselho, está comemorando 20 anos de sua inauguração. Vai ter festa na cidade nesta quarta-feira, por conta de data tão significativa. O jornalista Magno Martins, do Recife, vai estar presente prestigiando o aniversário da emissora.

A Papaça é de propriedade do empresário Hélio Urquiza e seu primeiro gerente de programação foi o jornalista Ruy Sarinho, que hoje dirige a Empresa Sintonia, sediada no Recife.

Parabéns a todos que fazem a Rádio Papacaça nos dias de hoje!

FAFÁ DE BELÉM E JOSÉ AUGUSTO NA FESTA DE REIS

Uma das mais tradicionais festas do interior pernambucano começa no próximo dia 31, em São Bento do Una. A Festa de Reis tem inicio no final deste ano e só termina no dia 7 de janeiro de 2012. Serão, portanto sete dias com intensa programação religiosa e a apresentação de bandas populares. Dentre as atrações destaque para Banda Luará (31/12), Artistas Locais (1/1), Forrozão das Antigas/Mistura Musical (4/1), Gilberto e Banda/Fafá de Belém (5/1), Banda BL4/José Augusto/Expresso Jovem (6/1), Artistas Locais (7/1).

A Festa de Reis em São Bento do Una atrai muita gente da própria cidade, mesmo os que hoje moram na capital ou outros grandes centros, e também moradores de Recife, Caruaru, Lajedo, Belo Jardim, Garanhuns, Capoeiras, Jucati, Jupi e muitos outros municípios do Agreste.

Grande a expectativa, esta semana, para os shows de José Augusto e Fafá de Belém, consideradas as duas maiores atrações do evento.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

ÍSIS VALVERDE SERÁ PUTA NA PRÓXIMA NOVELA

Os gays têm tido mais espaço nas novelas de televisão do que as putas. Essas últimas, porém, vêm ganhando espaço. Débora Secco, que viveu Bruna Surfistinha no cinema, interpretou há pouco tempo um personagem na telinha que não passava de uma prostituta. No atual folhetim da Globo, no horário das 21h, tem  se eu não estou enganado uma ou duas “mulheres da vida”. O público deve estar gostando. Em mais um novela que está para estrear na emissora da família Marinho a atriz Ísis Valverde já está escalada como uma putana. Há muita hipocrisia e mentira, quase ninguém admite, mas a verdade é que elas – as prostitutas – exercem um verdadeiro fetiche, principalmente entre os homens. Acredito que quem não gosta de sacanagem tem algum problema de ordem psicológica. Claro que gostar só de sacanagem também não é normal.


O PT É AINDA PIOR DO QUE O PSDB

Para 30% dos internautas que votaram na última enquete deste blog o PT é ainda pior do que o PSDB. Apesar do resultado desfavorável aos petistas, a votação foi equilibrada. Tanto que 27% consideraram que os escândalos dos tucanos foram maiores do que os do atual governo. Outros 22% ficaram com a opção “todos os políticos são iguais, não dá para confiar, enquanto 19% preferiram a alternativa “o Brasil tem de pensar numa terceira via política.

O MARKETING POLÍTICO EM GARANHUNS

Garanhuns tem bons profissionais de marketing que vêm se destacando a cada campanha política. Uma das empresas já consolidada nesta área de comunicação é a Mídia Play, que na última eleição municipal fez os guias eleitorais de Alexandre Tenório (Iati), Gilvan (Saloá) e Dudu (Capoeiras), todos vitoriosos.  Em 2010 os mesmos marqueteiros trabalharam para Izaías Régis, Leonardo Dias, Alberto Feirosa e Claudiano Martins. Os quatro se elegeram, embora, claro, não tenham dependido só de Garanhuns. A Mídia Play está se preparando para ir ainda mais longe em 2012, com a melhor estrutura em termos de estúdio e material humano.

"Temos um estúdio de áudio completo com equipamentos de última geração, jornalistas, radialistas e marqueteiros para planejar as campanhas e dar assessoria aos candidatos, infra-estrutura de redação, locomoção, expediente e gravações externas", informa Carlos Gomes, o Carlinhos, um dos responsáveis pela Mídia Play. Segundo ele, pelo menos três candidatos a prefeito no próximo ano já procuraram o estúdio.

