Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

O ADEUS A CID SAMPAIO

Cid Sampaio foi eleito governador de Pernambuco no final da década de 50. Fez uma campanha memorável e com o apoio das esquerdas provocou uma reviravolta na política do Estado. A história registra que fez uma boa administração. Com o golpe de 1964, filiou-se à Arena. Disputou o senado por uma das sublegendas desse partido, em 1978, perdendo a eleição para Nilo Coelho. Quatro anos depois, se uniu novamente aos progressistas, tentando se eleger senador, desta feita pelo PMDB, na chapa de Marcos Freire governador. Perdeu novamente e foi sumindo do noticiário. Viveu quase 100 anos, o nosso El Cid. Morreu hoje de madrugada e foi sepultado à tarde, em Paulista, sendo reverenciado por todas as lideranças pernambucanas: Eduardo Campos, Jarbas Vasconcelos, Marco Maciel, Roberto Magalhães, Gustavo Krause, Armando Monteiro, João da Costa e João Paulo. Cid não teve a mesma importância de Arraes, de quem foi contraparente e adversário no campo ideológico. Mas com sua partida está virada mais uma página da história política pernambucana. (Na foto Cid numa de suas últimas apareições públicas, na Faculdade Maurício de Nassau, em Recife, ao lado de Janyo Diniz)

DATAFOLHA SE APROXIMA DO IBOPE

Está na Folha de São Paulo de hoje: "A candidata à Presidência da República Dilma Rousseff (PT) conseguiu estancar a tendência de perda de intenções de voto dos últimos 20 dias e mantém seu favoritismo na atual disputa eleitoral.

Segundo pesquisa nacional do Datafolha, encomendada pela Folha e pela Rede Globo e realizada ontem e anteontem com 13.195 eleitores, Dilma oscilou positivamente um ponto em relação ao último levantamento e tem 52% dos votos válidos na projeção para o primeiro turno.

Seu principal adversário, José Serra (PSDB), oscilou um ponto para baixo e tem hoje 31% dos votos válidos. Marina Silva (PV) também variou negativamente um ponto, e está com 15%".

*Estranho que o Datafolha tenha feito uma pesquisa com números diferentes do IBOPE e Vox Populi e um dia ou dois depois tenha feito outra, com nova metodologia, corrigindo as possíveis falhas apontadas por José Roberto de Toledo (ver artigo em postagem abaixo). Neste último levantamento, se aproxima mais dos outros institutos e sinaliza que não teremos mais segundo turno. Teria havido manipulação na pesquisa do início da semana? Essa última é a certa, para a empresa ligada ao jornal não ficar desmoralizada? São perguntas que ficam no ar. O tradicional Estado de São Paulo pelo menos tomou uma atitude decente: publicou em 1ª página um editorial assumindo que apoia a candidatura de José Serra. Se todos os veículos de imprensa agissem assim teríamos menos hipocrisia e desonestidade.

DEFESA DE IZAÍAS

 Mesmo já tendo publicado a versão do deputado Izaías Régis sobre o epísódio ocorrido na Cohab II, a sua assessora de imprensa no Recife, jornalista Fátima Farias, enviou mensagem ao Blog defendendo o parlamentar e apontando uma certa má vontade da imprensa local com relação ao petebista. O texto da profissional é elegante e não fere ninguém. Apenas ela faz a sua queixa contra o possível gosto pelas notícias negativas de todos nós, no que está no seu direito. Os governantes, os políticos em geral normalmente só gostam de elogios. Qualquer coisa escrita registrando uma falha, alguma coisa errada desagrada. Sempre foi assim e não vai mudar. A jornalista, porém, defende suas ideias com convicção e honestidade profissional, por isso seu texto segue publicado na íntegra, logo abaixo:

Roberto,

Algumas pessoas em Garanhuns não têm sido verdadeiras com o deputado Izaías. Tomei conhecimento do que anda acontecendo. Das falsas palavras/atitudes colocadas prá vocês jornalistas e radialistas espalharem através dos blogs e da mídia em geral. O engraçado nisso tudo é que ninguém gosta de ser porta-voz das boas notícias. Agora, o que não presta, algum desentendimento que houve por menor que seja é logo difundido e com aumento do acontecido. Durante os quatro anos da legislatura do deputado, essas pessoas que gostam de falar e que são incapazes de abrir a página da ALEPE pela internet e acompanhar diariamente o que o deputado faz no plenário. Nunca se interessaram em saber o que ele está buscando pra melhorar a região, apesar de divulgarmos na mídia de rádio, carro de som, blog e outros, para quem gosta de falar mal, qualquer coisa é insuficiente. O importante é falar mal. Não é porque trabalho com ele, mas uma grande qualidade do deputado é lutar com unhas e dentes pela região e principalmente pela "minha Garanhuns" como ele a chama carinhosamente.

Algumas pessoas estão se deixando enganar pelas falsas promessas do deputado que está de passagem pela região em busca do voto e que promete o que ele nunca poderá cumprir. Sei que não se pode agradar a gregos e troianos ao mesmo tempo, mas tenha a certeza que todos esses absurdos que estão acontecendo em Garanhuns, em sua grande maioria, estão sendo implantados por pessoas que estão na política para tirar proveito próprio.

Pela consideração e respeito que tenho tido com você e com seu trabalho é que tomo a liberdade de me expressar dessa forma. Assim que se passarem as eleições não terei mais prazer em acompanhar nenhum blog de Garanhuns por não serem transparentes, nem confiáveis e nem andarem ao lado da verdade. Acho que um único que vou sempre dar uma espiadinha será o seu. O que será uma pena. Apesar de você trabalhar com o Prefeito Dudu, fiquei triste por saber que você vota em duas pessoas incomuns a você e que não fazem parte da realidade de Garanhuns, onde você fica boa parte do seu tempo e onde você mantém um maior relacionamento. Eu voto em Izaías, mas não voto em todos de sua coligação. É um direito que me assiste. E não se esqueça o nosso voto está na nossa consciência. Isso é nosso e ninguém toma.

Um forte abraço,

Fátima Farias

TRISTEZA EM GARANHUNS

O Colégio Santa Sofia e Garanhuns estão de luto. A morte trágica de Matheus Nogueira (foto), 16 anos, esta semana causou uma comoção no educandário e na cidade. O adolescente era aluno do terceiro ano do segundo grau da tradional casa de ensino e estudava lá desde o primeiro grau menor. Na missa de corpo presente, ontem à tarde, na quadra do Santa Sofia, nem o bispo Dom Fernando Guimarães e os padres que o acompanhavam resistiram à tristeza da família: todos choraram. Matheus era neto de Geraldo e Mariquinha, da Ótica São Geraldo, pessoas extremamente religiosas e queridas na Suíça Pernambucana. A eles, aos pais, a todos da família, a solidariedade do blog. Que Deus dê forças a vocês neste momento tão difícil.

CÂMARA DE CAETÉS ESTÁ DE CARA NOVA

As novas instalações da Câmara Municipal de Caetés (foto), inauguradas no início da semana pelo presidente da Casa, vereador Armando Duarte, são motivo de orgulho para os vereadores e os moradores do município. O prédio ficou bonito, moderno, amplo, oferecendo condições de trabalho aos parlamentares e facilitando o acesso da população. Fui convidado pelo pedetista para a solenidade de inauguração, na segunda-feira, mas não pude estar presente e peço desculpas ao vereador através do blog. Uma curiosidade: seis vereadores ligados ao Poder Executivo deixaram de prestigiar a própria Casa da qual fazem parte por questões políticas.

PROTESTO EM CAPOEIRAS


Conforme o Blog de Capoeiras informou e foi notícia ontem à noite até na TV Asa Branca, moradores da cidade fizeram um protesto contra a desativação do principal campo de futebol do município. Na verdade o movimento teve uma clara conotação política, por conta da aproximação do dia da eleição. O Estádio Carlos Rios, construído há mais de 30 anos, vai deixar saudades. Eu mesmo já joguei muito futebol no local. Acontece que o mesmo hoje está numa localização imprópria, junto ao Colégio Municipal e cercado de casas. É um transtorno para muita gente. No espaço será contruída uma creche no valor de R$ 1.300 mil, um posto do PSF e ainda será aberta uma rua, desafogando o trânsito no dia da feira. O prefeito Dudu sabe que o campo é importante e já está escolhendo um terreno para construção de um novo e moderno estádio, que sirva aos desportistas. O que não pode é se perder uma verba de mais de um milhão, que não aparece numa cidade pequena todo dia. (Na foto o prefeito Dudu, a esposa Celina, Alberto Feitosa e o ex-prefeito Aluízio).