Além de Carlinhos (ex-funcionário da Rádio Jornal), a Mídia Play conta com profissionais do gabarito de Marcos Cardoso, Wando Pontes, André Costa, Fernanda Beatriz e do titular deste blog, jornalista Roberto Almeida.

EDUARDO CAMPOS E AÉCIO NEVES

O governador Eduardo Campos cresce e incomoda o PT. Tem o nome lembrado para compor a chapa majoritária em 2014 tanto como vice quanto como candidato a presidente da República. Em Pernambuco e outros Estados o neto de Miguel Arraes fortalece o PSB e deixa os petistas atordoados. Em alguns locais está mais próximo do PSDB do que do partido de Lula e Dilma. A presidenta, especulam pelos jornais, está atenta aos movimentos do governante pernambucano e não pretende "alimentar a cobra". É possível. Política é jogo de xadrez. Também é briga de cachorro com gato e gato com rato. Só Deus sabe o que pode acontecer quando vier a próxima eleição presidencial.

Dilma pode estar forte para a reeleição. Se virar um João da Costa o PT poderá chamar o Lula, caso este tenha superado o problema de saúde. Eduardo pode muito bem entre tapas e beijos ficar novamente com o PT, quem sabe sendo o vice de Lula ou Dilma. Se for mais tapa do que beijo e Aécio se viabilizar, ninguém estranhe Pernambuco e Minas Gerais juntos, com um belo discurso destacando as falhas petistas e chamando a atenção para o novo do PSDB (sem o Serra na cena política). Ainda é cedo para tudo isso? É, mas essas situações aí já estão sendo construídas. Dependendo dos movimentos dos personagens citados e dos humores da população se pode ir por um caminho ou pelo outro. Quem viver verá.

O RACHA TUCANO

José Serra desconfia que tem a mão do governador Aécio Neves no lançamento do livro A Privataria Tucana, que está entre os mais vendidos do país neste final de ano. A informação foi divulgada na imprensa sudestina e deixa claro o racha do PSDB. O ex-governador paulista quer dar uma de Lula e continuar tentando a presidência, mas os seus próprios companheiros de partido já o abandonaram e hoje a maioria dos tucanos fecha com o senador mineiro.
Sempre achei Serra um chato e agora está comprovado que ele é tão corrupto quanto muitos petistas que rasgaram o discurso da ética. Aécio é mais light como político, melhor administrador e transita bem entre diferentes partidos. Quando for para tirar o PT do poder melhor que seja com o político mineiro.

domingo, 25 de dezembro de 2011

CRIANÇA ACHA MARCO MELHOR DO QUE DOURADO

O bancário aposentado José Sales, conhecido popularmente em Garanhuns como Criança, aproveitou um post deste blog, tratando do "bombardeio" da mídia contra Antônio João, e enviou a notícia por e-mail ao prefeito de Angelim, Marco Calado (foto). Antes da nota, Sales escreveu o seguinte:

"Já que seu Município foi citado nos comentários abaixo, como lhe conheço de muito perto, pois fomos colegas de colégio, colega do Banco do Brasil, sou amigo e colega de rádio desde de 1960 de Zé Calado (seu genitor), e sabendo do grande administrador que você é, tomo a liberdade de também lhe lançar candidato a prefeito de Garanhuns, pois de todos os prefeitos das cidades vizinhas que são prefeitáveis da Cidade das Flores, você é quem tem mais credenciais e competência".

REVISTA CULTURAL - Caetano, Gadú, Vera Fischer e Chaplin

MÚSICA – Já tivemos grandes encontros na Música Popular Brasileira. Desses, saíram discos memoráveis, como os de Chico e Betânia; Chico e Caetano Veloso; Tom Jobim e Elis Regina.; Alceu Valença, Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Elba Ramalho. Neste ano de 2011 o Grande Encontro foi o de Caetano Veloso com Maria Gadú. Os dois artistas fizeram um show maravilhoso promovido pelo Canal Multishow e o resultado foi CD e DVD nota 10. O melhor ou um dos melhores do ano. Mesmo canções conhecidas ganharam nova roupagem e os dois cantores chegam a brincar com a voz, esbanjando talento. São 26 músicas de boa qualidade, porém destacaria o dueto perfeito em duas obras primas da MPB: Sampa e Trem das 11

LITERATURA – Muito bom o livro “A Menina que não sabia ler”, do inglês John Harding. Bem escrito, conta uma história que prende a atenção do início ao fim e tem um final dos mais interessantes. Cabe ao leitor definir se Florence, a personagem principal tem muita imaginação ou todos os fatos narrados no romance aconteceram de fato. O leitor poderá encontrar essa boa opção para as férias aqui na cidade mesmo por um preço bem em conta. Recomendado para leitores mirins e adultos.

O ETERNO CHARLES CHAPLIN – O Jornal do Commercio em novembro reuniu uma garotada do Recife para assistir “O Garoto”, uma das obras primas de Charles Chaplin. O resultado foi surpreendente: meninos e meninas de 10/12 anos, que nunca tinham ouvido falar em cinema mudo e preto e branco se deliciando com Carlitos. Fácil de entender porque o cineasta inglês não era só um artista talentoso. Foi um gênio. Muitos dos seus filmes podem ser vistos no Tele Cine Cult, da Sky. Hoje mesmo passou “Luzes da Ribalta”, outro grande filme, assim como Tempos Modernos, O Grande Ditador, Em Busca do Ouro e Luzes da Cidade.

VERA FISCHER NA TV – A atriz Vera Fischer completou 60 anos em novembro. E passou há pouco tempo 60 dias internada numa clínica de reabilitação no Rio de Janeiro. A ex-miss Brasil passou o Natal com a família e em 2012 deve estar de volta à televisão. A escritora Glória Perez, que gosta muito de Vera, já garantiu um papel à artista numa novela global que estreia no próximo ano.

EDUARDO CAMPOS E GARANHUNS

Pesquisa recente do IBOPE aponta Eduardo Campos como o governador mais bem avaliado do Brasil. O socialista tem perto de 90% da aprovação popular. Em Garanhuns, na eleição passada, o neto de Arraes obteve 93% dos votos da população do município. Por conta disso, alguns imaginam que Eduardo conseguirá eleger qualquer candidato na cidade, em 2012. A nosso ver não é bem assim. Avaliação de governo, eleição federal ou estadual e eleição municipal são coisas diferentes. Caso o governador apoie na Suíça Pernambucana um nome sintonizado com o povo, será vitorioso sim. Se tentar empurrar alguém com problemas de aceitação das classes alta, média e do povão, terá dificuldades. Seus 93% de 2010 não significarão muito em 2012. Na história recente de Garanhuns Jarbas bateu Arraes com uma diferença acachapante. No último pleito o mesmo Jarbas teve meros 4% na disputa pelo governo. Eduardo não é Jarbas, é certo, mas o eleitorado é o mesmo. Conservador nas eleições municipais, porém surpreendemente rebelde quando está em jogo o orgulho ou a soberania da cidade. Todos que se julgaram donos dos votos de Garanhuns até hoje se ferraram.

GRITOS E SUSSURROS - FILMES INESQUECÍVEIS - 72º


Ao escrever ou falar sobre cinema, como vimos fazendo neste blog, a cada final de semana, não poderíamos ignorar o nome de um dos maiores cineastas da história da sétima arte. Ingmar Bergman, que teve uma infância difícil, sofrendo até maus tratos do pai, quando se tornou adulto, homem de teatro, televisão e cinema, procurou através da arte “exorcizar seus demônios”.

O diretor viveu 89 anos, tendo nos deixado em 2007, com um legado de mais de 50 obras para o teatro, a TV e o cinema. Bergman se considerava homem de teatro, seus filmes refletem esse amor pelos palcos, porém foi através do cinema que ganhou projeção, fama e respeito.

Muitos de seus trabalhos viraram clássicos, tornaram-se cult, são relembrados em sessões de arte e estudados nas faculdades, nos livros e através da crítica cinematográfica.

Só para se ter um exemplo da importância de Ingmar Bergman, Woody Allen, o intelectualizado e reconhecido diretor de cinema americano é confesso admirador do sueco. Sofreu muita influência do europeu, tanto que alguns dos seus trabalhos, como “A Última Noite de Boris Grushenko” e “Interiores” são claramente inspirados no trabalho do sueco.

Da longa filmografia de Begman podemos citar “Morangos Silvestres”, um filme poético de 1957; O Sétimo Selo (56), Cenas de um Casamento (73), A Flauta Mágica (74), Face a Face (75), O Ovo da Serpente (77) e Fanny e Alexander, de 83, que ele considerou sua obra prima.