PISO DO PROFESSOR

A postagem sobre Capoeiras paga piso salarial ao professor teve até o momento 12 comentários, dois inclusive do Recife. O professor Augusto Souto pediu explicações sobre o PCC com relação ao número de horas trabalhadas. A professora Josevalda Cavalcanti, Secretaria de Educação do Município, atendeu a solicitação do profissional de ensino de Garanhuns:

"Vale registrar a forma democrática como todo o processo de implantação do piso se deu, com o acompanhamento direto da comissão formada pelos proprios professores.
Esclarecendo:

O piso nacional para professores com 40h/a é de R$ 1.024,67; o nosso ficou em R$ 1.144,80.
Para os professores de 30h/a (no nosso caso, os de Educação Infantil e séries/anos iniciais do Ensino Fundamental)o piso nacional é de R$ 768,50 (fazendo a proporcionalidade); o nosso ficou em R$ 821,50".

Profª Josevalda Cavalcanti-Secretária de Educação de Capoeiras

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

IBOPE NÃO BATE COM O DATAFOLHA

Nova pesquisa do IBOPE, concluída esta semana, mostra discrepância em relação aos números do Datafolha. Os números do tradicional instituto estão mais de acordo com o Vox Populi e sinalizam para uma vitória de Dilma Roussef (PT), ainda no primeiro turno. Abaixo transcrevemos um artigo do cientista político José Roberto de Toledo, publicado hoje no insuspeito blog do Noblat, do Jornal o Globo:


ENTRE O IBOPE E O DATAFOLHA
-  por José Roberto de Toledo

Pesquisa Ibope/CNI concluída na segunda não confirma tendência de queda de Dilma Rousseff (PT) e mostra a petista com 55% dos votos válidos, o que lhe daria a vitória ainda no primeiro turno. Segundo o instituto, desde o final da semana passada, Dilma permaneceu com 50% do total de votos, José Serra (PSDB) oscilou de 28% para 27%, e Marina Silva (PV) manteve a tendência de crescimento e foi de 12% para 13%.

O resultado contrasta com a queda de Dilma apontada pelo Datafolha na sua pesquisa feita integralmente na segunda-feira. Essa é uma das diferenças entre as duas sondagens: a coleta do Ibope foi dividida em três dias, de sábado a segunda (cerca de mil entrevistas foram feitas no último dia), enquanto no Datafolha toda a pesquisa de campo foi realizada na própria segunda.

Outra diferença é a metodologia: como a maioria dos institutos, o Ibope entrevista os eleitores em casa, enquanto o Datafolha faz as abordagens na rua. Isso pode produzir diferenças na amostra, pelo tipo de eleitor que cada um capta: um mais “rueiro” no Datafolha, e um mais “caseiro” no caso do Ibope. Eles podem ter comportamentos eleitorais diferentes.

Se, como aponta o Datafolha, houvesse uma tendência de queda, tanto a data de campo quanto o método de coleta poderiam, em tese, fazer alguma diferença. Os dados do Ibope, que apenas indicam que Marina segue crescendo, mostram consistência quando analisados pelas diferentes faixas de renda e escolaridade do eleitorado.

*Na foto Carlos Augusto Montenegro, diretor do IBOPE.



IZAÍAS FALA SOBRE EPISÓDIO NA COHAB

Tive hoje o primeiro contato com o deputado estadual Izaías Régis (PTB) depois dos problemas ocorridos na Cohab II. Com base em informações de moradores do bairro, noticiei que houve uma confusão durante uma caminhada do parlamentar pelas ruas do Conjunto Francisco Figueira. O petebista nega que tenha havido briga ou tumulto. Segundo ele o próprio Roberval, suplente de vereador, pode atestar essa versão. Izaías entende que estão querendo derrotá-lo na eleição de domingo e por isso ficam criando essas coisas. Lembra que é a terceira campanha sua à Assembleia Legislativa e nunca teve nem causou problemas. Quem instituiu essa prática beligerante no município, segundo o deputado, foi outra pessoa. Não disse nome, mas dá para desconfiar de quem ele está falando.O parlamentar disse que o vereador Sivaldo Albino não precisa ficar pregando o discurso de paz, como se os outros fossem de briga. "Eu também sou de paz", garante, admitindo, no entanto, que não pode deixar de registrar as provocações.
Pessoalmente, quero deixar claro aqui não ser contra a eleição de Izaías Régis nem de Zé da Luz. Apenas registro os fatos como são passados e posso eventualmente cometer erros ou enganos. Ninguém é infalível. Tanto no blog quanto no Jornal Correio Sete Colinas tenho defendido que a população de Garanhuns deve votar em massa nos candidatos realmente com raízes no município e região. Tanto não misturo as coisas que os deputados em quem voto nesta eleição - Inocêncio Oliveira e Alberto Feitosa - apareceram em três ou quatro postagens, enquanto Izaías, Zé da Luz e Sivaldo foram citados mais de 50 vezes cada um.
Garanhuns, com quase 90 mil eleitores, não pode ficar sem deputado. O povo do município deve se conscientizar e votar maciçamente em quem defende a nossa terra. Gostaria, inclusive, de votar neles também, mas como meu domicílio eleitoral é em Capoeiras e estou ao lado do prefeito Dudu, fico com seus candidatos. Mas torço, de coração, pelo sucesso de Izaías, Sivaldo e Zé da Luz.
*Na foto um flagrante de Izaías Régis com eleitora,  durante uma de suas caminhadas.

BARRADOS PELA LEI

O blog do Jamildo, do Jornal do Commercio do Recife, publicou esta semana, com base em informações do site Congresso em Foco, a relação dos "barrados pela Lei da Ficha Limpa em Pernambuco". Dela fazem parte vários ex-prefeitos, como Newton Carneiro, Humberto Barradas (os dois de Jaboatão), Jacilda Urquiza (Olinda) e Cecílio Galvão (Belo Jardim). Eis a relação completa divulgada pelo jornalista da capital:

1- André Luiz Rangel de Farias (PRP)
2- Antonio Valdi de França Sales (PSDB)
3- Carlos Vicente Arruda da Silva (PHS)
4- Cecílio Barbosa Cintra Galvão (PSB)
5- Charles Lucena (PTB)
6- Humberto Barradas (PHS)
7- Jacilda Urquisa (PMDB)
8- José Augusto Maia (PTB)
9- José Batista do Nascimento (PMDB)
10- Luiz Geraldo Caboclo dos Santos (PHS)
11- Malba Lucena (PTC)
12- Manoel Teixeira de Lima (PSDC)
13- Newton D'Emery Carneiro (PP)
14- Paulo Apolinário da Silva Junior (PRP)
15- Zé da Luz (PHS)

E SE TIVER SEGUNDO TURNO?

Nas mãos das duas mulheres está o destino do Brasil

A última pesquisa do Vox Populi destoa um pouquinho do Datafolha. Pelo primeiro instituto, Dilma se manteve com 49%, Serra foi a 25% e Marina parou de crescer. Recuou um ponto e cravou em 12%. A petista, apesar da queda, está na frente no levantamento das duas empresas e também pelo IBOPE. Mas já não se tem certeza de que a eleição presidencial acaba domingo. Continuo imaginando que o debate na TV Globo, amanhã, será decisivo. Cabe então perguntar: E se houver segundo turno? Neste caso, Marina Silva terá desempenhado um papel importante no processo e terá ainda mais peso na definição de quem será o próximo presidente. Possivelmente, na segunda hipótese (de 2º turno), passarão à nova etapa José Serra e Dilma Roussef. A reprentante dos verdes, é quase certo, será cortejada pelos dois lados, mas pela sua história política dificilmente ficará contra o presidente Lula. Foi ministra do homem, filiada ao PT durante 30 anos. É difícil imaginar ela junto de Índio da Costa, ACM Neto, Marco Maciel, Jorge Bornhausen, Artur Virgílio, esse pessoal todo. Marina poderá ser o fiel da balança, exercer o papel de Garotinho e Ciro Gomes em 2002, quando garantiram a primeira eleição de Lula à presidência. A ex-ministra do Meio Ambiente pode fazer mudar os rumos do futuro governo do Brasil. Principalmente se houver segundo turno. Mas tudo ainda pode acabar domingo. Ainda temos quatro dias pela frente.

NOVAS SUGESTÕES PARA O PARQUE ECOLÓGICO

Na postagem abaixo escrevemos sobre uma carta recebida pelo blog. O presidente da CODEMA, Marcos Renato Marcos, também recebeu uma correspondência. Assinada por Sérgio Roberto de Melo Souto. Se não estou enganado é o garanhuense filho de Bastinho, que hoje trabalha em Maceió, mas está sempre ligado nos assuntos de sua terra natal. Ele escreveu ao Conselho de Defesa do Meio Ambiente de Garanhuns para fazer sugestões de nomes ao futuro Parque Ecológico da cidade. Na sua opinião, se for um nome pessoal é justo homenagear Amílcar da Mota Valença. "Foi um homem público que ainda na época de 60 fez um bom trabalho de arborização no município", justifica.

"Caso o nome do novo parque seja impessoal, acredito que tenha que ser um que substitua no imaginário popular a referência sementeira, desta forma sugiro nomes como Parque Municipal do Vale do Mundaú, Parque Municipal do Mundaú, Parque Municipal Serra Branca, Parque Municipal da Várzea ou ainda Parque Municipal Nascentes do Mundaú, escreveu Sérgio Roberto, contribuindo com esta discussão que tanto interessa a Garanhuns.