Na maioria dos seus filmes o diretor procurou perscrutar a alma humana. Ia fundo na investigação psicológica do ser humano, abordando questões essenciais como o sentido da vida, o amor, o sexo, a solidão, o angústia, o sofrimento, a morte.

“Gritos e Sussurros”, de 1972, é um dos seus trabalhos mais intrigantes e apaixonantes. Denso, difícil, possibilitando diferentes leituras; é uma obra que pode ser vista muitas vezes, para melhor compreensão e deleite.

Neste longa o universo feminino está em primeiro plano. São três irmãs: Agnes, que está muito doente; Karin, que parece perturbada e reprimida; e Maria aparentemente mais leve, talvez um pouco fútil em relação ao demais componentes da trama. Esta última é interpretada pela atriz Liv Ullmann, uma das preferidas do cineasta, que foi também uma das suas companheiras de vida.

Um personagem forte – e fica evidente a simpatia do diretor por ela – é Anna, a criada. Ela cuida de Agnes com muita dedicação durante 12 anos. Claramente fascina tanto a doente quanto as outras duas irmãs. Em alguns momentos o diretor sugere, através de imagens ou gestos, desejo sexual de Maria, Karin e mesmo Agnes por Anna. Tudo de uma forma sutil, sem evidências, mas o expectador não pode deixar de imaginar que as personagens querem se envolver mais fisicamente.

Gritos e Sussurros carrega nos tons vermelhos dos cenários, os personagens usam roupas brancas enquanto Agnes está viva e quando esta morre todas vestem preto. Bergman foca muito os rostos, as expressões de cada um, sempre colocando em primeiro plano as mulheres. Os maridos, o médico, os homens que aparecem nas cenas são anexos descartáveis, fazem apenas sombra, não influindo muito na história.

O filme causou profundo impacto no início dos anos 70 e tem uma cena que na época foi muito comentada. É quando Karin usa um pedaço de vidro, de um copo quebrado por ela mesmo quando estava à mesa com o marido, e introduz o objeto na vagina, como se estivesse se masturbando e sentindo prazer com o ato inusitado e um tanto selvagem.

Depois, quando está na cama e o esposo chega, ela está toda ensangüentada, tinha se cortado durante o desabafo ou protesto silencioso realizado longe do olhar do companheiro.

Esta obra de Bergman se passa a maior parte em ambientes fechados. Há algumas tomadas externas, paisagens bonitas vistas por apenas instantes e música clássica a embelezar determinados momentos. Predomina, no entanto, o drama, o desconforto, os traumas ou encucações das irmãs, as três infelizes e sem conseguir o entendimento.

Anna, a empregada dedicada e praticamente descartada no final, parece a mais sóbria e menos infeliz do universo feminino mostrado no filme.

“Gritos e Sussurros” não é um filme fácil. Não é para qualquer um. É cinema de arte. Produto que só vai agradar aos cinéfilos exigentes, dispostos a pensar, a rever, a ler alguma coisa a respeito do longa depois da sessão. Não diria coisa de intelectual – embora também seja -, e sim de pessoas sensíveis capazes de sair da mesmice, dispostas a acompanhar o estudo da alma humana, compreendendo que o mundo é cheio de surpresas, porque os homens e mulheres (principalmente estas) não são somente o que aparentam.

Existe muito mais. E isso só se descobre quando se vai a fundo e se dá um jeito de se ler a mente das pessoas. Isso Ingmar Bergman fez como ninguém em toda sua obra.

sábado, 24 de dezembro de 2011

DOIS LINDOS POEMAS DA NATAL



POEMA DO MENINO JESUS - Fernando Pessoa (Alberto Caeiro)

Num meio-dia de fim de Primavera
Tive um sonho como uma fotografia.
Vi Jesus Cristo descer à terra.
Veio pela encosta de um monte
Tornado outra vez menino,
A correr e a rolar-se pela erva
E a arrancar flores para as deitar fora
E a rir de modo a ouvir-se de longe.

Tinha fugido do céu.
Era nosso demais para fingir
De segunda pessoa da Trindade.
(...)