A CARTA DE ALZIRA DO HOSPITAL

A ex-vereadora Alzira Andrade, conhecida também como Alzira do Hospital, entrou em contato com o responsável por este blog. Estava satisfeitíssima com a lembrança do nome de Gedécio Barros. Aproveitou para informar que também está fazendo sua parte, apoiando os candidatos do PR em Garanhuns: Inocêncio Oliveira e Alberto Feitosa. Gentilmente, ela manda a cópia de uma carta que está enviando para centenas de moradores da cidade. Na correspondência fala do seu trabalho no Hospital Dom Moura, da dedicação à comunidade e pede, "de coração", a quem não tem compromisso que vote também nos seus deputados. Todos os candidatos de Alzira são da Frente Popular de Pernambuco e como muitos ela sonha em ver Dilma como a primeira mulher presidenta do Brasil. Está feito o registro.

PREFEITURA INVESTE NO DIA DA CRIANÇA

O Dia das Crianças é no Parque da Alegria.

É com esse tema que a Prefeitura de Garanhuns vem trabalhando nos preparativos da festa das crianças no Município. Uma estrutura composta por equipamentos de lazer e diversão, como cama elástica, brinquedos infláveis, roda gigante, carrossel, gincanas, distribuição de brindes, palhaços, atividades esportivas; apresentações de Bandas Marciais e shows artísticos com temas infantis está sendo montada no Parque Euclides Dourado, para que, gratuitamente, a criançada possa vivenciar um dia inesquecível. A programação acontece no dia 12 de outubro, no horário das 13 às 17 horas.

A expectativa é que cerca de três mil crianças sejam atendidas neste dia. Para tanto, a Prefeitura vai disponibilizar banheiros químicos, área coberta, e espaços para possíveis atendimentos médicos, dotados de ambulância e enfermeiros. Postos de distribuição d´água também estarão à disposição do público que visitar o Parque neste dia.

“Contaremos com a participação da Guarda Municipal, Policia Militar, Corpo de Bombeiros e do Conselho Tutelar, além de uma equipe de enfermagem, equipada de ambulância e monitores que atuarão na organização das filas para cada equipamento de diversão. A meta é garantirmos uma festa bonita e segura para as crianças que visitarão o Euclides Dourado neste dia”, registra o secretário de Comunicação Social e Esportes, Carlos Eugênio, que coordena o Evento.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

POR QUE TANTA IMPLICÂNCIA COM TIRIRICA?

O comediante Tiririca virou alvo de pancada de uma parte da imprensa do Sul por ter-se lançado candidato a deputado federal pelo Estado de São Paulo. Alegam que um palhaço nascido no Ceará e supostamente semi analfabeto não poderia ter assento no Congresso por não conhecer sequer as atribuições de um parlamentar. E consideram um verdadeiro absurdo que ele esteja cotado para obter nas urnas cerca de 1 milhão de votos, garantindo para o seu partido (PR) mais duas ou três cadeiras.

Ora, diferentemente do Senado, que representa os estados, a Câmara é por excelência a casa do povo e nela devem estar representados todos os segmentos da população: empresários, sindicalistas, evangélicos, católicos, ruralistas, ambientalistas, etc. Por essa lógica, que não foi inventada por ele e sim pelos constituintes de 1988, a candidatura de Tiririca é tão legítima quanto à de Roberto Freire (que também disputa mandato por São Paulo), Maluf, José Genoíno, José Aníbal ou Luíza Erundina.

Pelo desejo de intelectuais como o professor Marco Antonio Villa, da Universidade de São Carlos, um homem do povo não poderia ter assento na Câmara Federal porque não conhece a Constituição nem sabe elaborar projetos de lei. Mas para que servem as assessorias? A Câmara não pode ser uma casa apenas de bacharéis. Além do mais, Tiririca não está pedindo a ninguém para ser nomeado. Ele está apenas colocando o seu nome à disposição do eleitor. Que votará nele se quiser, e não obrigado.(Jornalista Inaldo Sampaio, Folha de Pernambuco).

MAIS INCENTIVO À LEITURA EM GARANHUNS

Com o objetivo de formar novos leitores, chamando a atenção para a importância de oferecer leitura desde a primeira infância, a Biblioteca Comunitária Ler é Preciso – Professor Maurílo Campos Matos, no Centro Cultural estará oferecendo entre os dias 7 e 14 de outubro, as crianças das Comunidades Quilombolas, CRAS da Boa Vista e Escola Ana Barros, seu mais novo Projeto, intitulado: Ler é Bom, Ouvir é Melhor.

A iniciativa antecipa as comemorações da Semana Nacional da Leitura, que será vivenciada no dia 12 de outubro. “A nossa idéia é de que as crianças levem os livros para casa e os pais possam ler para elas ou vice-versa. Essa é uma maneira de incentivar o hábito da leitura e estreitar laços entre pais e filhos”, destacou Verônica Alves, umas das coordenadoras da Biblioteca Comunitária Ler é Preciso.

CAPOEIRAS PAGA PISO NACIONAL AO PROFESSOR

Deste este mês de setembro o município de Capoeiras está pagando o Piso Nacional de Salários aos professores de 1ª a 4ª e de 5ª a 8ª. Graças aos esforços da secretária Josevalda Cavalcante o Governo de Dudu é um dos primeiros do Agreste Meridional e do Estado a implantar o novo Plano de Cargos e Carreiras, beneficiando todos os profissionais de ensino da cidade e zona rural. O pagamento foi feito a partir do último dia 22 e os salários ficaram assim: Uma professora iniciante de 1ª a 4ª recebeu R$ 821,50; Se tiver pós-graduação e 20 anos ou mais de serviço ganhou 1.110,81. O professor de 5ª a 8ª no início de carreira ficou com 1.144,80 e se tiver mestrado ou doutorado chega a R$ 1.547,97. Tem mais: o plano é retroativo e até o final do ano todas as professoras e professores receberão a diferença. Dará uma boa bolada para cada profissional de ensino.
Professora em Capoeiras está ganhando mais do que em Olinda.  Pelo que estou informado Garanhuns ainda não mandou seu PCC para a Câmara de Vereadores.

SIVALDO DEFENDE CAMPANHA SEM BRIGAS

O vereador Sivaldo Albino (PPS), candidato a deputado estadual, está elaborando um panfleto onde defende uma campanha política sem brigas ou agressões, baseada em propostas. O parlamentar estava ontem à tarde com seus assessores mais próximos discutindo essa ideia, quando recebeu a notícia da confusão na Cohab II. Teve a certeza, então, que está no caminho certo ao propor a paz entre os candidatos.

DATAFOLHA MOSTRA TENDÊNCIA DE 2º TURNO

A última pesquisa divulgada pelo Datafolha, nesta terça-feira à noite, mostra que a eleição de presidente da República, domingo, pode ir para o segundo turno. A candidata do PT, Dilma Roussef, caiu em todas as regiões do país e sua diferença para a soma dos demais concorrentes ao cargo é agora de apenas dois pontos percentuais. A petista soma 46%, José Serra (PSDB) tem 28% e Marina Silva (PV), conquistou 14%. Considerando apenas os votos válidos a governista chega aos 51%, o tucano sobe a 32% e a representante dos verdes totaliza 16%. Nesta nova realidade, o debate entre os presidenciáveis, quinta-feira, na TV Globo, deverá ser decisivo para definir se vai ou não haver segundo turno na eleição presidencial.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

CAMINHADA NA COHAB TERMINA EM CONFUSÃO

Uma caminhada realizada pelo deputado estadual Izaías Régis, hoje à tarde, na Cohab II, terminou em confusão. A briga envolveu o suplente de vereador Roberval, que mora no bairro, com correligionários do parlamentar. Segundo populares até a esposa do rapaz, a professora conhecida como Zeti, terminou sendo agredida. A polícia foi acionada e o político do Conjunto Francisco Figueira chegou a ser detido. Alguém que participava da passeata deu tiros para o alto e houve correria. 
Roberval teve perto de 1500 votos para vereador na eleição passada. Era eleitor de Izaías Régis, mas na atual campanha está apoiando Leonardo Dias. Num discurso feito na Cohab II, dias atrás, o deputado acusou o suplente de vereador de ter se vendido depois de ter sido ajudado por ele. Este hoje aproveitou para tomar satisfações e a partir daí começou a briga. Lamentável que na reta final de campanha Garanhuns viva uma situação desse tipo.

MARINA CHEGA AOS 13%

A pesquisa do Vox Populi/Band/IG desta segunda-feira mostrou que a candidata do PV à presidência, Marina Silva, continua crescendo. Ela chegou aos 13% das intenções de voto e já está na frente de José Serra no Rio de Janeiro e no Distrito Federal. A candidata do PT, Dilma Roussef, manteve o índice de 49%, contra 24% do representante do PSDB. Por esses números a eleição de domingo será decidida no primeiro turno. A grande esperança das oposições agora de forçar um segundo turno é um crescimento ainda maior da candidatura de Marina.

PESQUISAS MOSTRAM COMO GARANHUNS VOTA

Os três candidatos que serão mais bem votados em Garanhuns - Zé da Luz, Izaías Régis e Sivaldo Albino - têm pesquisas sobre o comportamento do eleitor do município. Hoje uma fonte passou ao repórter os dados de dois levantamentos estatísticos diferentes, cada um encomendado por determinado candidato. Os números são parecidos. Estão próximos também do prognóstico feito pelo economista Antônio Medeiros, publicado há pouco no blog de Calvino. Confiram o que me passaram: O ex-prefeito de Caetés, que concorre à Assembléia Legislativa pelo PHS, continua em primeiro lugar. Tem de 28 a 30%. Mas já teve mais de 40%. Com essa confusão junto ao TRE e o trabalho dos outros caiu cerca de 12 pontos. O deputado do PTB vem em segundo, somando entre 23 e 25%. Chegou a ter 30 pontos. O vereador do PPS, que começou desacreditado e muitos apostavam que iria repetir a votação para a Câmara, foi o único que cresceu. Tinha menos de 5%, no início, e no momento oscila de 14 para 16%. Mantidos esses percentuais, no dia da eleição todos somarão mais um pouquinho. Assim, se essas pesquisas não derem errado, no próximo domingo Zé da Luz terá em torno de 20 mil votos (pouco mais ou pouco menos), Izaías Régis passará de 15 mil e Sivaldo poderá chegar aos 12 mil. A coligação do ex-prefeito deve eleger três e o último pode chegar até com 20 mil votos. O partido do vereador está cotado para eleger o mesmo número de parlamentares estaduais. Quem encostar nos 20 mil está praticamente eleito. O PTB de Izaías exige mais. A coligação é forte e com menos de 40 mil votos está fora. Anote aí que não estou fazendo prognóstico: é uma análise baseada em pesquisas que devem estar bastante próximas da realidade.

UPA CHEGA A CARUARU. E GARANHUNS?


Caruaru ganha hoje uma Unidade de Pronto Atendimento, UPA, que irá funcionar 24 horas, com 18 leitos e capacidade para atender 500 pessoas por dia, nas áreas de clínica médica, traumato-ortopedia e pediatria. Foram investidos R$ 6 milhões na clínica, que irá desafogar um pouco a situação caótica do Hospital do Agreste. Cabe uma perguntinha para os políticos de Garanhuns: Por que Caruaru já tem SAMU há um tempão, recebe nesta segunda esta UPA e nós não somos lembrados neste ponto, apesar de aqui ser a terra do presidente?

NERVOSISMO MARCA DEBATE NA RECORD

No debate entre os presidenciáveis, na Rede Record, o nervosismo predominou nos bastidores. Os petistas queriam que Dilma Roussef estivesse menos tensa e mais sorridente. Antônio Palloci, coordenador da campanha do PT, chegou a levar um tombo, no intervalo do primeiro para o segundo bloco. Índio da Costa, vice de Serra, estava irritado com o desempenho do tucano. "Não está indo bem. Estão fazendo pesquisa qualitativa. Na hora em que ele fala dizem: o filho da p...não responde", chegou a lamentar o democrata. Marina Silva, que pousa de pura e santa nesta campanha, foi questionada pela primeira vez: Quando foi criticar corruções na Casa Civil lembraram a ela que também foram denunciados casos de falcatruas no Ministério do Meio Ambiente. É pra ficar todo mundo nervoso mesmo.

PAULO CAMELO TEM PROPAGANDA ROUBADA

Candidato a deputado federal pelo PSOL, o engenheiro garanhuense Paulo Camelo não tem a mesma estrutura de outros postulantes ao Congresso Nacional. Sem os recursos de um Jorge Corte Real ou Ana Arraes, faz campanha na base do sacrifício e do idealismo. Mesmo assim, andam roubando os seus cavaletes de propaganda eleitoral. Já foram três nos últimos dias. A quem o Paulo está incomodando para fazerem uma malvadeza dessas?

OS INTELECTUAIS DIVIDIDOS

Há divisões entre os intelectuais brasileiros com relação ao atual momento político. Alguns, permanecem apoiando o Governo Lula e criticam seus pretensos inimigos. É o caso do teólogo Leonardo Boff (foto à direita), um dos expoentes da linha progressista da Igreja Católica, e que terminou por se desligar de Roma devido a suas posições esquerdistas. Um trecho do que ele escreveu outro dia:

"Precisamos dar o nome a esta mídia comercial. São famílias que, quando veem seus interesses comerciais e ideológicos contrariados, se comportam como "famiglia" mafiosa. São donos privados que pretendem falar para todo Brasil e manter sob tutela a assim chamada opinião pública. São os donos de O Estado de São Paulo, de A Folha de São Paulo, de O Globo, da revista Veja, na qual se instalou a razão cínica e o que há de mais falso e chulo da imprensa brasileira. Estes estão a serviço de um bloco histórico assentado sobre o capital que sempre explorou o povo e que não aceita um Presidente que vem desse povo. Mais que informar e fornecer material para a discussão pública, pois essa é a missão da imprensa, esta mídia empresarial se comporta como um feroz partido de oposição. Na sua fúria, quais desesperados e inapelavelmente derrotados, seus donos, editorialistas e analistas não têm o mínimo respeito devido a mais alta autoridade do país, ao Presidente Lula. Nele veem apenas um peão a ser tratado com o chicote da palavra que humilha".

Um dos maiores poetas do Brasil, ex-integrante do Partido Comunista Brasileiro, Ferreira Gullar (foto à esquerda)  hoje está do outro lado do expectro político. É crítico do PT e seu governo e liderou, dias atrás movimento favorável as liberdades democráticas e contra as pretensões "totalitárias" do partido governista. O trecho abaixo sintetiza o seu pensamento:

"Faz parte deste processo a mitificação da figura de Lula que, no curso de sua história pessoal, passou de líder raivoso a Lulinha paz e amor e agora -para meu espanto- à categoria de grande estadista, que teria mudado a face do Brasil. Nessa linha de raciocínio, vem se formando a teoria segundo a qual quem se opõe a Lula opõe-se na verdade ao povo brasileiro, uma vez que ele é o primeiro presidente, "que veio do seio do povo". Trata-se de um argumento curioso, que busca qualificar o indivíduo -no caso, um líder político- por sua origem social de classe. Digo curioso porque os que assim argumentam consideram-se obviamente de esquerda, mas não se dão conta de que, com esta postura, repetem as elites do passado, que também qualificavam os indivíduos por sua classe social de origem. Naquela visão -que a esquerda definia como reacionária-, quem tivesse origem nobre era tacitamente superior a quem não o tivesse. Agora, na sua inusitada avaliação, superior é quem nasce do seio do povo e, por isso, quem critica Lula coloca-se, na verdade, contra o povo. E povo - entenda-se - é só quem for pobre".

domingo, 26 de setembro de 2010

GERALDO VANDRÉ ONTEM E HOJE

Geraldo Vandré compôs pelo menos duas músicas antológicas, verdadeiras obras primas. Ambas são bastante conhecidas. A primeira delas, Disparada, tem uns versos assim: 

Prepare o seu coração /Prás coisas/ Que eu vou contar/Eu venho lá do sertão/Eu venho lá do sertão/ Eu venho lá do sertão/ E posso não lhe agradar...
Aprendi a dizer não/ Ver a morte sem chorar/ E a morte, o destino, tudo/ A morte e o destino, tudo/ Estava fora do lugar/ Eu vivo prá consertar...

A segunda, Pra não Dizer que não Falei de Flores, vem sendo entoada por diferentes gerações pelo conteúdo “revolucionário”:

Caminhando e cantando/ E seguindo a canção/ Somos todos iguais
Braços dados ou não/ Nas escolas, nas ruas/ Campos, construções
Caminhando e cantando/ E seguindo a canção...

Vem, vamos embora/ Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora/ Não espera acontecer..

Pelos campos há fome/ Em grandes plantações
Pelas ruas marchando/ Indecisos cordões/ Ainda fazem da flor
Seu mais forte refrão/ E acreditam nas flores/ Vencendo o canhão...

Depois de 40 anos calado, sumido, Geraldo Vandré resolveu dar uma entrevista ao jornalista Geneton Moraes (você pode acessar no blog do repórter, que está entre os meus favoritos, à direita). O cantor e compositor está irreconhecível ( e não é porque está com 75 anos). É melhor lembrá-lo pelo seu passado, pelas músicas que fez décadas atrás.

*Na primeira foto, Geraldo Vandré criativo e rebelde (anos 60); na segunda, ao completar 75 anos, flagrado pelo jornalista Geneton Moraes.