Um dia que Deus estava a dormir
E o Espírito Santo andava a voar,
Ele foi à caixa dos milagres e roubou três.
Com o primeiro fez que ninguém soubesse que ele tinha fugido.
Com o segundo criou-se eternamente humano e menino.
Com o terceiro criou um Cristo eternamente na cruz
E deixou-o pregado na cruz que há no céu
E serve de modelo às outras.
Depois fugiu para o Sol
E desceu no primeiro raio que apanhou.
Hoje vive na minha aldeia comigo.
É uma criança bonita de riso e natural.
Limpa o nariz ao braço direito,
Chapinha nas poças de água,
Colhe as flores e gosta delas e esquece-as.
Atira pedras aos burros,
Rouba a fruta dos pomares
E foge a chorar e a gritar dos cães.
E, porque sabe que elas não gostam
E que toda a gente acha graça,
Corre atrás das raparigas
Que vão em ranchos pelas estradas
Com as bilhas às cabeças
E levanta-lhes as saias.

A mim ensinou-me tudo.
Ensinou-me a olhar para as coisas.
Aponta-me todas as coisas que há nas flores.
Mostra-me como as pedras são engraçadas
Quando a gente as tem na mão
E olha devagar para elas.

(...)

Ele mora comigo na minha casa a meio do outeiro.
Ele é a Eterna Criança, o deus que faltava.
Ele é o humano que é natural.
Ele é o divino que sorri e que brinca.
E por isso é que eu sei com toda a certeza
Que ele é o Menino Jesus verdadeiro.

(...)

A Criança Nova que habita onde vivo
Dá-me uma mão a mim
E outra a tudo que existe
E assim vamos os três pelo caminho que houver,
Saltando e cantando e rindo
E gozando o nosso segredo comum
Que é saber por toda a parte
Que não há mistério no mundo
E que tudo vale a pena.

A Criança Eterna acompanha-me sempre.
A direcção do meu olhar é o seu dedo apontado.
O meu ouvido atento alegremente a todos os sons
São as cócegas que ele me faz, brincando, nas orelhas.

Damo-nos tão bem um com o outro
Na companhia de tudo
Que nunca pensamos um no outro,
Mas vivemos juntos e dois
Com um acordo íntimo
Como a mão direita e a esquerda.

Ao anoitecer brincamos as cinco pedrinhas
No degrau da porta de casa,
Graves como convém a um deus e a um poeta,
E como se cada pedra
Fosse todo o universo
E fosse por isso um grande perigo para ela
Deixá-la cair no chão.

Depois eu conto-lhe histórias das coisas só dos homens
E ele sorri porque tudo é incrível.
Ri dos reis e dos que não são reis,
E tem pena de ouvir falar das guerras,
E dos comércios, e dos navios
Que ficam fumo no ar dos altos mares.
Porque ele sabe que tudo isso falta àquela verdade
Que uma flor tem ao florescer
E que anda com a luz do Sol
A variar os montes e os vales
E a fazer doer aos olhos dos muros caiados.

Depois ele adormece e eu deito-o.
Levo-o ao colo para dentro de casa
E deito-o, despindo-o lentamente
E como seguindo um ritual muito limpo
E todo materno até ele estar nu.

Ele dorme dentro da minha alma
E às vezes acorda de noite
E brinca com os meus sonhos.
Vira uns de pernas para o ar,
Põe uns em cima dos outros
E bate palmas sozinho
Sorrindo para o meu sono.

Quando eu morrer, filhinho,
Seja eu a criança, o mais pequeno.
Pega-me tu ao colo
E leva-me para dentro da tua casa.
Despe o meu ser cansado e humano
E deita-me na tua cama.
E conta-me histórias, caso eu acorde,
Para eu tornar a adormecer.
E dá-me sonhos teus para eu brincar
Até que nasça qualquer dia
Que tu sabes qual é.

Esta é a história do meu Menino Jesus.
Por que razão que se perceba
Não há-de ser ela mais verdadeira
Que tudo quanto os filósofos pensam
E tudo quanto as religiões ensinam ?

Fernando Pessoa (Alberto Caeiro)


PESSOA E BETÂNIA - Caso você tenha gostado deste poema e queira apreciá-lo ainda melhor, clique nas palavras Pessoa e Betânia, em maiúscula. Assim você vai acessar um vídeo do yotube com a cantora Maria Betânia declamando com muita emoção os versos do poeta português. No final ela ainda arrasa com a música "O Doce Mistério da Vida".