FILMES INESQUECÍVEIS XXIII


CINEMA PARADISO

UM HINO DE AMOR AO CINEMA – Nas listas de melhores filmes de todos os tempos, muitos cinéfilos ou críticos não terão dificuldades de incluir Cinema Paradiso, a obra prima do diretor italiano Giuseppe Tornatore. Lançado em 1988, o longa chegou ao Brasil no ano seguinte e foi um tremendo sucesso de público, arrastando multidões às salas de exibição das grandes cidades e ficando até meses em cartaz em alguns lugares.

Passados tantos anos, a produção italiana e francesa permanece atual, tanto pode ser apreciada pela carga dramática, pelo lado cômico, por ser um documento de uma época, ou por homenagear de forma tão poética a grande arte do século XX, o cinema.

Embora a história desse filme se passe na Itália, numa pequena cidade da região da Sicília, sua mensagem é universal e muito do que se rola na trama leva povos de diferentes países a se identificar com o trabalho de Tornatore.

Acredito que qualquer cinquentão como eu, que viveu sua infância numa das cidades pequenas no entorno de Garanhuns – Bom Conselho, Lajedo, Jupi, São João, Canhotinho, São Bento do Una, Capoeiras ou Caetés – viveu situações semelhantes as que são narradas em Cinema Paradiso.

Lembro que na minha terra, acho que na época ainda um distrito de São Bento, havia uma pequena sala de cinema de um senhor chamado Otacílio. Às vezes nós tínhamos que levar as cadeiras de casa para poder assistir o filme. Na hora do beijo, num faroeste ou romance exibido na tela, impreterivelmente o proprietário do estabelecimento colocava a mão na fita e não deixava o público ver a “cena pornográfica”.

Tenho quase certeza que em outras cidades aqui da região as pessoas viveram momentos semelhantes, pois os municípios do Agreste (e do interior em geral) têm muitas características muito parecidas. Em Garanhuns, honestamente, não sei dizer se isso acontecia, pois quando era criança a cidade já tinha “cinemas de verdade”, como o Glória, depois o Jardim, o Veneza e o Eldorado, que felizmente renasceu há cinco anos (a Suíça Pernambucana ficou mais de 20 anos sem uma única sala de exibição).

No belo Cinema Paradiso quem exerce o papel de censor e não deixa passar as cenas de beijos ou outras mais "calientes" é o padre da cidadezinha italiana. E numa parte do filme, como acontecia no interior do Brasil nos anos 60, muitos levam cadeiras de casa para assistir uma estréia muito aguardada.

A história do longa se passa logo depois da segunda guerra mundial, pouco antes da chegada da televisão. Em meados da década de 40 o cinema era mesmo a maior diversão, reunindo as pessoas numa grande sala como hoje a TV junta os casais ou a família em casa mesmo, para acompanhar a novela, uma minissérie ou o telejornal.

Não tinha televisão, ninguém sonhava ainda com celular ou internet, faltavam estradas interligando as cidades, a expectativa de vida num país como o Brasil era em torno de 40 anos de idade. O cinema trazia as notícias, alimentava as fantasias, provocava risos e choro, mantinha a esperança...

A obra de Tornatore, é importante esclarecer, não retrata um capítulo da história da arte cinematográfica só do ponto de vista das cidades médias ou pequenas. Haverá uma identificação também dos moradores das grandes metrópoles. Em Recife, nossa capital, também houve uma época de glória para os cinemas, que se espalhavam no centro e pelos bairros, como em Casa Amarela, Afogados, Torre, Cordeiro, etc. A partir de certo momento todas as casas de exibição começaram a virar supermercados ou templos de igrejas evangélicas. 

Cinema Paradiso mostra que o processo foi o mesmo na Itália (ou o Brasil repetiu o que aconteceu na Europa, nos Estados Unidos e na maior parte do mundo): havia paixão pelos filmes, a vida de muitas pessoas nas cidades girava em torno da fábrica de sonhos e vieram as novidades – a maior delas foi a televisão – e mudaram tudo, de modo que o cinema deixou de ter tanta importância no dia-a-dia de homens e mulheres.

Mas o filme italiano-francês não é bom só por fortalecer a sétima arte, registrando o peso que tinha em determinada época. Esse é um elemento forte, inclusive com muitas citações de personagens extremamente importantes na área cinematográfica. Assistindo Cinema Paradiso, você se depara o tempo todo com cartazes ou imagens de Humphrey Bogar e Ingrid Berman (Casablanca), John Wayne, Chaplin, O Gordo e o Magro, Fred Astaire, Luchino Visconti e atores ou diretores europeus ou americanos.

Independente de tudo isso, porém, Paradiso, narra de forma bastante simples uma boa história, com direção impecável, trilha sonora brilhante e atores escolhidos a dedo. Merece destaque, especialmente, o Totó quando criança, interpretado por Salvatore Cascio, e o Alfredo, um personagem cativante, que deu a Philippe Noiret vários prêmios na categoria de Melhor Ator.

O filme já abre conquistando quem o acompanha com uma bela visão de mar, uma varanda, um jarro e a música envolvente. Surge pouco depois o Salvatore já maduro, rico e de ar um tanto triste. A companheira avisa que a mãe ligou dando a notícia da morte de Alfredo. Então tudo volta ao passado e estamos na cidadezinha em que o Cinema Paradiso era o centro dos acontecimentos. Vamos conhecer o gracioso Totó e sua sofrida mãe, o bondoso Alfredo, o padre Adelfio e mais uma galeria de curiosos e apaixonantes personagens, sem faltar nem mesmo o louco de cidade pequena. 

O longa de Giuseppe Tornatore, pelas suas qualidades, conquistou o público e a crítica no mundo inteiro. Ganhou o Oscar de Melhor Filme estrangeiro em 1990, recebeu o Grande Prêmio do Júri e a Palma de Ouro em Cannes, na França, recebendo ainda troféus no Reino Unido, na Itália e no Japão.

Se você ainda não viu procure uma locadora ou mande baixar na internet. Se quer rever faça o mesmo caminho. Cinema Paradiso é um filme imperdível e inesquecível.

O MONITOR VÊ SIVALDO COM MAIS CHANCES

O jornal O Monitor publicou uma reportagem, em sua última edição, que está sendo usada pelo vereador Sivaldo Albino como panfleto de campanha.. É que o periódico considera o representante do PPS como o que tem "mais chances de se eleger" na eleição do próximo domingo. O argumento é que o parlamentar precisa apenas de pouco mais de 20 mil votos para chegar à Assembléia, enquanto Zé da Luz enfrenta complicações na justiça e Izaías Régis necessita de 45 mil votos. "Basta a população de Garanhuns acreditar e votar maciçamente em Sivaldo que ele se elege", sintetiza O Monitor. (Na ilustração, a reportagem de O Monitor usada como planfleto).

IZAÍAS E LUIZ CARLOS FAZEM CAMINHADA

Luiz Carlos e Izaías durante a caminhada

Izaías Régis está eufórico. Confira só o que foi postado no seu blog, neste final de semana:

A manhã neste sábado em Garanhuns foi completamente diferente. Centenas de pessoas participaram da caminhada da vitória por Izaías Régis e Jorge Corte Real. Foi uma das maiores manifestações políticas que Garanhuns já pôde ver. Izaías Régis conseguiu unir cidades do Agreste Meridional numa mesma caminhada: Brejão, Paranatama, Caetés, Capoeiras, São João, Calçados, Angelim, Saloá, Bom Conselho, Correntes, Terezinha e gente de todos os bairro de Garanhuns, cada um com seu representante.

O deputado Izaías Régis estava muito satisfeito: "que caminhada maravilhosa fizemos!!! Vamos continuar caminhando junto para o desenvolvimento de Garanhuns e das cidades do Agreste Meridional. Muito obrigado a todas as pessoas que participaram conosco! Eu só tenho agradecer a todos de Garanhuns e do Agreste Meridional, pelo carinho e pelo respeito. E vamos juntos à luta para a vitória no dia 03 de outubro!"


FERNANDO HENRIQUE DÁ O TROCO A SERRA

Em entrevista ao jornal britânico "Financial Times", o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (foto) admitiu a possibilidade de Dilma Rousseff (PT) ser eleita presidente.

"Isso vai nos impedir de desenvolver mais rapidamente. Mas isso não vai levar o Brasil para trás. A sociedade é muito forte para isso", completou o ex-presidente, ao ser questionado o que isso significaria.

Faltando apenas uma semana para as eleições vem o ex-presidente e reconhece que o PSDB pode perder... Só tem uma explicação pra isso: FHC está se vingando de Serra por ele ter escondido as realizações do seu Governo e a própria figura do líder tucano na campanha. Fernando Henrique é muito inteligente e não daria uma entrevista dessas sem um objetivo específico.

sábado, 25 de setembro de 2010

MAIS UMA DO TIRIRICA

Não se pode ignorar quem está cotado para ser o deputado federal mais bem votado do país. O Tiririca, como apontam as pesquisas, pode bater na marca de um milhão de votos em São Paulo. Palhaço de circo, o humorista se tornou conhecido no Brasil graças à televisão. Este ano resolveu entrar na política, convidado pelo PR. Como se comporta nos programas políticos da TV quase todo mundo já está informado. Hoje, no entanto, o candidato é destaque no Portal UOL por conta de um gibi distribuído em suas caminhas pelas ruas de Sampa. Ne revista em quadrinhos estão as propostas que o futuro parlamentar vai defender em Brasília. Ele aborda a questão dos idosos, dos homossexuais e se compromete a defender a verdade na capital federal. Até aí tudo bem. O gibi, no entanto, ao lado das ideias sérias de Tiririca, traz um balãozinho com brincadeiras consideradas polêmicas.Numa página tem um casal de velhos e a frase: "Os idosos do Brasil não foram esquecidos por Tiririca". Na parte cômica está escrito: "Essa véia ainda dá um caldo". Mais na frente aparece uma imagem de uma mulher e um rapaz. Ele supostamente é gay. O candidato assume o compromisso: "Lutar por homens, mulheres e gays". Ao lado, a brincadeira: "Menino Lindo"! Tem um quê de novidade nisso que ele está fazendo. Mas não dá para esperar muito do artista no Congresso Nacional.

ELDORADO TEM QUATRO FILMES EM CARTAZ

O Cine Eldorado de Garanhuns tem quatro filmes em cartaz para quem está atrás de um bom programa, neste final de semana. "Nosso Lar", o bom longa nacional baseado em livro de Chico Xavier, ganhou mais uma semana de exibição e como em todo o Brasil vem encantando o público com sua mensagem positiva. Também permanece o filme de ação The Karatê Kid, com Jackie Chan. Temos, ainda, duas estreia:s a comédia romântica Amor à Distância e o infantil Como Cães e Gatos 2. É se informar dos horários e escolher uma dessas boas opções. (Na foto a atriz Drew Barrymore, de Amor à Distância).

DILMA MANTÉM VANTAGEM DE 22 PONTOS

A última pesquisa do IBOPE sobre a corrida presidencial, mostra que a candidata do PT, Dilma Roussef, mantém uma boa distância do seu principal concorrente na disputa, o ex-governador José Serra (PSDB). A petista está 22 pontos à frente do tucano, tendo se estabilizado em 50%, contra 28% do seu oponente. Marina Silva (PV) chegou aos 12%.Com esses números a governista venceria no primeiro turno. Como no Datafolha, porém, a distância diminuiu em relação a soma dos candidatos somados. Pelo IBOPE, Dilma tem 9 pontos a mais que seus concorrentes.

GRANDES NOMES DA MPB XLI


Maysa morreu em 1977, com apenas 41 anos de idade. Não fosse o acidente na Ponte Rio-Niterói, que lhe tirou a vida tragicamente, poderia estar ainda entre nós. Idosa, curtindo os netos, quem sabe teria se livrado do vício do álcool...?

Natural de Botafogo, no Rio de Janeiro, Maysa Figueira Monjardim nasceu no dia seis de junho de 1936. Seus pais, Alcebíades e Inah Monjardim, pertenciam a uma rica e tradicional família do Espírito Santo.

O senhor Alcebíades era fiscal de rendas e morou no Rio de Janeiro, em Bauru e outras cidades do interior de São Paulo. Fixou-se depois na maior metrópole do país.

Pré-adolescente, Maysa já se apaixonava pela música, tendo aos 12 anos feito sua primeira composição, o samba canção “Adeus”, que interpretava ao piano. Com apenas 18 anos a jovem casa com André Matarazzo, quase 20 anos mais velha do que ela. O marido pertencia a tradicional família da elite industrial paulista, formada por milionários.

Em 1956, grávida de Jaime Monjardim - que no futuro seria talentoso diretor de novelas da extinta TV Manchete (autor de Pantanal) e depois da TV Globo -, Maysa conhece o produtor musical Roberto Corte Real. Este fica encantado com sua voz e de imediato lhe convida para gravar um disco.

Ela só espera o nascimento do filho e depois entra em estúdio, gravando o seu primeiro disco, em 1956. O marido, no entanto, é contra a carreira artística da esposa e esse desentendimento vai levar ao fim o casamento. Maysa estava à frente do seu tempo: entre a vida certinha de dona de casa e a música prefere a segunda opção e segue em frente.

Separada, a artista teve relacionamentos diversos, que normalmente vazavam para a imprensa. Namorou o ator Carlos Alberto, o maestro Júlio Medaglia,o produtor Ronaldo Bôscoli (este deixou Nara Leão por Maysa). Teria tido um caso até com Roberto Carlos, segundo relata o historiador Paulo César Araújo na biografia proibida do cantor mais popular do país. Em 1963 conhece um advogado espanhol, Miguel Azanza. Casa pela segunda vez e vai morar na Europa, onde passa seis anos.

Volta ao Brasil em 1969, está livre novamente, prossegue sua vida artística, como cantora e atriz.

Maysa era uma excelente intérprete do samba canção e de boleros. Tinha uma voz suave, melancólica, triste, doce. Posteriormente, deixou um pouco o estilo “dor de cotovelo” e foi uma das representantes da Bossa Nova, um gênero mais leve. Considerada pela crítica especializada uma das grandes cantoras do país, fez sucesso no Brasil e no exterior, tendo excursionado por vários países da América Latina e da Europa.

Entre as músicas que mais marcaram a carreira de Maysa Monjardim estão Felicidade Infeliz (de sua autoria), Bom Dia, Tristeza (de Adoniram Barbosa e Vinícius de Moraes), Tristeza (de Haroldo Lobo e Niltinho) e Bloco da Solidão (Evaldo Gouveia e Jair Amorim). Também foram marcantes sua interpretação de Eu Sei que Vou te Amar, de Tom Jobim, e Chão de Estrelas, de Orestes Barbosa. Desta última existe um registro de uma apresentação inesquecível da cantora no programa Fantástico, da TV Globo.

A emissora do Rio de Janeiro, por sinal, é responsável pelo resgate do nome de Maysa, que estava esquecida pelos mais velhos e era completamente desconhecida das novas gerações. O ano passado, a televisão exibiu com grande sucesso a minisérie “Maysa – Quando fala o Coração”, curiosamente dirigida por Jaime Monjardim, o filho da cantora, que foi criado pela avó. Segundo a imprensa, foi uma oportunidade dele exorcizar seus traumas de menino “abandonado” pela mãe.

Entre LPs e compactos simples, a cantora gravou mais de 30 discos. Chegou a incluir músicas em trilhas sonoras de novela, como aconteceu quando da primeira versão de Irmãos Coragem. Foi contemporânea de Dolores Duran e Ângela Maria, já abordadas nesta série, estando no mesmo nível das duas.

Maysa Monjardim, Maysa Matarazzo, como foi chamada durante uns tempos, ou simplesmente Maysa, foi uma grande cantora. Merece, sem nenhuma dúvida, entrar para a galeria de Grandes Nomes da MPB. (Principais Fontes de Consulta: Site Alma Carioca e Enciclopédia Google). 

**VÍDEO: Você pode acessar um vídeo do youtube clicando no nome de Maysa, acima, todo em mais maiúsculo. Escolhemos a interpretação incrível de Ne Me Quitte Pas, uma canção francesa que já foi gravada por muitos cantores brasileiros, como Angela Ro Ro, Roberta Miranda e Fagner (este último traduziu a letra).No caso de Maysa, a música ficou tão bonita com ela que o consagrado cineasta espanhol Pedro Almodóvar incluiu na trilha sonora do seu filme A Lei do Desejo, de 1987. Confira a beleza de interpretação.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

A VOZ DAS RUAS

Continuo me recusando a dizer/escrever quantos votos terá Izaías Régis, Zé da Luz, Sivaldo, Leonardo Dias, Jorge Corte, Ana Arraes, Inocêncio Oliveira, Fernando Ferro e os outros candidatos a deputado estadual e federal que buscam voto em Garanhuns. Vou expressar, apenas, o que fala a voz das ruas, embora eu não tenha conversado assim com tanta gente pois saio pouco de casa. Os que escutei, no entanto, dizem mais ou menos a mesma coisa. Que a filha do governador Eduardo Campos será majoritária no município, Jorge Corte Real terá em torno de cinco mil votos, Sérgio Guerra ficará perto dessa votação, Leo Dias passará de cinco mil, Sivaldo terá entre oito e 11 mil votos, Izaías ficará entre 12 e 15 mil, Zé da Luz caminha para ser majoritário na cidade. Tem gente contabilizando até 20 mil votos para o ex-prefeito de Caetés. Se for assim, tá na cara que o povo não está preocupado se ele pode ou não assumir o mandato futuramente. Caiu nas graças da população e fim de papo.Claro, podemos ter surpresas. Mas é sempre bom respeitar a voz das ruas. Seja feita a vontade popular.