POEMA DE NATAL - Vinícius de Moraes

Para isso fomos feitos:
Para lembrar e ser lembrados
Para chorar e fazer chorar
Para enterrar os nossos mortos -
Por isso temos braços longos para os adeuses
Mãos para colher o que foi dado
Dedos para cavar a terra.

Assim será a nossa vida:
Uma tarde sempre a esquecer
Uma estrela a se apagar na treva
Um caminho entre dois túmulos -
Por isso precisamos velar
Falar baixo, pisar leve, ver
A noite dormir em silêncio.

Não há muito que dizer:
Uma canção sobre um berço
Um verso, talvez, de amor
Uma prece por quem se vai -
Mas que essa hora não esqueça
E por ela os nossos corações
Se deixem, graves e simples.

Pois para isso fomos feitos:
Para a esperança no milagre
Para a participação da poesia
Para ver a face da morte -
De repente nunca mais esperaremos…
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas
Nascemos, imensamente.

PAULA FERNANDES É ELEITA A MAIS MAL VESTIDA DO ANO

A cantora mineira Paula Fernandes foi eleita pelos leitores de UOL Estilo a famosa mais mal vestida de 2011, com 32,55% dos 25.002 votos recebidos pela enquete do portal.

O estilo de Paula é marcado pelos vestidos, curtos ou longos, com fendas e muita tule, usados tanto nos palcos e quanto nos tapetes vermelhos no Brasil e no exterior.

Paula foi seguida pela também cantora Nicki Minaj, que costuma extrapolar o limite da caricatura com suas peças repletas de estampas e texturas. Em 3º lugar, ficou a atriz Claudia Raia. (Fonte Portal UOL).

Aqui pra nós: A Paula é bonitinha, tem muita voz e alguma coisas boas no repertório. Mas em determinadas ocasiões se veste de uma forma muito brega mesmo. Nas três fotos acima a artista exagerou no visual. Não é à toa que os internautas a elegeram como "a mais mal vestida de 2011".

IZAÍAS DÁ UM CHEGA PRA LÁ NOS BOATOS

Partidários da pré-candidatura de Antônio João Dourado (PSB) tem procurado espalhar na cidade o boato de que Izaías Régis (PTB) não será candidato à Prefeitura de Garanhuns. Tanto o petebista quanto Zé da Luz têm sido vítimas dessas conversas, sempre com alguém dizendo que eles não disputarão a eleição, por conta de pressões do Palácio das Princesas. Procurado pelo repórter, o deputado estadual procurou dar um "chega pra lá" nessas especulações.

"Sou candidato e não abro para assombração nenhuma. Minha intenção é disputar a prefeitura, vencer, formar uma grande equipe com as melhores cabeças de Garanhuns e realizar a melhor administração que este município já teve", disparou Izaías Régis, como quem manda um recado aos adversários.

O parlamentar lembrou que é o líder das últimas pesquisas, é um aliado do governador Eduardo Campos e não tem porque abrir do seu projeto. "Conto inclusive com o apoio integral do senador Armando Monteiro", reforçou Izaías.

O deputado não parece muito preocupado com outros pré-candidatos, mas dá uma atenção especial às articulações com outros partidos e setores diversos da sociedade garanhuense. Por enquanto não está atrás de nomes de vice, para compor a chapa, pois acha que isso virá no momento certo. Elogia, porém, os nomes que têm aparecido bem nas pesquisas e enquetes pela internet. "Dr. Dimas, Sivaldo Albino, Zaqueu Naum, Rosa Quidute e Geová Barros aparecem com destaque. São todos grandes quadros políticos e por isso têm o respaldo da população", salientou o petebista.

ZÉ DA LUZ - O ex-vereador Joaci Laurindo, um dos políticos de Garanhuns que defende a candidatura de Zé da Luz à sucessão municipal, disse ao blog que o ex-prefeito também será candidato. Perguntamos então por que o representante do PHS não está aparecendo tanto na cidade, fazendo o seu trabalho político. "Com o capital político que ele tem no município Zé só precisa começar sua campanha a partir de junho ou julho de 2012. Mas ele será candidato sim e vai vencer a eleição", disse o confiante Joaci.

Bienal

Bienal