PREFEITURA PRESENTE CHEGA À COHAB 3

A Prefeitura de Garanhuns promove segunda-feira, dia 27, no Conjunto Zí Ferreira, no bairro Dom Hélder Câmara ( Cohab 3), o lançamento oficial do Núcleo Casas Populares, do Projeto Prefeitura Presente. Nesta nova etapa, 75 crianças e adolescentes, do sexo masculino, na faixa etária entre 8 e 16 anos, serão beneficiados com atividades de futsal. Já no próximo dia 18 de outubro, cerca de 60 meninas, também daquela localidade, passarão a ser contempladas pelo Projeto.

O Projeto Prefeitura Presente contempla as crianças com atividades de escolinha de futebol, através do oferecimento, totalmente gratuito, de assistência médica e odontológica; acompanhamento psicológico, bem como de todo o material esportivo necessário para a prática esportiva. Em todas as atividades, a garotada recebe lanche e tem acompanhamento de professores de educação física e monitores capacitados na prática esportiva. A ação governamental já beneficia 580 crianças das comunidades de Manoel Chéu, Liberdade, Indiano, Magano, Cohab 3 e Parque Euclides Dourado.

“Todas as crianças passam por avaliação médica e são encaminhadas aos postos de saúde para a realização de tratamentos odontológicos. Também contamos com a participação dos alunos em palestras feitas por psicólogos ligados aos CRAS, abordando valores sociais. O Prefeitura Presente também viabiliza atividades culturais para as crianças matriculadas”, salienta o Secretário de Comunicação da Prefeitura e Coordenador do Projeto, Carlos Eugênio.

GEDÉCIO REFORÇA CAMPANHA DE INOCÊNCIO

O ex-vereador de Garanhuns Gedécio Barros levou uma verdadeira comitiva a Capoeiras (leia nota abaixo) para prestigiar a visita do deputado Inocêncio Oliveira aquela cidade. Além dele e da esposa Sônia estavam presentes a ex-vereadora Alzira Andrade, prof. Nelma (Colégio São Cristóvão), Dr. Rangel (advogado), Tereza Bezerra (Sindicato), Sandra Barros, Rosa Rodrigues e Zé do Leite, ex-prefeito de Saloá.
Gedécio apoia em Garanhuns as candidaturas de Inocêncio Oliveira e Alberto Feitosa (PR). O ex-vereador acredita que seu federal terá em torno de três mil votos no município e o estadual cerca de 1500 votos.O ex-prefeito Bartolomeu Quidute, que também esteve em Capoeiras, começou a pedir votos para os candidatos do PR nesta reta final de campanha.

A POLÍTICA FERVE EM CAPOEIRAS

O prefeito Dudu deu uma manifestação de força, hoje pela manhã, ao reunir em sua casa de Capoeiras, próxima ao centro da cidade, centenas de pessoas para receber os candidatos Alberto Feitosa (deputado estadual) e Inocêncio Oliveira (federal), ambos do PR (foto). A maioria dos presentes era do município mesmo, com pessoas das zonas urbana e rural. Alguns políticos de Garanhuns, Caetés, Venturosa, São Bento do Una, Saloá e outras cidades da região também foram prestigiar o ato político. Na oportunidade foi comemorado o aniversário de Henrique (Rico), filho de Dudu e Celina. Inocêncio e Feitosa chegaram a Capoeiras pouco depois do meio dia.

O ex-prefeito e ex-deputado Carlos Batata (DEM) fez uma caminhada na feira de Capoeiras, hoje, acompanhado de seus candidatos a deputado, Mendonça Filho e João Mendonça, ambos do Democratas. Além desses dois parlamentares, o ex-dirigente do município apoia Serra, Jarbas, Marco Maciel e Raul Jungman.

Dilma, Eduardo, Armando e Humberto Costa são apoiados na cidade vizinha por todo o grupo de Dudu e também pelo ex-prefeito Nenen, embora este último hoje esteja mais próximo de Batata, por conta das questões locais.

O JORNAL NACIONAL

O Jornal Nacional dedicou até 10 minutos por noite para falar do caso da Receita e de Verônica Serra, a filhinha querida do papai, que teve o seu sigilo violado (o povo conhece mais a palavra violentado). O mesmo JN abriu amplo espaço para Erenice, filho, pai, mãe, tia, genros e noras. Bonner, ontem à noite, com jeito meio constrangido, leu uma nota de três ou cinco segundos sobre a escolha do filme brasileiro que irá concorrer ao Oscar. Nenhuma imagem, nenhum destaque. É aquela velha história: "O que é ruim a gente mostra, o que é bom a gente esconde".

LIBERDADE, LIBERDADE

  O grande jornalista, escritor e caricaturista brasileiro Millor Fernandes escreveu um musical com o título acima: “Liberdade, Liberdade”. No auge da repressão militar no país, o autor ousou discutir o conceito da palavra, a partir do seu texto e de outros, de artistas diversos.
Neste ano de 2010, está tudo trocado. Os que lutaram contra a opressão, os que estão fazendo o governo mais popular que este país já viveu, estão sendo acusados de forma avassaladora (como na música de Lenine) de querer suprimir a liberdade, de atentar contra a democracia, de tentar sufocar a imprensa.
Democratas, agora, são Índio da Costa, Rodrigo Maia, Antônio Carlos Magalhães Neto, Marco Maciel, José Agripino, Geraldo Alckmin e um José Serra que não tem nada a ver com aquele que foi presidente da UNE dos bons tempos.
Estão criando sofismas e tem gente boa embarcando na conversa. Porque Lula, o Governo e o PT não são puros, não batem com a utopia acalentada, estão imaginando que existem santos ou santas no terreno árido da política.
Marina Silva, que foi do PT 30 anos, que foi ministra de Lula os dois governos, de repente representa a melhor a alternativa de poder. É a Joana Darc do século XXI, reencarnada (espiritismo está na moda entre nós) no Brasil.
Os golpistas, as viúvas de 64 estão adorando Marina, que pode ajudar o antes desesperado Serra a disputar o 2º turno.
E falam em Liberdade, Liberdade.
Ora, a liberdade foi conquistada por Ulisses Guimarães, Tancredo Neves, Leonel Brizola, Miguel Arraes, Franco Montoro, Mário Covas,  Paulo Brossard, Marcos Freire, Teônio Vilela, Cristina Tavares, Roberto Freire, Jarbas Vasconcelos, Luiz Inácio da Silva, trabalhadores, estudantes, intelectuais. Muitos até morreram na luta por esse bem,  tão importante quanto respirar.
Nós temos liberdade. Desde 1984 que ela vem sendo semeada. Mesmo nos governos de Sarney e Collor; com Itamar, Fernando Henrique, na gestão de Lula... Todos esses dirigentes tiveram de jogar de acordo com as regras do regime democrático. Não existe nenhum clima de atentado às liberdades. Quem conhece a história do país e os atores atuais sabe disso.
Estamos convivendo diariamente com sofismas, malandragem até para dividir setores que poderiam estar unidos em torno das conquistas já alcançadas.
A Liberdade desses senhores (os Frias, os Marinho, os Mesquitas...) tal qual a dos donos do engenho do passado, é a liberdade de omitir, mentir, distorcer, agredir... Eles podem mais! E quando alguém se levanta contra eles, escancara a verdade, está atentando contra a democracia, a imprensa, a liberdade.
Na época da ditadura era fácil distinguir cada figura. Hoje é mais difícil, está tudo misturado. E quem procura santos ou santas, salvadores da pátria, heróis que não sejam de carne e osso, consolo para suas frustrações, respostas desconhecendo a história política nacional, embarca fácil nas espertezas da direita inteligente.
Deus queira que em nome da liberdade não a ameacem. Não façam como certos fanáticos, capazes de tudo em nome do Deus citado agora, que são capazes até de matar invocando o nome do Senhor.
Muitos devem dar um jeito de ver de novo, ou ler (basta procurar na internet) o discurso de Chaplin em O Grande Ditador. Ali se fala com precisão sobre Liberdade. (Roberto Almeida).
DUAS DO VERDADEIRO SERRA - Por Alexandre Marinho

Ainda bem que o povo brasileiro já percebeu a tramoia da grande imprensa do eixo Rio-São Paulo para tentar eleger José Serra presidente. O que a Globo, a Veja, a revista Época, a Folha de São Paulo e outros meios estão fazendo é um verdadeiro acinte a todos nós cidadãos e cidadãs brasileiros.

Estão deturpando a verdade, inventando notícias e se transformaram em panfletos medíocres do candidato do PSDB, e panfletos daqueles mais estudantis e amadores possíveis.

Vejam o que deu no Blog de Inaldo Sampaio:

"... num recanto de página que quase não chama a atenção dos seus leitores, a “Folha de São Paulo” noticiou: “Em discurso a funcionários de entidades filantrópicas, parceiras do Governo de São Paulo, Serra defendeu a reedição da CPMF, com alíquota menor à que foi aplicada até 2008 (0,38%), com receita destinada à saúde”.

Imaginem vocês se a Dilma tivesse falado em reedição da CPMF, se não estaria na manchete da Folha, da Veja e da Época, além da Rede Globo.

Mais uma do Serra, lembrada pelo Maurilio Ferreira Lima, que diz respeito ao aumento do salário mínimo para R$ 600,00 – conforme ele está prometendo irresponsavelmente:

"O discurso sobre salário de R$ 600,00, além de 13º para o Bolsa Família e mais 10% para aposentados: entrevistado por Miriam Leitão no Bom Dia Brasil e diante da qualidade profissional da jornalista, Serra deu uma “debreada”. Afirmou que nunca prometeu tudo isso, apenas anunciou. Se eleito, ele iria tentar descobrir como transformar o anúncio em realidade".

É... eis o verdadeiro José Serra. Estas coisas a grande imprensa esconde, ou no máximo dá pequenas notinhas de rodápé.

Pra mim, isso tem um nome: BANDIDAGEM ELEITORAL, ou seja, é prometer aquilo que você tem absoluta certeza de que não poderá cumprir.

Não é só o PT que tem seus aloprados... taí o maior dos aloprados do PSDB: o José Serra, ao prometer salário mínimo de R$ 600,00. E o pior: depois de prometer sistemáticamente, dizer que não é bem assim...

Minha Nossa Senhora! o que o desespero não faz?

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

ARMANDO ESTÁ NA FRENTE

O senador Marco Maciel (DEM) resistiu o quanto pôde, liderou até meados de setembro as pesquisas eleitorais, mas tudo indica que irá sucumbir ao rolo compressor de Eduardo Campos, (PSB) a ser eleito com mais de dois milhões de voto à frente de Jarbas Vasconcelos (PMDB). A tiracolo, deve  mandar para Brasília Humberto Costa (PT) e Armando Monteiro (PTB). Confira os números recentes do Datafolha:  Eduardo 72%, Jarbas 15%, Humberto 37%, Armando 30%, Maciel 22%, Jungman 6%.

FILME SOBRE LULA CONCORRE AO OSCAR


O longa-metragem "Lula - O Filho do Brasil" foi escolhido como representante do Brasil na corrida por uma vaga na categoria de filme estrangeiro da próxima edição do Oscar.

O representante brasileiro foi escolhido por uma comissão formada por nove especialistas, indicados pelo Ministério da Cultura e pela Academia Brasileira de Cinema. No total, 23 filmes se inscreveram em busca da vaga.

"Lula - O Filho do Brasil" foi dirigido por Fábio Barreto. O diretor sofreu um grave acidente automobilístico no final do ano passado, pouco antes do lançamento do filme. Ele dirigia, quando capotou várias vezes, na saída do Túnel Velho, em Botafogo.

O carro despencou de uma altura de quatro metros e o diretor sofreu traumatismo craniano. Ele recebeu alta em maio deste ano para continuar o tratamento em casa, mas continua em coma.

Com relação à escolha do filme, o presidente da Academia Brasileira de Cinema, Roberto Farias, explicou que o critério para a indicação não é a qualidade ou bilheteria, mas sim ter a "cara" de Oscar. “Como Lula, o Filho do Brasil, os 23 indicados têm qualidade e poderiam ser escolhidos”, disse o cineasta.

Abaixo, um comentário de Inácio Araújo, do Portal UOL, sobre o filme e suas possibilidades no Oscar:

LULA VAI NOS LEVAR AO OSCAR?
JustificarA primeira reação pode ser paranóica: se "Lula, o Filho do Brasil" vai ao Oscar seria por interferência política, etc.

Duvido.

Entre os que concorreram à indicação é o com melhores condições de emplacar no Oscar de filme estrangeiro.

Primeiro, aborda um personagem reconhecível universalmente.

Mais, que faz unanimidade fora do Brasil como pessoa admirada, antes de tudo, por sua trajetória pessoal.

Aqui, apesar de ser um presidente muito popular, há muitas pessoas que fazem ressalvas a Lula em vários níveis, do cultural ao político.

Esse aspecto emocional (e que nos dias atuais chega à demência, o que é de certo modo popular) inexiste no exterior.

E é essa trajetória de vida que o filme, aliás, explicita, da infância até os tempos de sindicalismo em São Bernardo e ao combate à ditadura.

Portanto, é também uma história de vencedor.

Pode até não ser o ideal para levar o Oscar ou, eventualmente, chegar a ele (causas humanísticas mais genéricas são sempre muito bem vistas), mas é de longe o melhor que temos. Eu diria que é o melhor que temos desde "Central do Brasil".

Alguém poderá dizer que "Cinco Vezes Favela" tem a vantagem de ser feito por jovens da própria favela etc.

Mas isso é muito abstrato. O Oscar não gira em torno disso.

Pode-se sempre alegar que "Lula" é quadrado como "Gandhi" (e bem produzido, guardadas as proporções devidas).

Mas isso é coisa de crítico. (Inácio Araújo).

ZÉ DA LUZ NA ENQUETE

Uma coisa não se pode negar: o ex-prefeito de Caetés, Zé da Luz, é persistente. Tem lutado contra tudo e contra todos para manter sua candidatura a deputado estadual, pelo PHS. Já perdeu várias na Justiça, mas continua enfrentando sua situação. Parece disposto a ir até o Supremo Tribunal Federal, se possível, para permanecer no páreo. No blog, quando se posta alguma notícia sobre ele, dezenas de comentários são imediatamente feitos, muitos procurando destratá-lo. Nem todos são publicados, pois alguns usam de baixaria e fazem acusações sem provas. Muitos ainda se escondem atrás do anonimato. No fim, quem vai decidir essa parada são os juízes. O que será que vai acontecer? Zé da Luz vencerá todos os obstáculos, terá votos e tomará posse como deputado? Depois de tanta luta os votos não serão suficientes para chegar à Assembleia? Conseguirá a votação, contudo não será empossado? Ou antes mesmo do dia 3/10 a Justiça dirá que ele é inelegível? A opinião é sua, caro leitor.

BREGAS FAZEM SHOW VIP PARA A ELITE

Essa eu peguei no Blog Capoeiras, um espaço assinado pelo Raimundo Lourenço, que está fazendo um trabalho muito bom. O fato é que a dupla brega Zezé de Camargo e Luciano fará um show, no Terraço Daslu, área nobre de São Paulo, proibido aos pobres ou remediados. Somente casais ricos poderão assistir os miados dos dois artistas. Aqueles com poder suficiente para jogar dinheiro fora pagarão R$ 9 mil (nove mil reais, sim senhor), tendo direito, depois de gastar toda essa grana, a um jantar chique e mais algumas mordomias do mundo vip. Com sorte ouvirão também música, quem sabe alguém prestará atenção nas contradições da letra de "Meu País". Se os sertanejos incluírem esse hit no repertório.

GARANHUNS SE DESTACA NO KARATÊ

Oito atletas da equipe de Karatê de Garanhuns estiveram no último domingo, 19 de setembro, em Olinda, participando do 10º Campeonato Pernambucano Escolar. Depois de competir com cerca de 200 karatecas, o grupo voltou para a terra natal com nove medalhas e um troféu. A Prefeitura de Garanhuns patrocina esses atletas.

A premiação foi feita por categorias Katá e Shyai Kumitê. Reginaldo Bezerra foi campeão no katá, abocanhando uma medalha de ouro e troféu, além disso, ele ainda conseguiu medalha de prata no Shyai Kumitê. Ayonara Cadete e Klebson Cordeiro também se destacaram, ela ganhou ouro no katá e broze no Shyai Kumitê. Já ele (Klebson) foi prata no Shyai Kumitê.

Os atletas Admilson Gomes e Felipe Mateus, do CRAS Magano, foram vice-campeões no Shyai Kumitê. Admilson também ganhou medalha de prata no katá e Felipe ainda conseguiu uma medalha de bronze também no Katá. (Texto enviado pela Secretaria de Comunicação do Município).

A próxima competição está marcada para o dia 24 de outubro, será o Campeonato de Karatê de Garanhuns. Todos os atletas do CRAS Magano participarão da competição.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

MARINA ATINGE MELHOR MARCA NA CAMPANHA

Pesquisa do Datafolha divulgada há pouco, pelos sites da internet e pelo Jornal Nacional, mostram a candidata do PV, Marina Silva (foto), atingindo a sua melhor marca na atual campanha política. A ex-ministra do Meio Ambiente ganhou quatro pontos do dia 20 de agosto até hoje, chegando aos 13% do índice de intenção de votos. José Serra, do PSDB, ganhou um ponto e ficou com 28%. Dilma Roussef (PT), perdeu um ponto e tem agora 49% da preferência dos eleitores. Se a eleição fosse neste momento a petista venceria no primeiro turno, mas a diferença dela para a soma dos outros candidatos já foi maior. Possivelmente a sucessão de denúncias das últimas semanas está tendo algum efeito, beneficiando principalmente Marina.

Bienal

Bienal